quinta-feira, 22 de outubro de 2020 VALE DO RIO TIJUCAS E COSTA ESMERALDA

Pérolas

Postado em 20 de outubro de 2020

Exímia oradora, de fala articulada e português correto, a candidata a prefeita Fernanda Melo (MDB), de Tijucas, vem pecando no que mais sabe fazer. Por pressão, emoção ou intenção — como estratégia, para se manter como assunto nas redes —, ela tem cometido deslizes que se transformam frequentemente em memes nos grupos de discussão da cidade.

Ao bradar, em comício, dias atrás, que o ginásio de esportes da Praça precisava de reparos na cobertura porque “chove mais fora do que dentro”, a vereadora motivou uma série de zombarias na internet. Ontem, porém, ela registou outra pérola em entrevista para a Rádio Super, de São João Batista, ao dizer que, em razão da falta de acessos no Rio Tijucas e no Pontal Norte, “os pescadores não conseguem nem pescar um baiacu para comer”. Hoje pela manhã, evidentemente, a declaração da candidata já era repercutida incessantemente nos smartphones dos tijuquenses. Pois, então?!

Casaca virada

Postado em 9 de outubro de 2020

Há mais mistérios entre o céu e a terra do que pode supor nossa vã filosofia. Braço direito da vereadora e candidata a prefeita Fernanda Melo (MDB) na Câmara, Elizandra Weber deixou a assessoria da parlamentar há 10 dias e agora, surpreendentemente, mostra-se nas redes sociais com o tema de campanha do prefeito e candidato à reeleição Eloi Mariano Rocha (PSD) e apoio declarado à continuidade do projeto governista.

Secretária adjunta do MDB de Tijucas, ela vem usando, ainda, os slogans de postagens #DeixaOHomemTrabalhar#EuNãoQueroMudança nas recentes manifestações. O mundo, realmente, dá voltas. Pois, então?!

Três em uma

Postado em 7 de outubro de 2020

Por descuido, desinformação ou inocência, a candidata a vereadora Neusa Ramos Regis (PDT) teve o registro cassado. Ela, enquanto pré-candidata, apresentou o número de urna no Facebook — o que configura propaganda eleitoral antecipada — e deu munição à coligação “O Povo de Novo”, que tem a advogada, vereadora e candidata a prefeita Fernanda Melo (MDB) como representante legal, e que ingressou na Justiça Eleitoral com o pedido de impugnação.

Estima-se que a cassação da candidatura de uma mulher simples, de 67 anos e estreante na vida pública, em princípio, não fosse o objetivo; mas a consequente exclusão, por diminuição do percentual feminino, de outros dois candidatos homens na chapa proporcional do PDT.

Na mesma rede, ao lado do candidato a prefeito Thiago Peixoto dos Anjos (PDT), Neusa lamentou o ocorrido, falou de tristeza e considerou “uma maldade” ter sido tolhida da disputa. O postulante pedetista à prefeitura garantiu que seus advogados farão o possível para reverter a causa.

Paz, amor e votos

Postado em 5 de outubro de 2020

A estratégia da vereadora e candidata a prefeita Fernanda Melo (MDB) é muito clara nestas eleições: falar de propostas, evitar a polêmica e conquistar o eleitor indeciso. A postura crítica, denunciadora e, por vezes, agressiva das tribunas do Legislativo foi posta de lado; e, sensivelmente, notada na entrevista que a emedebista concedeu ao programa Linha de Frente, quinta-feira (1º) na VipSocial TV.

Com discurso linear, sóbrio e conciliador, a presidente do MDB municipal garantiu que as divisões internas do partido já não existem, que adversários não serão inimigos no pleito, e que pensa apenas em um “jeito certo de fazer melhor” — frase que adotou como slogan de campanha. Assista:

Talk show com personalidades da política que tenham relação direta ou indireta com o Vale do Rio Tijucas e a Costa Esmeralda, o Linha de Frente vai ao ar semanalmente, todas as quintas-feiras, às 19h30, na VipSocial TV e com transmissões simultâneas nas redes FacebookYouTube e Instagram.

Eleição inflada

Postado em 23 de setembro de 2020

Tijucas deve ter um recorde de candidatos a prefeito nestas eleições. Se nada mudar, serão cinco postulantes ao cargo máximo do município no pleito que se avizinha. Nas últimas décadas, a disputa sempre foi polarizada em duas opções, e, no máximo, apresentou uma terceira — sempre com expressão e favoritismo reduzidos.

Dentre as candidaturas que vinham sendo trabalhadas nas bases, o prefeito Eloi Mariano Rocha (PSD), a vereadora Fernanda Melo (MDB) e o empresário Thiago Peixoto dos Anjos (PDT) nunca foram dúvidas; e confirmaram as previsões. As incertezas eram o vice-prefeito Adalto Gomes (PL), que pretendia representar o projeto governista, e o suplente de vereador Sidney Machado (PSC), que tem estrutura enxuta e um grupo modesto — em comparação aos demais — de apoiadores.

Gomes e Machado, entretanto, já garantiram participação no certame. O adjunto tijuquense traçou um plano paralelo, apresentou oficialmente o advogado Fernando Rodrigues (PL) como companheiro de chapa e já vem divulgando material de campanha; e o suplente de vereador assegura que, mesmo sem a mass media dos rivais, vai concorrer à prefeitura “com certeza” de braços dados com o pastor evangélico Wesley Paiva (PSC).

