terça-feira, 29 de novembro de 2022 VALE DO RIO TIJUCAS E COSTA ESMERALDA

Portas abertas

Postado em 23 de novembro de 2022
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Quem imaginou que a dispensa da secretária de Administração do município de Porto Belo, Eliane Tomaz, quinta-feira (17), pelo prefeito Joel Orlando Lucinda (MDB), abreviaria a passagem da tijuquense pelo serviço público, enganou-se. A professora, também ex-secretária de Obras na gestão de Valério Tomazi (MDB) em Tijucas, vem sendo assediada por prefeitos da região desde que voltou ao mercado.

Uma das interessadas nos préstimos de Eliane seria a prefeita de Itapema, Nilza Simas (PSD). Mas as conversas, segundo fontes fidedignas do Blog, estariam mais adiantadas com o governo de Nova Trento, do jovem prefeito Tiago Dalsasso (MDB), que sempre elogiou a metodologia de trabalho da ex-secretária ainda na administração portobelense.

Desenvolvimento urbano

Postado em 23 de dezembro de 2021
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
Foto: Divulgação

Figura crucial na transformação imobiliária de Tijucas, o empresário Alexandre Lamim, popular Puera, da BR Lamim Empreendimentos, esteve com o prefeito em exercício Sérgio Fernandes Cardoso (PSD) ontem no paço municipal. Foi apresentar uma proposta de parceria público-privada que pode impulsionar ainda mais o desenvolvimento urbano da Capital do Vale.

 

Na última vez que isso aconteceu, nas transições dos governos de Elmis Mannrich (MDB) e Valério Tomazi (MDB), e a chegada do Parque Residencial Mata Atlântica, a cidade mudou de status e passou a atrair milhares de moradores e investidores. Nas estimativas da gestão municipal, Tijucas deve ter, entre os próximos cinco e dez anos, mais que o dobro da população atual. Lamim continua contribuindo com a expansão urbana e, como mais recente projeto, apresentou à comunidade o Loteamento BR Felice.

Dose dupla

Postado em 9 de agosto de 2021
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
Foto: Divulgação

Não somente o engenheiro Valério Tomazi (MDB), que governou Tijucas entre 2013 e 2016, aderiu à campanha do prefeito Emerson Stein (MDB), de Porto Belo, a deputado estadual em 2022. O vice no mesmo período, empresário Ailton Fernandes (PSD), também aprovou o projeto do mandatário portobelense à Assembleia Legislativa e vem movimentando as tropas em favor do vizinho.

 

É a primeira liderança tijuquense filiada a outra legenda que manifesta apoio a Stein para as próximas eleições. Antes, entretanto, o prefeito de Porto Belo já havia conquistado a maior parte do diretório do MDB municipal, com as adesões de figuras expressivas como Elmis MannrichEdson Souza Fernanda Melo Bayer.

Toma lá, dá cá

Postado em 4 de agosto de 2021
  •  
  •  
  • 6
  •  
  •  

Os feitos da ex-vereadora Lialda Lemos no cargo, de 2009 a 2016, continuam rendendo nos tribunais. Responsável por inúmeras ações — especialmente contra as gestões de Elmis Mannrich (MDB) e Valério Tomazi (MDB) — que ainda tramitam nas instâncias da Justiça, ela, agora, experimentou o lado inverso da situação. E precisa pagar indenização por danos morais ao servidor público municipal Cristiano da Silva, com quem vinha duelando judicialmente nos últimos anos.

Motorista da Secretaria Municipal de Saúde em 2015, Silva cumpria expediente em caráter de plantão, com uma ambulância estacionada em frente de casa, quando a então parlamentar publicou fotos da ocorrência no Facebook com a legenda “Em Tijucas pode!!! Motorista faz plantão em casa e leva a ambulância #TdViradoAvesso”. O servidor, munido de documentos e declarações que comprovavam a licitude do ato, acionou Lialda na Justiça e ganhou a causa.

A sentença, de 2018, previa indenização de R$ 20 mil; mas a ex-vereadora recorreu e conseguiu a diminuição para R$ 5 mil. Ontem, enfim, foi expedida a intimação para que a decisão seja cumprida.

Força somada

Postado em 2 de agosto de 2021
  •  
  •  
  • 38
  •  
  •  
Foto: Divulgação

A pré-candidatura do prefeito Emerson Stein (MDB), de Porto Belo, a deputado estadual em 2022 vem ganhando adeptos. Na região, os correligionários emedebistas têm abraçado o projeto do mandatário portobelense em grande escala. No fim de semana, foi a vez do ex-prefeito Valério Tomazi (MDB), de Tijucas, aderir ao movimento.

 

Na vizinha Capital do Vale, aliás, Stein já havia conseguido somar os apoios do também ex-prefeito Elmis Mannrich (MDB), do vereador Edson Souza (MDB), do casal de ex-vereadores Fernanda Melo Bayer (MDB) e Esaú Bayer, além de suplentes — como Oscar Luiz Lopes (MDB) — e outras lideranças da legenda.

