terça-feira, 16 de julho de 2019 VALE DO RIO TIJUCAS E COSTA ESMERALDA

Segunda etapa

Postado em 20 de maio de 2019
Foto: Roberta Watzko/NaMídia

Em parceria com a prefeitura, o Sebrae/SC lançou, hoje, em Tijucas, a segunda etapa do Programa Cidade Empreendedora no município. O projeto visa o fortalecimento da gestão municipal com ações e consultorias em áreas básicas, como a liderança, a educação empreendedora e as compras púbicas, que são, de acordo com estudos técnicos da entidade, essenciais para o desenvolvimento econômico da Capital do Vale.

Entre as propostas anunciadas, destaca-se ainda o Plano Estratégico do Turismo, que inicia com a análise do mercado, da infraestrutura disponível em Tijucas e dos serviços voltados ao setor. A partir daí, vem a elaboração de um conjunto de ações que permitam a captação de recursos na área.

ANTES E DEPOIS

Na foto: parceiros na campanha de 2016, o prefeito Elói Mariano Rocha (PSD) e o engenheiro Sérgio “Coisa Querida” Cardoso, gerente do Sebrae/SC na Macrorregião da Foz do Itajaí, continuam alinhados tanto na política quanto na gestão.

Inverno na praia

Postado em 25 de março de 2019
Foto: Divulgação/CEC&VB

O engenheiro Sérgio “Coisa Querida” Cardoso representou o Sebrae/SC, quinta-feira (21), na apresentação do plano de ações para 2019 do Costa Esmeralda Convention & Visitors Bureau, no recém-inaugurado Itapema Beach Hotel e Resort. O evento reuniu autoridades e empresários para anunciar novidades e parcerias, e promover o networking entre os participantes.

O plano do CEC&VB para este ano prevê a formatação de pacotes turísticos para a região, um pitch dos associados, um seminário sobre turismo, além de eventos – como a famosa Rota Gastronômica –, de workshops e do desenvolvimento de materiais para divulgação das atrações de Itapema, Porto Belo e Bombinhas na baixa temporada.

 

Desaceleração

Postado em 5 de fevereiro de 2019

Crescem os burburinhos, tanto nos corredores do paço quanto nas searas oposicionistas, de que o prefeito Elói Mariano Rocha (PSD) estaria desacelerando na intenção de concorrer à reeleição em 2020. O mandatário tijuquense vem se recuperando de outro derrame, ocorrido em dezembro; e limitando as atenções à gestão do município, à saúde pessoal, e nem tanto à política.

Assim, abre-se o caminho para o vice-prefeito Adalto Gomes, que deve deixar o PT nos próximos momentos e continua crente no cumprimento do tratado com o grupo governista, de apoio integral no próximo pleito majoritário. Mas, entre os canários ainda persiste o sonho de firmar a campanha em torno da candidatura do engenheiro Sérgio “Coisa Querida” Cardoso (PSD)  que, mais uma vez, desfaz expectativas e diz que não quer e não vai.

Bom filho

Postado em 21 de janeiro de 2019

Servidor de carreira do Sebrae/SC, o engenheiro Sérgio “Coisa Querida” Cardoso declinou do cargo de assessor de Relações Institucionais e de Políticas Públicas da entidade – que ocupou antes de se tornar diretor de Administração e Finanças e que foi convidado a reaver – e preferiu ser o coordenador da Foz do Itajaí, que engloba as agências de Itajaí, Brusque e Tijucas e um total de 19 municípios. Quis voltar para a região, dar expediente em casa e trabalhar na rua, como sempre gostou.

Quarta-feira (16), Cardoso trouxe o superintendente Carlos Henrique Ramos da Fonseca, o diretor técnico Luciano Pineiro e o diretor administrativo e financeiro Anacleto Ortigara para conhecer as demandas do Vale e o trabalho realizado especialmente em São João Batista e Tijucas. Foi a primeira vez que a nova diretoria do Sebrae/SC deixou a sede da instituição, em Florianópolis, para uma atividade de campo.

Apadrinhamento

Postado em 7 de janeiro de 2019

Confirma-se agora que o ex-governador Eduardo Pinho Moreira (MDB) tinha intenções muito claras quando se envolveu diretamente na eleição do Sebrae/SC, em novembro: a principal era agasalhar o assessor e ex-deputado Miguel Ximenes na diretoria de Administração e Finanças, então ocupada pelo tijuquense Sérgio “Coisa Querida” Cardoso.

Como não conseguiu – porque a situação se uniu para eleger Anacleto Ortigara no cargo –, Pinho Moreira acabou nomeando Ximenes, no apagar das luzes, sem aviso prévio e com surpresa no Centro Administrativo do governo estadual, como vogal da Jucesc (Junta Comercial do Estado de Santa Catarina), apesar dos mandatos iniciarem apenas em 1º de março. Pois, então?!

Tem gente

Postado em 6 de dezembro de 2018

A casa do engenheiro Sérgio “Coisa Querida” Cardoso em Tijucas, num dos mais charmosos endereços da cidade, no miolo do Jardim Portobello, que estava à venda desde que ele se mudou com a família para Itapema, já não está mais vazia. Mas também não foi vendida.

