domingo, 3 de março de 2024 VALE DO RIO TIJUCAS E COSTA ESMERALDA

Deputado Daniel

Postado em 2 de fevereiro de 2024
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
Foto: Luan Lucas | VipSocial

Recém-empossado deputado estadual, o ex-prefeito de São João Batista, Daniel Netto Cândido (PODE), não consegue conter a felicidade de, enfim, ocupar o lugar com que sempre sonhou. Aliás, o batistense nunca escondeu, nem mesmo no período em que governou a Capital Catarinense do Calçado, que planejava estar, um dia, entre os 40 membros do parlamento catarinense.

Tanto que, por ora, ele garante que o foco está em aproveitar ao máximo a oportunidade concedida pelo colega de legenda Camilo Martins (PODE). Entretanto, mesmo que de forma comedida, não descarta uma nova candidatura à chefia do Executivo municipal nas eleições deste ano.

Em entrevista ao programa LINHA DE FRENTE, apresentado pelo colunista na TV Vip, o mais novo parlamentar catarinense afirmou, ontem, que gostaria de seguir como deputado, mas, se necessário fosse, retornaria à cidade natal para concorrer novamente à cadeira de prefeito.

“Amei ser prefeito de São João Batista. Eu quero ser deputado. Estou deputado por 30 dias, mas, se eu tiver que voltar a ser prefeito, para me dedicar e fazer melhor do que eu fiz em oito anos, com certeza não me furtaria”, disse.

CHANCE MÍNIMA

Os mais otimistas, inclusive, aguardavam ansiosamente pela chegada de abril e, com ele, a definição da eventual candidatura do deputado estadual Lucas Neves (PODE) à prefeitura de Lages. O fato poderia, na análise dos apoiadores de Cândido, abrir espaço para que o batistense assumisse novamente o cargo e, em caso de vitória do correligionário no pleito municipal, herdasse definitivamente na cadeira.

Entretanto, a expectativa não deve se confirmar. A legislação permite que um membro do Poder Legislativo concorra ao Executivo sem que precise renunciar, nem mesmo se licenciar da função.

Mas, além disso, o ex-mandatário batistense acredita que o colega dificilmente deixaria a Alesc. “Ele representa não somente Lages, mas toda a região. Certamente tem compromissos com essas cidades, se adaptou muito bem ao parlamento e não abriria mão disso”, explica.

ABERTO AO DIÁLOGO

Caso a pré-candidatura ao cargo máximo de São João Batista se confirme, Daniel Cândido consideraria uma conjuntura inédita, até mesmo com adversários de outras eleições. Durante a entrevista, o ex-prefeito e deputado estadual revelou, inclusive, que já conversou com lideranças de partidos rivais, como o presidente do PP batistense, ex-vereador Fábio Norberto Sturmer, e com antigos desafetos, a exemplo do empresário Felipe Lemos, presidente municipal do PL.

“É bom pra cidade? É um projeto pessoal ou um projeto cidade? Se for projeto cidade, sento com todos. Não tem problema nenhum”, garantiu.

Data para doar

Postado em 31 de janeiro de 2024
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
Foto: Arquivo Pessoal

Os dias 28 de novembro, a partir de agora, em Tijucas, serão reconhecidos como uma data para a doação. A Lei que institui o “Dia de Doar”, nº 3.035/2024, sancionada pelo Poder Executivo, foi criada através do Projeto de Lei nº 50/2023, de autoria do vereador Fernando Fagundes (MDB).

A intenção é incentivar, tanto instituições, o próprio poder público e pessoas físicas a praticarem ações e estejam engajados em contribuir com causas, organizações da sociedade civil e moradores de comunidades mais carentes.

Itens como alimentos, roupas, calçados, roupas de cama, mesa e banho, materiais de higiene, brinquedos, materiais escolares, livros, materiais de construção, móveis e decoração, prestação de serviços voluntários e até doação de sangue, plaquetas e medula, serão incentivados no Dia de Doar.

“Fico feliz com essa Lei. É mais um grande incentivo para ajudar a quem precisa. Tijucas mais uma vez dá exemplo quando o assunto é solidariedade”, afirmou, ao Blog, o vereador autor do projeto.

Êxito esmorecido

Postado em 16 de julho de 2018
  •  
  •  
  • 80
  •  
  •  

No momento em que a sede do VipSocial – ao qual também sirvo profissionalmente – era atacada, quinta-feira (12), na pior demonstração da incivilidade humana dos últimos tempos em Tijucas, décadas depois de consumado o fim da mordaça no Brasil, eu recebia do Poder Legislativo do município, em requerimento da vereadora Fernanda Melo (MDB), uma honrosa Moção de Louvor pelos meus 14 anos de atenção integral à comunicação.

Coincidências à parte, pareceu, naquele instante, uma previsão do que afligiria a mídia regional. Enquanto o respeito ao nobre ofício de informar era a tônica da sessão, um importante braço da imprensa tijuquense sofria o agastamento da coerção, da repressão desmedida, da sanha brutal contra aqueles que se esteiam, por vocação ou abnegação, no direito à livre expressão. Uma noite feliz também pode ser muito triste.

Bebe à vista

Postado em 24 de maio de 2017
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

A cegonha passou pela Câmara Municipal de Tijucas. Ontem, desconfiada, a vereadora Fernanda Melo (PMDB) realizou exames de gravidez e confirmou as suspeitas. Está, há pelo menos um mês, em período de gestação.

O trabalho no Legislativo trouxe a proximidade com o colega Esaú Bayer (PMDB). O correligionarismo, com sonhos e ideologias comuns, gerou a admiração recíproca, que se transformou em carinho, em intimidade e… frutificou num elo entre ambos para a vida.

Jovens, bem criados, solteiros e desimpedidos, eles têm esse direito. É, em princípio, um marco na história política da Capital do Vale. E deve ser comemorado; porque um filho nada mais é que um presente divino. Dizem ao blog, os dois, que estão muito felizes com a notícia.