sábado, 19 de setembro de 2020 VALE DO RIO TIJUCAS E COSTA ESMERALDA

Novo secretário

Postado em 20 de maio de 2020
Foto: PMT/Divulgação

Pedra cantada no Blog deu bingo. Conforme antecipado na nota “Vai e volta“, o vereador Odirlei Resini (MDB) assumiu, agora pela manhã, o comando da Secretaria Municipal de Agricultura, Pesca e Meio Ambiente. A alocação do parlamentar no colegiado municipal contempla, ainda, o suplente Cláudio Tiago Izidoro (PP), que volta à Câmara para preencher a vaga aberta.

Resini garante que foi pego de surpresa, e que o convite do prefeito Eloi Mariano Rocha (PSD) foi oficializado apenas ontem. No comunicado oficial, a prefeitura diz que a nomeação do vereador na regência da pasta “atende à solicitação dos agricultores”.

Três de oito

Postado em 21 de fevereiro de 2020

A exemplo de Daniel Netto Cândido, de São João Batista, e Valmor Pedro Kammers, de Major Gercino, o prefeito de Bombinhas, Paulo Henrique Dalago Müller (DEM), deve, também, migrar para o PSL nesta janela de transferências partidárias. Se confirmada a filiação, a região do Vale do Rio Tijucas e Costa Esmeralda, que é composta por oito municípios, contaria com três prefeituras peesselistas.

Os trâmites estão adiantados, mas ainda não foram concluídos. Com exclusividade para o Blog, Dalago Müller garante que continua filiado ao DEM e que a migração para o PSL vem sendo avaliada. “Tive conversas com o governador Carlos Moisés da Silva e com o chefe da Casa Civil estadual, Douglas Borba, na semana passada, mas, neste momento, estou no Democratas”, revela.

Educação e pré-disposição

Postado em 21 de fevereiro de 2020

O professor aposentado e ex-vereador Gregório de Souza Filho, de São João Batista, assinou filiação no PP para concorrer na eleição majoritária da Capital Catarinense do Calçado em outubro. O convite teria partido do empresário Alyson dos Santos — irmão do ex-prefeito Aderbal Manoel dos Santos (PP) —, que, até então, tinha a preferência do partido para a cabeça da chapa.

Hoje pela manhã, Gorinho foi entrevistado na Rádio Super FM e reafirmou a pré-disposição ao pleito. Ele se apega ao case de sucesso do prefeito de Tijucas, Eloi Mariano Rocha (PSD), também professor, que contrariou os prognósticos, desbancou favoritos, e foi eleito na concorrência de 2016 com a segunda maior diferença de votos da história do município.

Ideologia à parte

Postado em 18 de fevereiro de 2020

As diferenças ideológicas não foram empecilho para que a deputada estadual Ana Paula da Silva (PDT), de Bombinhas, fosse convidada a liderar a bancada governista na Assembleia Legislativa. Não para o governador Carlos Moisés da Silva (PSL), pelo menos. A representação do PDT em Santa Catarina, porém, torceu o nariz e pediu explicações à parlamentar.

Em carta aos correligionários, Paulinha pontuou que não foi eleita “para ser ‘oposição’ ou ‘situação'”, e nem “para ocupar o tempo de tribuna com reclamações”. A deputada revela, ainda, que “neste ano de convívio com o governador, conheceu um homem que, sem nenhum constrangimento, optou também pela sua consciência aos jargões dos preconceitos ideológicos” … “que, em sua humildade, dialoga (com os deputados pedetistas) sem ensejar contrapartidas ou negociações”.

Pronta a aceitar o convite, a ex-prefeita de Bombinhas ponderou que “para ele (o governador) talvez fosse ainda mais difícil, no rol da obviedade da política medíocre que nos faz míopes das grandes verdades da alma, explicar a escolha de uma líder mulher, pedetista, eleitora de Ciro (Gomes (PDT), candidato à presidência da República nas eleições de 2018 e crítico voraz de Jair Bolsonaro (PSL)”. Pois, então?!

Migração

Postado em 17 de fevereiro de 2020

Entre 17 prefeitos catarinense que migraram para o PSL do governador Carlos Moisés da Silva, sábado (15), em cerimônia festiva na Ilha, dois pertencem ao Vale do Rio Tijucas: Daniel Netto Cândido (ex-PSD), de São João Batista, e Valmor Pedro Kammers (ex-PSDB), de Major Gercino.

DE OLHO EM 2022

Daniel Cândido tem claras intenções de concorrer ao Legislativo estadual nas próximas eleições gerais. E o ingresso no PSL tornaria esse cenário muito favorável. Ao invés da necessidade iminente de somar cerca de 38 mil votos para garantir uma vaga na bancada do PSD, o jovem mandatário batistense, no partido do governador e na calculadora, alcançaria o parlamento catarinense com votação próxima de 26 mil.

Alem do quê, o prefeito da Capital Catarinense do Calçado não ficaria sem holofotes no fim do mandato. Ele não fala abertamente sobre o assunto, mas tem convite formal para assumir um cargo de primeiro escalão no governo estadual assim que deixar a prefeitura.

