domingo, 19 de maio de 2019 VALE DO RIO TIJUCAS E COSTA ESMERALDA

Contraponto

Postado em 16 de maio de 2019

Sobre a nota “Casaca virada“, de anteontem no Blog, o ex-diretor de Trânsito e Transportes do município Alvino Aurélio Müller diz que admira a administração do prefeito Elói Mariano Rocha (PSD) e que não se vinculou ao MDB ou a qualquer outro partido. Ele reforça, ainda, que passou a residir em Brusque, e que já efetuou a transferência do título de eleitor para a Cidade dos Tecidos.

Müller confirma que recebeu investidas de oposicionistas, mas que rejeitou todas enfaticamente. O sargento de reserva da Polícia Militar explica que deixou o comando da Ditran (Diretoria de Trânsito e Transportes) apenas porque decidiu se dedicar integralmente à família. “Tenho outros propósitos. Quero cuidar da minha filha e da minha mulher, e de política eu quero distância”, conclui.

Casaca virada

Postado em 14 de maio de 2019

Ao tempo em que assina exonerações no colegiado, o prefeito Elói Mariano Rocha (PSD), de Tijucas, vem cedendo cabos eleitorais para a oposição. Pelo menos é o que mostram a ex-secretária de Ação Social, Rosely Steil – que passou a integrar o grupo de conversação online “Muda Tijucas” e criticar sistematicamente a administração municipal –, e o ex-diretor de Trânsito e Transportes do município, Alvino Aurélio Müller – que, segundo um passarinho verde, seria, atualmente, o mais novo aliado do MDB na Capital do Vale.

Rosely foi substituída por Bianca Bibiani Machado em novembro de 2017 por, de acordo com informações extraoficiais, “dificuldade de impor liderança à equipe”; e, da mesma maneira surpreendente que foi anunciada no início do governo, deixou o cargo. Müller, por sua vez, era um dos mais elogiados servidores do alto escalão municipal até o pedido de demissão, em março, por “problemas particulares”. Pois, então?!

Birra

Postado em 13 de maio de 2019

Acusado por grande parte dos emedebistas de “trair o partido” nas eleições de 2016 – quando, supostamente, teria apoiado Elói Mariano Rocha (PSD) contra o correligionário Elmis Mannrich (MDB) –, o ex-prefeito Valério Tomazi vem confessando a gente próxima que nem pensa em deixar o MDB e que, se voltar à cena política de Tijucas, será pelo MDB.

Tomazi é o único ex-prefeito periquito, ainda vivo, não contemplado na tradição de integrar a executiva municipal do partido. E vez ou outra volta à pauta do diretório, sempre que o tema “expulsão” vem à tona.

Tudo pode

Postado em 8 de maio de 2019

Hoje oposição, amanhã não se sabe. Assim caminha o PDT de Tijucas, que começa a discutir internamente uma possível composição para as eleições de 2020. Na campanha de 2016, a maioria dos brizolistas preferiu acompanhar Elmis Mannrich (MDB) no pleito majoritário. Para a próxima concorrência, o partido deve definir, ainda em assembleia interna, se abraça, de fato, a candidatura do empresário Thiago Peixoto dos Anjos a prefeito ou se forma aliança com periquitos ou colas-brancas.

A chapa majoritária, porém, segue como ideal. Tanto que Peixoto dos Anjos começa a ser preparado para, se necessário e de comum acordo, formar dupla com Elói Mariano Rocha (PSD) nos santinhos. E o jovem empresário parece não se opor. Diz aos mais próximos que faz a política neutra, e que espera, de alguma maneira, contribuir ativamente. Pois, então?!

Prefeito em números

Postado em 7 de maio de 2019

Não tem aquela pesquisa, contratada por um grupo de empresários de Tijucas, sobre a popularidade do prefeito Elói Mariano Rocha (PSD) e os níveis de aceitação do governo municipal? Então! Ela já foi concluída, e os números, como previsto, não vieram a público. Pelo menos, não oficialmente; mas os burburinhos, nos corredores do paço, dão conta dos entreolhares auspiciosos nos encontros do chefe do Executivo com o colegiado.

