terça-feira, 23 de julho de 2024 VALE DO RIO TIJUCAS E COSTA ESMERALDA

Qualidade alta

Postado em 10 de julho de 2024
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
Foto: Divulgação

Os números do IPS (Índice de Progresso Social) divulgados nesta semana apontaram que Nova Trento é a 11ª cidade com melhor qualidade de vida em Santa Catarina. A ferramenta utiliza três dimensões para analisar o desempenho social e ambiental dos territórios.

Entre os quesitos, estão as necessidades humanas básicas, os fundamentos do bem-estar e oportunidades. A cidade de Santa Paulina fez 67,16 pontos no ranking, número que fez o município ser o único do Vale do Rio Tijucas presente na lista.

O prefeito Tiago Dalsasso (MDB) celebrou e afirmou que a boa colocação é fruto de um trabalho desenvolvido pela administração municipal. “Resultado de um trabalho bem pensado para a nossa gente. É um destaque muito significativo. Esse é um reconhecimento ao esforço contínuo da comunidade e da administração em promover um ambiente de vida saudável e próspero para nossos habitantes”, explicou.

Prato feito

Postado em 1 de julho de 2024
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
Foto: Divulgação

A pouco mais de três meses das eleições municipais, agendadas para o próximo dia 6 de outubro, restam poucas dúvidas em Nova Trento. Os blocos de situação e oposição já têm praticamente definidos os nomes que concorrerão no pleito.

Do lado governista, a dupla vencedora em 2020 deve ser repetida neste ano. Tiago Dalsasso (MDB) e Moacir Dalla Brida (PSD), atuais prefeito e vice, devem seguir juntos para tentar o direito de governar a cidade por mais quatro anos.

Já o ex-vereador e ex-secretário municipal, Maxiliano de Oliveira (PL), deve representar a oposição. Nesta semana, o bloco liderado por Max definiu e oficializou a pré-candidatura do empresário Laerci Girola (PP) a vice-prefeito.

PSDB e UNIÃO BRASIL, que integram o movimento oposicionista, acataram a indicação do candidato à vice diante dos resultados de uma pesquisa de opinião popular, e devem indicar apenas postulantes ao parlamento municipal.

Pavimentaço

Postado em 18 de junho de 2024
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
Foto: Divulgação

Uma parceria entre prefeitura de Nova Trento e Governo do Estado resultará em mais de quatro quilômetros de vias públicas asfaltadas. O anúncio oficial foi feito pelo prefeito Tiago Dalsasso (MDB), que pleiteava o recurso há algum tempo.

O investimento será em torno de R$ 14 milhões. A pavimentação será iniciada na junção dos bairros Espraiado e Morro da Onça, seguindo por ruas do Cascata e outras regiões centrais da terra de Santa Paulina.

Dalsasso agradeceu ao secretário de Estado da Infraestrutura, Jerry Comper, com quem nutre longa relação de amizade, e ao governador Jorginho Mello (PL), pelo “compromisso com a cidade”. “São mais de quatro quilômetros que transformarão a vida da nossa gente. Um sonho sonhado juntos e que será realizado em várias mãos”, celebrou o mandatário.

Nada feito

Postado em 7 de junho de 2024
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
Foto: Divulgação

O que antes era uma certeza, hoje é uma dúvida. O bloco de oposição em Nova Trento, encabeçado por PL e composto por PP, PSDB e UNIÃO, pode sofrer a baixa de um dos mais tradicionais partidos do município: o PSDB.

Fontes do Blog revelavam há algumas semanas um certo desconforto pela preferência dos liberalistas, sobretudo do pré-candidato a prefeito pela legenda, Maxiliano de Oliveira, em indicar um candidato a vice-prefeito do PP. O nome favorito, aliás, era o do empresário e ex-vereador Edson Hugen.

Os tucanos reclamam, ainda, de uma sugerida falta de protagonismo nos blocos, desde 2012, quando acompanharam o PP em chapa liderada por Gian Francesco Voltolini (PP), fato repetido em 2016 na reeleição do progressista e, na última eleição, quando o grupo foi vencido por Tiago Dalsasso (MDB).

Recentemente, lideranças e simpatizantes do PSDB anunciaram que podem deixar o bloco e ameaçaram lançar uma candidatura própria, caso a pesquisa de opinião pública não seja levada em consideração na escolha do candidato a vice-prefeito.

