quarta-feira, 15 de julho de 2020 VALE DO RIO TIJUCAS E COSTA ESMERALDA

Cartas na manga

Postado em 22 de junho de 2020

Representação oposicionista declarada, o MDB tem alguns trunfos para as próximas eleições em Tijucas. Pelo menos, na concorrência proporcional; com expectativas de um ex-prefeito e de uma ex-vereadora entre os postulantes à Câmara Municipal, além dos atuais e tradicionais parlamentares da legenda.

Especula-se que o engenheiro Valério Tomazi, que governou o município entre 2013 e 2016, volte à cena eleitoral como candidato ao Legislativo. O ex-mandatário corre por fora, ainda, como opção do Manda Brasa para a concorrência majoritária.

Surpresa maior, porém, é a possível candidatura da ex-vereadora Lialda Lemos (ex-PSDB), opositora ferrenha dos governos emedebistas em duas legislaturas, de 2009 a 2016, que, agora filiada ao MDB, vem sendo anunciada como reforço para a corrida proporcional no rol de favoritos do partido. Pois, então?!

Chapa completa

Postado em 8 de abril de 2020

As bases do PL foram, de fato, solidificadas em Tijucas. O presidente municipal da legenda e vice-prefeito Adalto Gomes anuncia, em tom de comemoração, que os liberais vêm com chapa completa de candidatos a vereadores no pleito deste ano.

Gomes, a propósito, segue à disposição do partido para a concorrência majoritária do município nestas eleições.

Apadrinhamento

Postado em 25 de fevereiro de 2020

Notícia do colunista Raul Sartori, de Nova Trento, que recentemente passou a escrever para o Notícias do Dia de Florianópolis, diz que “quem está muito feliz com a famigerada TPA (Taxa de Preservação Ambiental) em Bombinhas e Governador Celso Ramos são os vereadores dos respectivos municípios”. O jornalista afirma que “todas as pessoas que trabalham nos postos de cobrança foram indicações deles; e que seriam amigos, parentes, cabos eleitorais…”.

Mero reprodutor da informação, o Blog, que está ligado em tudo e em todos na região, não confirma e nem sustenta o dito.

Reforço

Postado em 14 de janeiro de 2020

Nome à frente do PP em Tijucas, o vereador Vilson Natálio Silvino — que cumpre o segundo mandato consecutivo na presidência do Legislativo municipal neste ano — quer ver o partido no pelotão de frente da eleição proporcional que se aproxima. E convidou, pessoalmente, três colegas parlamentares para encorparem a nominata de candidatos à Câmara Municipal no pleito de outubro.

Silvino pretende, e não esconde, que os vereadores Odirlei Resini (MDB), Cláudio Tiago Izidoro (sem partido) e Maria Edésia da Silva Vargas (PT) migrem para o PP na próxima janela de transferências partidárias. Outro que vem recebendo investidas sistemáticas do progressista é o secretário de Desenvolvimento Econômico, Jean Carlos de Sieno dos Santos, que já anunciou a desfiliação do PSC.

Bancada contrária

Postado em 27 de novembro de 2019
Foto: Divulgação

Entre os vereadores de situação, há uma força-tarefa para impedir que o vice-prefeito Adalto Gomes (PL) seja escolhido, novamente, para compor chapa com o prefeito Eloi Mariano Rocha (PSD) no pleito majoritário de 2020. Embora o adjunto tijuquense mantenha o favoritismo, a bancada governista na Câmara, por motivos pessoais e/ou ideológicos, tem maioria contrária ao bis da dupla.

Hoje, a propósito, os parlamentares situacionistas têm reunião com o Conselho — convencionado de empresários e líderes colas-brancas que orientam politicamente a administração municipal —; e devem tratar do assunto.

CONVERSA AFIADA

Presidente do Legislativo, o vereador Vilson Natálio Silvino (PP) é um dos que preferem — ou preferiam — a mudança na chapa governista para 2020. Mas ontem, porém, esteve com Gomes, amistoso e sorridente, na Secretaria Municipal de Obras, Transportes e Serviços Públicos.

Se o tom for suave, hoje, na reunião com o Conselho, imagina-se que o encontro entre o parlamentar progressista e o vice-prefeito tenha sido proveitoso. A foto, aliás, mostra que a harmonia, a diplomacia e a amizade continuam na ordem do dia.

Convocação

Postado em 20 de novembro de 2019

Os vereadores situacionistas estão convocados para, na próxima semana, discutir o planejamento das eleições de 2020 com Helio GamaRogério de SouzaUilson SgrottGeremias Teles SilvaRoberto Vailati e companhia.