Para o Blog, em troca do anonimato, um secretário municipal revelou que a aprovação de Mariano Rocha chega à casa dos 81,9%, segundo o levantamento. A conferir. De certezas, porém, apenas o que dirão as urnas em 2020.

Amigos rivais

Postado em 30 de abril de 2019

Os itinerários do vice-prefeito Adalto Gomes (PT) e do vereador Fernando Fagundes (MDB) têm coincidido bastante ultimamente. Quando não casualmente, em confraternizações e entre amigos comuns, os encontros são provocados; a exemplo de uma visita do adjunto tijuquense ao ex-prefeito Nilton “Gordo” Fagundes, pai do parlamentar. Pode ser apenas cortesia e diplomacia – já que o patriarca dos Fagundes esteve com a saúde comprometida recentemente –, mas há quem garanta que essa aproximação tem a ver com o pleito majoritário de 2020.

Gomes tem cada vez menos espaço entre os colas-brancas, e vê as chances de candidatura a prefeito, com suporte do governo, se esvaírem nos clamores de reeleição a Elói Mariano Rocha (PSD). E o vereador, presidente municipal do MDB, pode ser o fio condutor para uma composição com o partido que mais vezes governou Tijucas. Ninguém afirma e nem confirma, mas essa possível aliança vem sendo especulada desde que Fagundes foi recebido, amistosa e discretamente, para uma conversa, a portas fechadas, com o vice-prefeito na Secretaria de Obras, Transportes e Serviços Públicos meses atrás. Pois, então?!

Cá e lá

Postado em 24 de abril de 2019
Foto: Divulgação

A ponte Tijucas-Brasília segue em ritmo mais acelerado que a Bulcão Viana. E o secretário de Administração e Finanças do município, Rosenildo de Amorim, é quem tem a incumbência de estreitar os caminhos entre a Capital do Vale e a presidência da República.

Por solicitação do prefeito Elói Mariano Rocha (PSD), ele viajou novamente para tratar dos recursos para o município, de projetos aprovados em 2017 e 2018, que foram contingenciados pelo governo federal. E já foi direto no secretário especial da Casa Civil para o Senado, o catarinense Paulo Bauer, que prometeu intermediar a liberação das verbas.

Pré-candidata?

Postado em 22 de abril de 2019

Crescem os burburinhos em torno de uma possível candidatura a vereadora, em 2020, da secretária de Cultura do município de Tijucas, professora Paula Regina da Silva.

Ao Blog, ela confirma que existem correntes nessa direção. Mas diz, também, que por vontade própria não se candidataria; a não ser por um bem maior, como “ajudar na reeleição do prefeito Elói Mariano Rocha (PSD)”.

Perguntas e respostas

Postado em 15 de abril de 2019
Foto: Passarinho incolor

Teve pesquisa de opinião pública, semana passada, nas ruas de Tijucas. Passarinho incolor – que, além de sobrevoar os porões do poder, também dirige e fotografa – conta que um conceituado instituto foi contratado por um grupo de empresários locais para formar um diagnóstico da popularidade e da gestão do prefeito Elói Mariano Rocha (PSD), bem como do secretariado municipal.

Os resultados devem servir apenas para análise interna. Supõe-se que os indicadores da pesquisa motivem possíveis mudanças na estrutura do município e sejam usados, ainda, no desenvolvimento da campanha cola-branca para as próximas eleições.

Páginas verdes

Postado em 10 de abril de 2019

Líderes de oposição em Tijucas se dizem mal de representantes no Legislativo. Acham, e não escondem, que os vereadores poderiam, e deveriam, ser mais incisivos no contraponto ao governo do prefeito Elói Mariano Rocha (PSD). Tanto que, dadas as circunstâncias, vêm planejando ataques à administração municipal por meios alternativos.

A ideia de um jornal, nos moldes do extinto A Verdade, para achincalhar Mariano Rocha e companhia, nunca esteve tão presente no seio oposicionista. Algumas páginas, inclusive, já estariam prontas para a prensa. Passarinho incolor adianta que a primeira edição deve ter como alvo um governista de codinome “Seu Peru”. A conferir.