“A pesquisa tem que ser criteriosa e nos mostrar números reais de cada pré-candidato a vice. Se aparecer outro candidato com melhor índice, apoiaremos. Mas não aceitaremos imposição de ninguém”, declarou o vereador e presidente tucano, Gabriel Battisti, em entrevista a uma rádio local.

Braço forte

Postado em 14 de maio de 2024
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
Foto: Divulgação

O drama vivido há mais de duas semanas pelo povo do Rio Grande do Sul sensibilizou o prefeito Tiago Dalsasso (MDB), de Nova Trento. O mandatário, que já havia determinado e organizado a arrecadação de donativos para as vítimas da enchente, decidiu ceder servidores para ajudar em resgates.

Leonardo Moritz, que atua como agente de Proteção e Defesa Civil na cidade de Santa Paulina, deslocou-se até a cidade de Canoas, na região metropolitana de Porto Alegre, onde atuará em resgates aquáticos. Um grupo formado, ainda, por policiais militares de Tijucas e agentes da Defesa Civil de São João Batista, deve atuar na cidade gaúcha até o fim de semana.

A prefeitura de Canoas enfrenta uma situação de emergência com cerca de 50 mil habitantes em áreas de risco, indicadas por alertas de evacuação. Desde então, o município gaúcho passou a pedir ajuda de voluntários com embarcações para a retirada de moradores.

“Ficamos contentes em ajudar. Estamos assistindo as imagens devastadoras e ficamos muito sensibilizados. Recebemos esse pedido de ajuda e, prontamente, o nosso agente Leonardo aceitou embarcar nesta missão. Nova Trento seguirá fazendo o possível para ajudar o povo gaúcho”, disse o prefeito neotrentino.

Sem surpresas

Postado em 6 de maio de 2024
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
Foto: Luan Lucas

A aliança vencedora de 2020, em Nova Trento, deve ser mantida em 2024, custe o que custar. O prefeito Tiago Dalsasso (MDB) e o vice-prefeito Moacir Tadeu Dalla Brida (PSD) estarão juntos, outra vez, concorrendo ao direito de permanecer nas respectivas funções por mais quatro anos.

Dalsasso tem dito que a fidelidade do adjunto é um dos fatores decisivos para a manutenção da chapa, mas pontua, ainda, o trabalho realizado a quatro mãos. Em entrevista ao programa LINHA DE FRENTE, na última quinta-feira (2), o mandatário explicou a decisão de reeditar a dupla Tiago&Moacir.

“Desde o começo, sempre tive uma conversa muito clara de que iriamos avaliar ao longo do tempo se teríamos condições ou não de sermos candidatos ou não. Eu e o Moacir, juntos, construímos um trabalho, junto de pessoas que nos rodeiam. Conseguimos entregar muito resultado. Erramos, mas acertamos muito. Então, eu sou pré-candidato a prefeito, com o Moacir como pré-candidato a vice. Essa é a nossa chapa e vamos pra eleição assim. É eu e Moacir. Pra vencer ou pra perder”, bradou Dalsasso.

GRUPO UNIDO

A ida do adjunto ao PSD, após a traumática saída do PL, também teve vistas ao pleito municipal. A boa relação e a proximidade com lideranças da legenda no Estado, como os deputados estaduais Napoleão Bernardes e Júlio Garcia, facilitaram o caminho.

“Tudo tem um começo. O PSD, em Nova Trento, começou junto com o MDB. Foi criado para as eleições de 2012, onde o candidato a vice foi Natal Tomasoni, pelo PSD. Como já tivemos uma origem lá atrás, óbvio que sempre conversamos. Foram conversas claras e honestas, que incentivaram o Moacir a dar esse passo. Em 30 dias, foram filiadas 100 pessoas. Foi feito um grande trabalho pelo grupo que se reuniu ao redor deles”, explicou o prefeito.

Time formado

Postado em 16 de abril de 2024
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
Foto: Arquivo Pessoal

O presidente do MDB e vereador de Nova Trento, Luiz Fernando Eccel Rachadel, confirmou, em entrevista a uma rádio local, que a chapa encabeçada pelo prefeito Tiago Dalsasso, candidato natural do partido à reeleição, está praticamente fechada. 

Além da própria legenda que administra a cidade desde 2021, PSD, do vice-prefeito Moacir Tadeu Dalla Brida, e o Podemos, estarão coligados no projeto. Reuniões para tratar da candidatura já foram realizadas, com participações de membros dos três partidos. 

