quarta-feira, 4 de agosto de 2021 VALE DO RIO TIJUCAS E COSTA ESMERALDA

Descida do muro

Postado em 21 de junho de 2021
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

O prefeito de Canelinha, Diogo Francisco Alves Maciel (PSL), vai jantar com o governador Carlos Moisés da Silva (PSL) hoje à noite na Casa d’Agronômica. O encontro, com outros peesselistas catarinenses ao redor da mesa, deve ser de definições sobre as eleições de 2022. O chefe do Executivo estadual quer saber se teria apoio suficiente entre os correligionários para tentar a reeleição.

Presidente estadual do PSL, o deputado federal Fábio Schiochet diz, sem pestanejar, que compõe a ala bolsonarista do partido — que não é a mesma de Moisés. Bolsonaro (Jair Messias, presidente da República), aliás, já declarou que apoiaria o senador Jorginho Mello (PL-SC) na disputa ao governo de Santa Catarina em 2022.

E no jantar desta noite, obviamente, o joio deve ser definitivamente separado do trigo.

Pauta política

Postado em 16 de junho de 2021
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
Foto: Divulgação

A relação entre o vice-prefeito Sérgio Fernandes Cardoso (PSD) e o senador Jorginho Mello (PL-SC) é cada vez mais estreita. Com o diretor do Samae (Serviço Autônomo Municipal de Água e Esgoto), Luiz Rogério da Silva, o adjunto tijuquense cumpre agenda em Brasília nesta semana e, entre compromissos protocolares, esteve mais uma vez com o presidente do PL em Santa Catarina.

 

Desde que se tornaram próximos, o senador vem assediando Coisa Querida a ingressar no PL e, além disso, comandar o partido em Tijucas. Neste recente encontro, na capital federal, o convite foi refeito; mas, ainda, sem o esperado “sim” do vice-prefeito.

Convite pessoal

Postado em 25 de maio de 2021
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
Foto: Divulgação

O vice-prefeito de Tijucas, engenheiro Sérgio “Coisa Querida” Cardoso (PSD), recebeu, no fim de semana, a visita do senador Jorginho Mello, presidente do PL em Santa Catarina. Na pauta do encontro, além dos programas de incentivo às micro e pequenas empresas — principal bandeira do congressista e assunto bem comum para o adjunto tijuquense, ex-diretor do Sebrae/SC —, não faltou a política.

 

Coisa Querida vem sendo cortejado por Mello há tempos. De acordo com o senador, o vice-prefeito da Capital do Vale seria o nome ideal para comandar o PL no município. Em entrevista ao LINHA DE FRENTE, na VipSocial TV, em março, ele revelou que existem conversas nessa direção e, durante a visita ao ex-diretor do Sebrae/SC, refez o convite.

 

Consultado pelo Blog, Cardoso pontuou apenas que se sente muito bem no PSD, mas que não descarta qualquer movimento futuro.

À casa torna

Postado em 28 de abril de 2021
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

O ex-vice-prefeito Adalto Gomes, que, oficialmente, ainda responde pela presidência do PL em Tijucas — por onde, inclusive, concorreu à prefeitura em 2020 — vem anunciando a desfiliação do partido. E deve levar consigo os fieis seguidores que o acompanharam na mudança, no fim de 2019. O destino do grupo é o PT, de novo.

Consultado pelo Blog, Gomes confirmou o movimento e justificou: “somos de esquerda, e o senador (Jorginho Mello, presidente do PL em Santa Catarina) é muito de direita”. As tratativas para o retorno às fileiras petistas já iniciaram.

Vice-prefeito no PL

Postado em 26 de março de 2021
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Se existem conversas nesse rumo, não se sabe; mas o senador Jorginho Mello, presidente do PL em Santa Catarina, quer o vice-prefeito Sérgio “Coisa Querida” Cardoso (PSD), de Tijucas, nas fileiras liberais e com candidatura à Assembleia Legislativa nas próximas eleições. A revelação foi feita ontem, durante entrevista ao programa LINHA DE FRENTE, ao vivo, na VipSocial TV. “Queremos que ele seja nosso representante aí. Ficaríamos muito maiores e mais qualificados. Ele vai ser o que quiser!”, disse.

Mello, a propósito, confirmou que o PL tijuquense — que tem o ex-vice-prefeito Adalto Gomes na presidência — passa por reformulações. De acordo com o senador, o cozinheiro José Vicente de Souza e Silva, o Zezinho, presidente da Associação de Moradores de Nova Descoberta, que alcançou 643 votos na disputa proporcional de 2020 e não se elegeu por quociente eleitoral, teria preferência para gerir o diretório na Capital do Vale. “Ele, junto com Coisa Querida, vão comandar o partido”, profetizou. Assista à entrevista na íntegra:

Talk show com personalidades da política que tenham relação direta ou indireta com o Vale do Rio Tijucas e a Costa Esmeralda, o LINHA DE FRENTE vai ao ar semanalmente, todas as quintas-feiras, às 19h30, na VipSocial TV e com transmissões simultâneas nas redes FacebookYouTube e Instagram.

