segunda-feira, 16 de maio de 2022 VALE DO RIO TIJUCAS E COSTA ESMERALDA

Gratuitamente

Postado em 14 de fevereiro de 2018
  •  
  •  
  • 39
  •  
  •  

Se confirmada a candidatura do deputado federal Jair Messias Bolsonaro (PSL) à presidência da República nestas eleições, o militar de reserva não deve ter problemas, sobretudo com mídia, em São João Batista. Um grupo de voluntários da Capital Catarinense do Calçado decidiu instalar, por conta própria, outdoors na cidade em favor do presidenciável.

Nas placas, lê-se os dizeres “Brasil acima de tudo. Deus acima de todos. Bolsonaro pela honra, moral e ética” em letras garrafais contíguas ao retrato do pré-candidato e à bandeira nacional. De acordo com fontes do Blog, o movimento é (ainda) apartidário.

Português para haitianos

Postado em 20 de outubro de 2017
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

As oportunidades de emprego nas indústrias de calçados de São João Batista têm atraído um grande número de imigrantes haitianos para a cidade. Obstinados e dispostos ao trabalho, os estrangeiros preenchem a lacuna da dificuldade de mão de obra nas fábricas; mas vêm esbarrando num problema: o idioma. A grande maioria chega à Capital Catarinense do Calçado sem conhecer uma palavra sequer em português.

Empregador de uma haitiana – que fala apenas o francês e o crioulo –, o advogado Nelson Zunino Neto tenta sanar essa dificuldade. Enviou proposta à UFSC (Universidade Federal de Santa Catarina) para atender cerca de 100 imigrantes no projeto PLAM (Português como Língua de Acolhimento), e obteve retorno positivo. As aulas seriam ministradas por voluntários treinados pela universidade no Centro Educacional Educar, mantido pela Via Scarpa, ou na sede da Academia Batistense de Letras.

A professora Rosane Silveira, coordenadora do PLAM, procura, agora, interessados em participar do projeto como instrutores voluntários. Possíveis colaboradores podem contatar a UFSC no e-mail projetoplam@gmail.com. Basta enviar nome, endereço, telefone e um breve relato de alguma experiência com o ensino ou aprendizagem de línguas.

Um ovo, dois ovos…

Postado em 17 de abril de 2017
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
Foto: Divulgação

Cerca de 700 crianças estiveram no pavilhão de eventos da Capela de Nossa Senhora dos Navegantes, na Praça, neste domingo (16) de Páscoa. Cercada por 20 voluntários e apoiadores, a vereadora Fernanda Melo (PMDB) conseguiu cumprir com êxito a proposta da Páscoa Solidária com a distribuição de 900 cachorros-quentes, 80 litros de refrigerante, além de um bolo de grandes proporções e sorteios de 30 ovos de chocolate e 40 cestas de doces numa tarde inteira de recreação e reflexão.

Registros especiais, também, para o palhaço Tijuquinha, que animou o evento e não cobrou cachê, e para o pipoqueiro Paulo Martins, que trabalhou, gratuitamente, na produção e distribuição de pipocas para as crianças.

Limpeza consciente

Postado em 6 de setembro de 2016
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Estudantes da Univali (Universidade do Vale do Itajaí), além de voluntários de todos os segmentos da sociedade, reúnem-se no próximo dia 17 para limpar encostas de rios, praias e praças de Balneário Camboriú, Camboriú, Itajaí, Itapema, Porto Belo, Penha e Tijucas.

A expectativa é que cerca de 400 pessoas participem da atividade conhecida como “Univali Limpando o Mundo”. Desde 2006, a universidade, por meio do Laboratório de Gestão e Valoração de Resíduos do Curso de Engenharia Ambiental e Sanitária, mantém este projeto.