NEGOCIAÇÃO ANTIGA

O prefeito de Major Gercino já estava de malas prontas para o PSL há muito tempo. Desde meados de 2019, Valmor do Pita — como é chamado popularmente — estava decidido.

As negociações envolvem, sobretudo, aporte do governo estadual no projeto de reeleição pretendido por Kammers neste ano.

Malas prontas

Postado em 11 de fevereiro de 2020

O jovem mandatário de São João Batista, Daniel Netto Cândido (PSD), passou a ser fortemente especulado no PSL recentemente. No fim de janeiro, a propósito, o presidente estadual da legenda, deputado federal Fabio Schiochet, esteve na Capital Catarinense do Calçado especialmente para formalizar o convite.

Neste sábado (15), a cúpula peesselista do Estado promove um evento de filiações para prefeitos catarinenses, e o chefe do Executivo batistense está na lista. A aproximação entre Cândido e o PSL teria sido intensificada durante um jantar com o governador Carlos Moisés da Silva na semana passada.

Consultado pelo Blog, o prefeito garante que não há nada definido. “Ainda não bati o martelo. Na sexta-feira (14), vou me reunir com o PSD local para explicar tudo e, se for o caso, comunicar minha decisão. Estou considerando, sim. Quero o melhor para minha cidade e para a região, e minha filiação ao PSL poderia ajudar”, esclarece.

Convite formal

Postado em 30 de janeiro de 2020

A regência estadual do PSL parece mesmo empenhada em transformar prefeitos com popularidade alta em peesselistas de gestão comprovada. As articulações para o robustecimento do partido na região continuam à toda. Além do prefeito de Tijucas, Eloi Mariano Rocha (PSD), o time do governador Carlos Moisés da Silva quer — e faz o que for preciso — para integrar o jovem mandatário de São João Batista, Daniel Netto Cândido (PSD), nas fileiras sócio-liberais.

Ontem pela manhã, o presidente estadual do PSL, deputado federal Fabio Schiochet, esteve no paço municipal da Capital Catarinense do Calçado para oficializar o convite. Na pauta de negociações, Cândido teria que assinar a ficha do partido na próxima janela, em março, e terminar o mandato como prefeito do 17. O acordo envolveria, ainda, apoio integral nas eleições gerais de 2022 — para a provável candidatura do chefe do Executivo batistense à Assembleia Legislativa.

Consultado pelo Blog, o prefeito confirmou o convite, disse que já havia recebido outras propostas de partidos diversos e sempre rejeitou, e que, especialmente desta vez, se sentiu lisonjeado. Hum…

Pressão e substituição

Postado em 27 de janeiro de 2020

A pressão nos ombros do presidente do Samae (Serviço Autônomo Municipal de Água e Esgoto) de Tijucas, empresário Jilson José de Oliveira, é, neste momento, muito maior que nos dutos da rede de abastecimento. O prefeito Eloi Mariano Rocha (PSD) vem recebendo pedidos sistemáticos de apoiadores políticos pela troca no comando da autarquia; e, entre os conselheiros do chefe do Executivo, projeta-se o mês de março como dead line para a substituição. As constantes reclamações sobre a falta de água em alguns bairros do município são o motivo principal.

No fim de semana, durante uma série de eventos públicos na Praia do Pontal Norte, as discussões se intensificaram. Dos encontros, recheados de figuras do clero administrativo do município, surgiram rumores sobre um suposto convite ao ex-vice-prefeito Luiz Rogério da Silva para a presidência do Samae.

Questionado pelo Blog, Rogerinho garantiu que “são apenas especulações”.

Três vezes quinze

Postado em 14 de janeiro de 2020

Nas eleições de 2016, em Porto Belo, o MDB e o PSDB estiveram em trincheiras opostas. E, pelo jeito, continuam rivalizando. Tanto que o prefeito Emerson Stein (MDB) comemorou 45 anos na semana passada, com festa aberta à comunidade, e se esquivou das propagandas ao número dos tucanos no convite.

Para celebrar a nova idade, Stein publicou, no material, que estava completando “15+15+15” primaveras. Pois, então?!

Ingresso falso

Postado em 25 de outubro de 2019

O genro de um ex-vereador, o cônjuge de uma servidora pública de alto escalão, um periquito na muda e um conhecido comerciante com forte vocação política, todos simpatizantes do Clube de Regatas Flamengo, furaram a lista VIP de uma celebração rubro-negra e foram prontamente convidados a se retirar do evento.

A comemoração, com cerca de 25 flamenguistas, anteontem, depois da acachapante vitória do Mais Querido na semifinal da Libertadores, não estava aberta ao público. Os desavisados chegaram, com risos largos, violão afinado, cantos de torcida na ponta da língua e, quando se aconchegaram, receberam o doloroso comunicado. Na mesa que ocuparam, restou apenas uma nota de R$ 20 para qualquer eventual despesa do quarteto na festa. O constrangimento, por alguns instantes, abafou a euforia flamenga.

RETRATAÇÃO

No dia seguinte, com a adrenalina em decréscimo, o anfitrião — que fez o comunicado opressivo aos visitantes —, calçou as sandálias da humildade e pediu desculpas ao quarteto pela “forma imatura e irresponsável” que conduziu a situação. Pois, então?!