O novo morador do número 205 do bairro nobre da Capital do Vale é o empresário Thiago Ternes Andriani, o Tyuco, que atua no mercado imobiliário e fez o caminho inverso do diretor do Sebrae/SC: trocou Itapema por Tijucas. O imóvel, que já estampou o letreiro “vende-se” pela Tyuco Imóveis, foi alugado pelo dono da imobiliária.

Perde e ganha

Postado em 22 de novembro de 2018

O engenheiro Sérgio “Coisa Querida” Cardoso, de Tijucas, deixa, em janeiro de 2019, a Diretoria de Administração e Finanças do Sebrae/SC – cargo que ocupa desde 2011. Quem assume o posto é o atual diretor técnico, Anacleto Ortigara, eleito hoje no Conselho Diretor da entidade.

Cardoso não concorreu à reeleição. Uniu forças com Ortigara, de quem é padrinho de casamento e amigo há mais de 30 anos, para vencer o projeto do governador Eduardo Pinho Moreira (MDB), que tentou emplacar o assessor Miguel Ximenes no cargo.

No campo político, na prosaica Capital do Vale, a notícia foi comemorada por uns e lamentada por outros. Ao Blog, com exclusividade, Coisa Querida aprovou o resultado do pleito. “Estou muito feliz. Deu tudo certo. Não pensei em mim, pensei no Sebrae. Nada muda para a nossa região”, pontua.

Servidor efetivo, Cardoso permanece no Sebrae/SC até a aposentadoria, que está próxima. Antes de ser eleito diretor administrativo e financeiro, ele havia ocupado o cargo de assessor de Relações Institucionais e de Políticas Públicas da entidade.

Fechando o cerco

Postado em 22 de outubro de 2018
Foto: Luiz Junnior/VipSocial

A imprensa do Vale do Rio Tijucas esteve na pauta do engenheiro Sérgio “Coisa Querida” Cardoso, do vice-prefeito de Major Gercino, Moacir Batisti (PP), dos prefeitos de Nova Trento, Gian Francesco Voltolini (PP), de Tijucas, Elói Mariano Rocha (PSD), e de São João Batista, Daniel Netto Cândido (PSD), e do vereador Antônio Carlos Flores (PSDB), de Canelinha, sexta-feira (19), no Restaurante e Pousada Sítio Nona Lurdes, em São João Batista.

Foi a cartada final para convencer, pelo Quarto Poder e com o argumento de que “as obras no Vale não podem parar”, o eleitorado local a escolher Gelson Merisio (PSD) neste domingo (28). No primeiro turno, o deputado estadual somou 17.087 votos contra 16.283 do comandante de reserva dos Bombeiros, Carlos Moisés da Silva (PSL), nos cinco municípios da região.

Quase unanimidade

Postado em 17 de outubro de 2018
Foto: Divulgação

Lideranças políticas de Tijucas, Canelinha, São João Batista, Major Gercino e Nova Trento, entre prefeitos, vice-prefeitos, ex-prefeitos e vereadores, estiveram com o engenheiro Sérgio “Coisa Querida” Cardoso ontem à noite para, além de tratar das demandas do Vale, declarar apoio ao candidato a governador Gelson Merisio (PSD) – de quem o diretor de Administração e Finanças do Sebrae/SC é muito próximo.

A quase unanimidade de Merisio entre a classe política da região tem um agravante: o deputado estadual e postulante ao cargo máximo do Estado é cidadão honorário de Tijucas e São João Batista.

Penitenciária: candidatos prometem

Postado em 16 de outubro de 2018

A exemplo do empresário César Luiz dos Anjos Júnior, o Cezinha da Asseinfo, alguns tijuquenses vêm usando as redes sociais para questionar os candidatos a governador Gelson Merisio (PSD) e Carlos Moisés da Silva (PSL) sobre a instalação – de novo! – de uma penitenciária industrial em Tijucas durante a gestão 2019-2022. O assunto voltou à tona com uma publicação do Jornal Razão sob o título “Justiça autoriza Penitenciária Industrial em Tijucas” e, evidentemente, alarmou a população.

O primeiro postulante ao Executivo catarinense a se manifestar foi Merisio, que negou peremptoriamente a intenção de ampliar o Presídio Regional de Tijucas. “Não farei penitenciária em Tijucas. É um compromisso meu com a cidade”, prometeu o candidato, que tem o prefeito Elói Mariano Rocha (PSD) e o engenheiro Sérgio “Coisa Querida” Cardoso como principais avalistas na cidade.

Em seguida, o comandante de reserva dos Bombeiros também respondeu. “Precisamos, sim, construir uma nova penitenciária no Estado. Mas não será em Tijucas”, pontuou Comandante Moisés.

A preocupação com o tema gerou, sobretudo, uma audiência pública, proposta pelos vereadores Rudnei de Amorim (DEM) e Juarez Soares (PPS) e regida pela Alesc (Assembleia Legislativa de Santa Catarina) em junho de 2017. Naquela feita, lideranças políticas do Vale e da Costa Esmeralda deixaram claro que não admitem a obra e que a região já tem feito a sua parte – com o Presídio Regional de Tijucas, na Itinga. Desde então, a administração municipal vem combatendo os planos do governo do Estado em litígios judiciais e com a exposição de empecilhos de toda sorte.