Desconsideração

Postado em 16 de setembro de 2020

O suplente de vereador Sidney Machado (PSC), que planeja concorrer à prefeitura de Tijucas nestas eleições, mostrou-se indignado, dias atrás, com um instituto que realizava uma pesquisa pré-eleitoral na cidade. Segundo ele, os entrevistadores, na abordagem aos eleitores e no exame estimulado, consideravam apenas três nomes para a concorrência majoritária da Capital do Vale — muito provavelmente os do prefeito Eloi Mariano Rocha (PSD), da vereadora Fernanda Melo (MDB) e do empresário Thiago Peixoto dos Anjos (PDT).

Em live nas redes sociais, como de hábito, Machado considerou o formato do estudo “uma baita de uma sacanagem”. Os pesquisadores estavam em frente a uma casa lotérica e, de acordo com o suplente de vereador, não agiam com justiça. “Já falei que sou pré-candidato a prefeito, e fazem uma pesquisa sem meu nome? Onde já se viu?! Cadê a fiscalização?”, desabafou.

Dura na queda

Postado em 16 de setembro de 2020

Presidente do MDB municipal, a vereadora e pré-candidata a prefeita Fernanda Melo sempre disse que tinha o partido nas mãos e, ontem, em convenção municipal do Manda Brasa, provou. Ela foi confirmada por aclamação — mesmo com inúmeras tentativas de sabotagem no próprio ninho periquito — como representante dos emedebistas na corrida à prefeitura de Tijucas. Não bastasse, ainda chancelou o companheiro de chapa, também vereador Elói Pedro Geraldo, que ela mesma escolheu e bancou.

FORÇAS CONTRÁRIAS

Durante o dia, mensagens de uma ponta à outra da Capital do Vale davam como certa a desistência da vereadora e a abertura do partido para os periquitos históricos durante a convenção. Até mesmo a polícia foi chamada a impedir o evento, por denúncias de “aglomeração na pandemia”. Nada bastou; nem as especulações, nem as fake news e nem as forças contrárias. Mesmo com alguns contratempos, tudo aconteceu como ela queria. Pois, então?!

Pula-pula

Postado em 15 de setembro de 2020

A representação municipal do Cidadania se reúne neste momento para, além de anunciar e confirmar as candidaturas no pleito proporcional em convenção, oficializar uma pulada de cerca. Inicialmente aliados ao MDB — a empresária Gislaine Devitte (CIDADANIA) chegou a figurar na chapa majoritária ao lado da vereadora Fernanda Melo (MDB) —, dirigentes do 23 abandonaram o ninho periquito e vão apoiar o projeto do PDT em Tijucas.

As negociações foram concluídas ontem e hoje, com anuência dos brizolistas e do pré-candidato a prefeito Thiago Peixoto dos Anjos (PDT), lavradas em ata.

Ferida aberta

Postado em 25 de agosto de 2020

“Em Tijucas, o MDB foi uma mulher espancada, ferida, que teve a casa queimada e chegou à beira da morte; mas que conseguiu sobreviver e vem se restabelecendo, reconstruindo tudo. Agora, quem agrediu e arrasou, que fez todo o mal, quer voltar para a casa que destruiu”. Este foi um dos trechos da parábola que o ex-prefeito Valério Tomazi (MDB) ouviu ontem em reunião do partido, nas dependências do ex-vereador Edson Bayer. Pretenso postulante à vice-prefeitura, o vereador Elói Geraldo (MDB), a propósito, foi um dos que mais apontaram o dedo ao ex-mandatário — que ensaia nova candidatura ao Executivo municipal nestas eleições.

Tomazi, que se transformou no centro das atenções durante o encontro, pediu tempo para pensar. E garantiu que até sexta-feira (28) decide se continua com o plano de candidatura ou joga a toalha.

MAIORIA

A maior parte dos presentes na reunião, entretanto, definiu o nome da presidente municipal do partido e vereadora Fernanda Melo como opção de consenso para a disputa majoritária. A assembleia emedebista foi formada por figuras locais, como, além dos já citados, o ex-prefeito Elmis Mannrich e o vereador Fernando Fagundes, e de outras estâncias, a exemplo do prefeito Moacir Montibeler, de Canelinha, e do deputado federal Celso Maldaner, presidente do partido em Santa Catarina.

Procura-se

Postado em 7 de maio de 2019

Partido que mais vezes governou Tijucas, o MDB busca um presidente para o biênio 2020-2021. Recentes convites foram direcionados ao advogado Marcio Rosa e ao diretor do Sindicato dos Bancários de Brusque, Adriano Silva, o Guinho. Ambos declinaram.

Rosa confirma que recebeu investidas do ex-prefeito Elmis Mannrich e do próprio presidente municipal da legenda, Fernando Fagundes, e que não quer, definitivamente, se envolver na política; que está trabalhando muito, se dedicando integralmente à advocacia, e muito mais feliz.

Para o bancário, o chamado partiu da vereadora Fernanda Melo. Ele diz, com exclusividade ao Blog, que rejeitou a proposta porque a demanda financeira de um partido com o porte do MDB seria incompatível com sua condição econômica.