O recôndito Conselho — grupo formado por empresários e líderes colas-brancas para orientar politicamente o prefeito Eloi Mariano Rocha (PSD) e a administração municipal de Tijucas — tem pressa. As estratégias para as próximas eleições repousam na mesa e a impaciência retumba.

Último ato

Postado em 31 de julho de 2019

Pouco antes de ser afastado do cargo pela Justiça Eleitoral, por envolvimento na Operação Ressonância, o vereador Alécio Boratti (PP) havia assinado, no apagar das luzes, o projeto de redução dos ordenados dos parlamentares de São João Batista, de R$ 4,1 mil para o salário mínimo. Ele foi o quarto e decisivo signatário da proposta — que, portanto, alcançou o quórum para entrar na pauta do Legislativo.

Resta saber, porém, se a assinatura de Boratti no texto continua legitimada; ou se os substitutos Nataniel “Chulipa” de Oliveira Valença (PP) e Tarciso “do Ônibus” Soares (PP), que assumem amanhã, seguirão o titular e endossarão a ideia. O projeto, de autoria do vereador Fábio “da Ravel” Norberto Sturmer (PP), já contava com Heriberto “Betinho” Eurides de Souza (CIDA) e Juliano Peixer (PEN) como apoiadores.

Workshop partidário

Postado em 4 de julho de 2019
Foto: Divulgação

O recordista de votos para a Câmara Federal em Santa Catarina, deputado – e apresentador de televisão – Hélio Costa (PRB) quer mais. Ele e o deputado estadual Sérgio Motta (PRB) têm projetos para as eleições municipais de 2020 e recebem vereadores da legenda, dia 27, em Florianópolis, para mostrar o caminho das pedras. O canelinhense Fernando de Souza, cotado para a concorrência majoritária da Cidade das Cerâmicas, já confirmou presença.

Souza tem convites de outras siglas, mas diz que gostaria de se manter no PRB caso garanta o apoio dos líderes do partido no estado e quer ouvir o que eles têm a dizer.

Na foto, o parlamentar canelinhense, que comandou a Câmara entre 2017 e 2018, e o colega Arlindo de Simas (PL), atual presidente do Legislativo municipal, emolduram o deputado federal Hélio Costa, em Brasília

Condenação mantida

Postado em 7 de junho de 2019

Os juízes do TRE (Tribunal Regional Eleitoral) decidiram, nesta manhã, manter a cassação dos vereadores e suplentes de São João Batista envolvidos na “Operação Ressonância” – que apurou um esquema de violação na fila de espera do SUS (Sistema Único de Saúde) para exames de ressonância e tomografia, por intermédio de procedimentos irregulares e cobrança de valores dos pacientes. Diante da condenação, Alécio Boratti (PP) e Carlos Francisco da Silva (PP) perdem o assento na Câmara Municipal e ficam inelegíveis por oito anos; e os suplentes Mário José Soares (PP) e Sebastião Formento Filho (PP), da mesma forma, perdem os direitos políticos.

A partir da publicação do acórdão, Nataniel “Chulipa” de Oliveira Valença (PP) e Tarciso Soares (PP) devem assumir as cadeiras do PP no Legislativo batistense.

TEM MAIS

Boratti é, também, motorista da Secretaria Municipal de Saúde com função efetiva, e ainda pode perder o emprego em outro processo, na vara criminal. De acordo com a acusação, ele teria usado o cargo, o veículo da frota oficial do município e o telefone para a prática do crime.

RECURSO

O advogado de defesa Nelson Zunino Neto diz, com exclusividade para o Blog, que o resultado era esperado e que vai recorrer ao TSE (Tribunal Superior Eleitoral).

Páginas verdes

Postado em 10 de abril de 2019

Líderes de oposição em Tijucas se dizem mal de representantes no Legislativo. Acham, e não escondem, que os vereadores poderiam, e deveriam, ser mais incisivos no contraponto ao governo do prefeito Elói Mariano Rocha (PSD). Tanto que, dadas as circunstâncias, vêm planejando ataques à administração municipal por meios alternativos.

A ideia de um jornal, nos moldes do extinto A Verdade, para achincalhar Mariano Rocha e companhia, nunca esteve tão presente no seio oposicionista. Algumas páginas, inclusive, já estariam prontas para a prensa. Passarinho incolor adianta que a primeira edição deve ter como alvo um governista de codinome “Seu Peru”. A conferir.