domingo, 19 de maio de 2019 VALE DO RIO TIJUCAS E COSTA ESMERALDA

Ponto e vírgula

Postado em 14 de maio de 2019
Foto: Divulgação

A reunião, ontem, no PDT de Tijucas reafirmou certezas e trouxe surpresas. De certo, é que o suplente de vereador João Luiz Lopes passa, de fato e de vez, a responder como presidente do partido na Capital do Vale; e que o empresário Thiago Peixoto dos Anjos segue, firme e decidido, como representante pedetista no pleito majoritário de 2020.

Na seara dos imprevistos, surge a professora Janete Pedrini, servidora efetiva do município, que deve integrar – no exemplo da colega Consuelo Azevedo, que postulou, com desempenho satisfatório, a Câmara em 2016 – a nominata de candidaturas proporcionais do PDT nas próximas eleições.

Tudo pode

Postado em 8 de maio de 2019

Hoje oposição, amanhã não se sabe. Assim caminha o PDT de Tijucas, que começa a discutir internamente uma possível composição para as eleições de 2020. Na campanha de 2016, a maioria dos brizolistas preferiu acompanhar Elmis Mannrich (MDB) no pleito majoritário. Para a próxima concorrência, o partido deve definir, ainda em assembleia interna, se abraça, de fato, a candidatura do empresário Thiago Peixoto dos Anjos a prefeito ou se forma aliança com periquitos ou colas-brancas.

A chapa majoritária, porém, segue como ideal. Tanto que Peixoto dos Anjos começa a ser preparado para, se necessário e de comum acordo, formar dupla com Elói Mariano Rocha (PSD) nos santinhos. E o jovem empresário parece não se opor. Diz aos mais próximos que faz a política neutra, e que espera, de alguma maneira, contribuir ativamente. Pois, então?!

Água e azeite

Postado em 2 de maio de 2019

Na seara política de São João Batista, ninguém mais tem dúvidas: o presidente do SincaSJB (Sindicato das Indústrias de Calçados de São João Batista), Almir Manoel Atanásio dos Santos, tem claras intenções de concorrer à prefeitura em 2020. E, pelo jeito, faz qualquer negócio; inclusive aliar o PP, partido que representa e que tem como maior expoente na cidade o irmão e ex-prefeito Aderbal Manoel dos Santos, com o sempre rival PSD, do atual mandatário Daniel Netto Cândido.

O empresário, inclusive, vem confidenciando aos mais próximos que considera ideal uma chapa formada por si e pela vereadora Rúbia Tamanini (PSD) para a disputa do próximo pleito. E já pediu a interlocutores que levem essa ideia a Cândido e à cúpula peessedista no município.

Amigos rivais

Postado em 30 de abril de 2019

Os itinerários do vice-prefeito Adalto Gomes (PT) e do vereador Fernando Fagundes (MDB) têm coincidido bastante ultimamente. Quando não casualmente, em confraternizações e entre amigos comuns, os encontros são provocados; a exemplo de uma visita do adjunto tijuquense ao ex-prefeito Nilton “Gordo” Fagundes, pai do parlamentar. Pode ser apenas cortesia e diplomacia – já que o patriarca dos Fagundes esteve com a saúde comprometida recentemente –, mas há quem garanta que essa aproximação tem a ver com o pleito majoritário de 2020.

Gomes tem cada vez menos espaço entre os colas-brancas, e vê as chances de candidatura a prefeito, com suporte do governo, se esvaírem nos clamores de reeleição a Elói Mariano Rocha (PSD). E o vereador, presidente municipal do MDB, pode ser o fio condutor para uma composição com o partido que mais vezes governou Tijucas. Ninguém afirma e nem confirma, mas essa possível aliança vem sendo especulada desde que Fagundes foi recebido, amistosa e discretamente, para uma conversa, a portas fechadas, com o vice-prefeito na Secretaria de Obras, Transportes e Serviços Públicos meses atrás. Pois, então?!

Pré-candidata?

Postado em 22 de abril de 2019

Crescem os burburinhos em torno de uma possível candidatura a vereadora, em 2020, da secretária de Cultura do município de Tijucas, professora Paula Regina da Silva.

Ao Blog, ela confirma que existem correntes nessa direção. Mas diz, também, que por vontade própria não se candidataria; a não ser por um bem maior, como “ajudar na reeleição do prefeito Elói Mariano Rocha (PSD)”.

Ponte, aposta e política

Postado em 2 de abril de 2019
Foto: Divulgação

Bastião de confiança do prefeito Elói Mariano Rocha (PSD), o secretário de Administração e Finanças do município, Rosenildo de Amorim, diz que vence qualquer aposta quem jogar que a nova Ponte Bulcão Viana fica pronta no prazo estabelecido – ou seja, até agosto.