Plano para 2024

Postado em 23 de fevereiro de 2021
  •  
  •  
  • 81
  •  
  •  

Secretária de Administração do governo de Porto Belo desde 2017, a tijuquense Eliane Tomaz pretende se candidatar nas próximas eleições municipais. Embora servidora pública na Capital Catarinense dos Transatlânticos, ela continua residente e com domicílio eleitoral em Tijucas, onde planeja, em 2024, concorrer a uma cadeira no Legislativo.

Eliane foi secretária de Obras, Transportes e Serviços Públicos na gestão do ex-prefeito Valério Tomazi (MDB), e comanda a pasta de Administração do município de Porto Belo desde o primeiro mandato do prefeito Emerson Stein (MDB).

Junta e ajunta

Postado em 11 de setembro de 2020
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

As conversas entre o MDB e o vice-prefeito Adalto Gomes (PL) para uma possível composição no pleito majoritário de Tijucas seguem à toda. Com o desmonte da dupla Fernanda Melo (MDB) e Gislaine Devitte (CIDADANIA), que parecia definida, o nome do adjunto tijuquense voltou à pauta do Manda Brasa com mais força.

Há, porém, uma condição para que o PL tope a conjuntura: os emedebistas precisam apresentar outro nome para a chapa. Gomes, que já formou com o advogado Fernando Rodrigues (PL) para a corrida ao paço e poderia rumar para o projeto periquito, não acredita na viabilidade da candidatura da presidente municipal do MDB e prefere posar nos santinhos com alguém de maior apelo eleitoral. O ex-prefeito Valério Tomazi (MDB), por exemplo, teria essa preferência.

ALINHADOS

A propósito: Gomes e Tomazi têm conversado com frequência e dito, um ao outro, que se as bases concordarem, entram juntos na disputa pela prefeitura.

Ferida aberta

Postado em 25 de agosto de 2020
  •  
  •  
  • 16
  •  
  •  

“Em Tijucas, o MDB foi uma mulher espancada, ferida, que teve a casa queimada e chegou à beira da morte; mas que conseguiu sobreviver e vem se restabelecendo, reconstruindo tudo. Agora, quem agrediu e arrasou, que fez todo o mal, quer voltar para a casa que destruiu”. Este foi um dos trechos da parábola que o ex-prefeito Valério Tomazi (MDB) ouviu ontem em reunião do partido, nas dependências do ex-vereador Edson Bayer. Pretenso postulante à vice-prefeitura, o vereador Elói Geraldo (MDB), a propósito, foi um dos que mais apontaram o dedo ao ex-mandatário — que ensaia nova candidatura ao Executivo municipal nestas eleições.

Tomazi, que se transformou no centro das atenções durante o encontro, pediu tempo para pensar. E garantiu que até sexta-feira (28) decide se continua com o plano de candidatura ou joga a toalha.

MAIORIA

A maior parte dos presentes na reunião, entretanto, definiu o nome da presidente municipal do partido e vereadora Fernanda Melo como opção de consenso para a disputa majoritária. A assembleia emedebista foi formada por figuras locais, como, além dos já citados, o ex-prefeito Elmis Mannrich e o vereador Fernando Fagundes, e de outras estâncias, a exemplo do prefeito Moacir Montibeler, de Canelinha, e do deputado federal Celso Maldaner, presidente do partido em Santa Catarina.

Correção histórica

Postado em 24 de agosto de 2020
  •  
  •  
  • 20
  •  
  •  

O ex-prefeito Elmis Mannrich (MDB) tem sido bastante acionado nas últimas semanas para intervir nas hostes emedebistas. Mensageiros de parte a parte tentam convencer o ex-mandatário de que ele poderia corrigir dois descompassos na sua basta história política se conseguisse lançar, nestas eleições, uma chapa com Valério Tomazi (MDB) e Roberto Vailati (PSB) à prefeitura de Tijucas.

Vailati e Tomazi, cada qual por seu motivo, romperam relações com Mannrich em 2006 e 2016, respectivamente; e agora esperam, persuadidos por tutores afins, que o ex-prefeito, líder benemérito do MDB, interfira na executiva municipal do partido e banque a dupla. Seria, quem sabe, talvez, possivelmente, com os três abraçados, o palanque mais inusitado e surpreendente dos últimos tempos na Capital do Vale.

Corte e costura

Postado em 9 de julho de 2020
  •  
  •  
  • 21
  •  
  •  
Foto: Divulgação

Tudo leva a crer que o PL do vice-prefeito Adalto Gomes e o MDB da principal opositora da administração municipal, vereadora Fernanda Melo Bayer, estarão juntos no pleito que se aproxima. Líderes dos dois partidos, mais representantes do Cidadania e do Solidariedade, reuniram-se nesta noite para tratar da coalizão — que, neste momento, é praticamente certa.

Com espaço cada vez mais reduzido no governo, e as chances de reedição da chapa com Eloi Mariano Rocha (PSD) se esvaindo, o vice-prefeito vem, há algum tempo, buscando acordos nos setores de oposição. Nas coxias da política tijuquense, conjetura-se a união, em chapa MDB/PL, especialmente para estas eleições, de Valério Tomazi e Adalto Gomes, que concorreram, um contra o outro, à prefeitura no pleito de 2012.