Líder em ascensão

Postado em 11 de janeiro de 2021
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

O ex-vice-prefeito Adalto Gomes, que concorreu à prefeitura de Tijucas nas eleições de 2020 e somou apenas 556 votos, não deve permanecer no comando do PL municipal. Pelo menos foi o que ficou sublinhado na visita do senador Jorginho Mello (PL-SC) à Capital do Vale, sábado (9).

Durante reunião com correligionários em Nova Descoberta — e sem a presença de Gomes —, o senador considerou que “o partido precisa de uma reformulação”. Mello, que vem pavimentando a estrada para a disputa do governo estadual em 2022, foi recepcionado pelo cozinheiro José Vicente de Souza e Silva, o Zezinho, presidente da Associação de Moradores do bairro, que alcançou 643 votos na disputa proporcional de 2020 e não se elegeu por quociente eleitoral, e que teria intenção de tomar as rédeas do PL tijuquense.

Prato cheio

Postado em 3 de março de 2020
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
Foto Divulgação

Por intermédio do vice-prefeito Adalto Gomes (PL) e do vice-presidente do PL em Tijucas, Edjalma Matos (E), o senador Jorginho Mello (PL-SC) destinou à Secretaria de Saúde do município, em emenda parlamentar, R$ 200 mil. A visita do auxiliar parlamentar Heleno Orlandino Martins (D), hoje, à Capital do Vale, oficializou o desígnio do recurso.

De acordo com Matos, cerca de R$ 1 milhão em emendas do gabinete do congressista liberal estariam programados para entrar no caixa do município nos próximos meses. Jorginho Mello deve vir a Tijucas na próxima semana, para cumprir agenda com o vice-prefeito e correligionários locais.

Chapa formada

Postado em 19 de fevereiro de 2020
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
Foto: Divulgação

Presidente do PL em Santa Catarina e conjeturado postulante ao governo estadual em 2022, o senador Jorginho Mello (C) voltou à região no início da semana para, mais uma vez, envolver-se diretamente no processo eleitoral do Vale do Rio Tijucas. O ingresso do empresário Moacir Dallabrida (ex-MDB) nas fileiras liberais foi o objetivo principal da visita.

Dallabrida, que tem negócios em Nova Trento e Porto Belo — é dono da Construtora Porto Belo —, chega ao PL para, em princípio, formar chapa com o vereador Tiago Dalsasso (MDB) na concorrência majoritária da Terra de Santa Paulina.

Nova agenda

Postado em 27 de janeiro de 2020
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Assessor de imprensa do senador Jorginho Mello, o jornalista Maurício Locks contata o Blog para endossar a nota “Encontro liberal” — sobre a ausência do presidente estadual do PL em evento do partido, quarta-feira (22), em Canelinha, por conta de um compromisso de última hora em Brasília — e informar que o congressista catarinense já solicitou uma nova agenda na Cidade das Cerâmicas.

O evento, que teria a participação do senador como ápice, foi frustrado com a notícia do cancelamento da visita. A presidente municipal do PL, professora Patricia Borati, e o vereador e pré-candidato a prefeito Antônio Carlos Flores (ainda no PSDB, mas prestes a se filiar no PL) não esconderam o incômodo com o revés durante todo o encontro.

Encontro liberal

Postado em 23 de janeiro de 2020
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
Foto: Léo Nunes

Na foto, com o deputado estadual Maurício Eskudlark (PL), estão três pré-candidatos a prefeitos de municípios do Vale do Rio Tijucas. O microempresário Estevan Nascimento, de São João Batista; o policial rodoviário federal aposentado e vice-prefeito Adalto Gomes, de Tijucas; e o vereador Antônio Carlos Flores, de Canelinha, reuniram-se ontem à noite em evento de fortalecimento do PL na região.

O encontro, na Câmara Municipal de Canelinha, contaria com a presença do presidente estadual da legenda e senador Jorginho Mello (PL-SC), que acabou cancelando a visita à Cidade das Cerâmicas por conta de um compromisso de última hora em Brasília. A baixa, inclusive, entravou o principal anúncio da noite: o ingresso do vereador canelinhense — que sempre militou no PSDB — nas fileiras liberais para a disputa majoritária deste ano com a promessa de suporte integral do PL estadual.