Amorim revela, ainda, que contratou um escritório de engenharia para avaliar o andamento da obra; e que os técnicos garantiram que o processo está adiantado em pelo menos dois meses. Diante do curso, a administração municipal planeja, pasmem!, incluir a inauguração da ponte nas festividades de emancipação político-administrativa de Tijucas, em junho.

NA POLÍTICA

Aquele passarinho incolor jura que ouviu, em reunião da cúpula, o secretário de Administração e Finanças se dispor, caso necessário, à candidatura majoritária com Mariano Rocha em 2020. Consultado pelo Blog, Amorim não confirmou a informação, mas também não negou. Disse apenas que “por tudo que o prefeito está fazendo, e com a aprovação popular que tem, seria louco quem não quisesse ser o vice dele na próxima eleição”.

Num ou noutro

Postado em 2 de abril de 2019

Suplente de vereador e ex-presidente do PTB em Tijucas, o empresário Sidney Machado reúne as tropas para uma migração em massa. “Estamos aguardando uma posição do PSL para, assim que for definida a presidência, filiarmos o nosso grupo. A princípio, são 43 pessoas”, diz, com exclusividade ao Blog.

Outra opção dos ex-petebistas seria o PSC, atualmente sob o comando do secretário de Indústria, Comércio e Turismo do município, Jean Carlos de Sieno dos Santos – que busca uma legenda de maior expressão para concorrer à Câmara Municipal no pleito de 2020. “Se não se acertarem no PSL, assumiremos o PSC, que tem as mesmas diretrizes: Deus, família e patriotismo. E teremos candidato a prefeito. Meu nome fica à disposição tanto de um partido quanto do outro”, pontua Machado.

FLASH

Ney, como é conhecido popularmente, deixou o PTB no início de 2018 para se filiar ao PSD com a expectativa de concorrer à vereança – com aporte do partido – em 2020, mas não se adaptou à nova casa. “Já não arde em meu coração”, revela.

Novela mexicana

Postado em 26 de março de 2019

O futuro partidário do vice-prefeito Adalto Gomes, de Tijucas, vem ganhando contornos de novela mexicana. Já se vão meses de ensaios e expectativas de anúncio da nova sigla. Mas, até agora, nada. Sabe-se apenas que no PT ele não permanece. No páreo, conforme a assessoria pessoal do adjunto tijuquense, estão Patriota, PV e PSB.

As intenções de Gomes, aliás, não esmoreceram com a propalada disposição do prefeito Elói Mariano Rocha (PSD) à reeleição. O policial rodoviário federal aposentado continua crente que o chefe do Executivo municipal vai retroceder, e cumprir o “compromisso” – de abrir mão da candidatura para apoiá-lo na concorrência majoritária de 2020. “O diálogo entre eles se mantém, e em nível muito bom”, garante a assessoria do vice-prefeito.

Candidato-bomba

Postado em 25 de março de 2019

Condenado a seis anos de prisão em regime inicial semiaberto, o ex-secretário regional Jones Bosio nem pensa em sair de cena. Com exclusividade ao Blog, ele revela que vai recorrer da sentença e, em 2020, concorrer novamente à prefeitura de Brusque. “Eu não ganho, mas arrebento com a eleição de meia dúzia”, diz.

Bosio, que comandou a Secretaria de Desenvolvimento Regional de Brusque – e do Vale do Rio Tijucas – nos governos de Raimundo Colombo (PSD), teve, segundo o Ministério Público, participação em pelo menos nove licitações irregulares da SDR entre 2013 e 2014. Nas eleições municipais de 2016, ele ficou em segundo lugar, com 18,4% da preferência do eleitorado brusquense, na concorrência majoritária da Cidade dos Tecidos.

Pré-anúncio

Postado em 18 de março de 2019

Presidente do Poder Legislativo e do PP tijuquense, o vereador Vilson Natálio Silvino vem anunciando, ainda com certa parcimônia, que o partido deve ter um candidato a prefeito nas eleições municipais de 2020. Uma reunião da executiva progressista, prevista para breve, vai apresentar as opções e, se tudo correr como planejado, definir um nome para a próxima concorrência majoritária da Capital do Vale.

Atualmente, o PP integra a base de governo do prefeito Elói Mariano Rocha (PSD) – que pretende se candidatar à reeleição. Desde 1997, quando Nilton de Brito (PP) entregou a prefeitura para Carlos Humberto Ternes (então PMDB), os progressistas não comandam o município.