“Hoje a coligação será formada pelo MDB, PSD e Podemos, já que esses dois partidos mostraram interesse de estar com o MDB”, resumiu o parlamentar. A tendência, a propósito, é de que apenas MDB e PSD lancem nominata de vereadores, condição que, inclusive, teria sido acordada nos encontros. 

CANDIDATOS À REELEIÇÃO 

O Manda Brasa neotrentino também vem trabalhando para manter a condição favorável à bancada governista da Câmara de Vereadores. Atualmente, o partido tem a maioria no Legislativo e quatro dos cinco parlamentares devem concorrer novamente a uma das nove cadeiras. 

Eccel Rachadel revelou que, além dele, os vereadores Emerson Machado, Flávio Felipe Dalprá e Gustavo Orsi demonstraram o interesse de tentar a reeleição, enquanto Genésio “Édo” Luiz Piazza, que cumpre sua terceira legislatura, já informou a executiva local do MDB que não concorrerá novamente. 

Número crescente

Postado em 15 de abril de 2024
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
Foto: Arquivo Pessoal

Na oposição do governo de São João Batista o que não faltam são pré-candidatos à prefeitura. Embora nomes como o do empresário Felipe Lemos (PL) e dos ex-vereadores Fábio Norberto Sturmer (PP) e Juliano Peixer (UNIÃO) se destaquem, as apostas não param por aí.

Na coalizão PL/PP/UNIÃO/PODE, que pode ter a adesão de outros partidos – como o REPUBLICANOS, por exemplo –, apresentam-se ainda como opções os vereadores Gustavo Grimm (PL), Mário Teixeira (PL), Mateus Galliani (PP) e Elisandro dos Santos (PODE).

Soma-se ao grupo, caso o PSB seja acoplado, o nome do advogado e ex-vereador Leôncio Paulo Cypriani, atual assessor jurídico do gabinete do prefeito Tiago Dalsasso (MDB), em Nova Trento.

A postulação da vez, no entanto, seria a do ex-vereador Leonardo Kammer, o Léo, filho do notável empresário Laudir José Kammer, o Alemão, que tem capital político e econômico capazes de mudar os rumos do pleito batistense. Filiado ao PODEMOS e com pretensões claras de concorrer ao cargo máximo do município, o jovem ex-parlamentar garante que teria, atualmente, uma das menores rejeições do grupo.

Balanço positivo

Postado em 27 de março de 2024
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
Foto: Arquivo Pessoal

O roteiro de visitas no Congresso Nacional, cumprido pelo prefeito Tiago Dalsasso (MDB), de Nova Trento, nesta semana, foi, segundo ele mesmo, bastante positivo. O mandatário celebrou, logo no retorno, as boas notícias recebidas durante a viagem à Capital Federal.

Chamou atenção, aliás, a audiência de Dalsasso com o senador Esperidião Amin (PP), que, por lógica, legenda partidária e convicção, seria um apoiador do grupo de oposição na Terra de Santa Paulina. Mas, o posicionamento ficou em segundo plano.

“Agenda cheia, buscando recursos para a conclusão de projetos. Faz parte! Defesa Civil, Saúde, Educação e Assistência Social foram pautas levantadas. Volto otimista e cheio de vontade”, resumiu o prefeito.

Influências

Postado em 25 de março de 2024
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
Foto: Arquivo Pessoal

Certa feita, o jornalista e historiador Leopoldo Barentin, fundador do Jornal Razão, referiu-se ao vice-prefeito Sérgio “Coisa Querida” Cardoso (PSD), de Tijucas, como “um cidadão cosmopolitano”. A citação obviamente vem da experiência global do adjunto tijuquense, sobretudo das viagens internacionais e cursos mundo afora, e das influências que recebeu e implantou na esfera local, principalmente nos setores produtivo, comercial e de Educação.

Agora pré-candidato à sucessão municipal, Cardoso segue o mesmo ritmo, e crente que as referências além dos muros de Tijucas ainda são a fonte do sucesso. As provas são os “intercâmbios” com gestões elogiadas – e de correligionários –, como as de Clésio Salvaro em Criciúma, Topázio Neto em Florianópolis, e João Rodrigues em Chapecó, que ele tem frequentado e tomado como modelos.

Na região, as visitas recentes foram aos prefeitos Tiago Dalsasso (MDB), em Nova Trento, e Diogo Francisco Alves Maciel (PL), em Canelinha, duas jovens escolhas da comunidade para a condução dos municípios e que têm bons índices de aprovação segundo as pesquisas.