quarta-feira, 19 de janeiro de 2022 VALE DO RIO TIJUCAS E COSTA ESMERALDA

Redemoinho

Postado em 19 de janeiro de 2022
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

A recente e preocupante falta d’água em São João Batista motivou uma série de discussões na Câmara Municipal. No calor dos debates, uma proposta — que pode ser rejeitada por inconstitucionalidade — para que as unidades consumidoras afetadas sejam isentadas do pagamento da fatura de janeiro chegou ontem à mesa da diretora do Sisam (Serviço de Infraestrutura, Saneamento e Abastecimento de Água Municipal), Andreia Costa. Os autores do requerimento foram os vereadores Mário Teixeira (PSL), Gustavo Grimm (CIDADANIA) e Elisandro dos Santos (PP).

Parte da vereança batistense estuda, ainda, a abertura de uma CPI (Comissão Parlamentar de Inquérito) para investigar o Sisam. Setores da oposição afirmam, e dizem ter provas, de que práticas ilícitas estariam ocorrendo sistematicamente na autarquia.

Água na disputa

Postado em 14 de janeiro de 2022
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Na contenda particular entre o prefeito de Porto Belo, Emerson Stein (MDB) — que deve concorrer a uma cadeira no parlamento catarinense nestas eleições —, e a deputada estadual Ana Paula da Silva (sem partido), de Bombinhas, por votos na Costa Esmeralda, ponto para ele. Ontem, o mandatário portobelense autorizou o aumento, de 10 para 30 litros por segundo, na cessão de água ao município vizinho e disse, nas redes sociais, que espera, com o ato, “contribuir com o povo de Bombinhas, que passa por momento difícil”. A solicitação partiu de vereadores bombinenses.

Stein e Paulinha entraram em rota de colisão no momento em que o chefe do Executivo de Porto Belo anunciou pré-candidatura ao Legislativo estadual. Agora, com mão amiga estendida ao povoado vizinho, o portobelense entra com pompa e circunstância em território amplamente dominado pela rival. A conferir nas urnas.

Palestra online

Postado em 22 de março de 2021
  •  
  •  
  • 17
  •  
  •  

O navegador Vilfredo Schürmann — da famosa Família Schürmann, que realizou expedições em torno do mundo a bordo de um veleiro e protagonizou séries documentais no programa Fantástico, da Rede Globo —, que tem raízes em Porto Belo, palestra no evento “Água: as conexões da vida e do mundo”, da Univali, hoje, às 18h30, em ambiente virtual, em comemoração ao Dia Mundial da Água.

O evento tem transmissão livre no canal da Univali no YouTube, no link youtube.com/univalivideos. Vale a pena ver.

Ousadia e inadimplência

Postado em 27 de janeiro de 2021
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

O presidente do Samae (Serviço Autônomo Municipal de Água e Esgoto) de Tijucas, Luiz Rogério da Silva, tem metas ousadas. Uma delas seria o investimento, em quatro anos, de R$ 60 milhões no sistema de tratamento e distribuição da água no município. Algo muito além do estimado, já que o faturamento da autarquia gira em torno de R$ 12 milhões por ano. Manobras no orçamento, e muita criatividade para a captação de recursos extras, estão no planejamento.

Rogerinho quer, no primeiro momento, reaver as perdas. Ele pretende instituir o “Dívida Zero” para consumidores que têm faturas atrasadas, e deve lançar um programa de refinanciamento nas próximas semanas. De acordo com um levantamento superficial, a inadimplência, no Samae, ultrapassa a casa dos R$ 4 milhões.

Pressão e substituição

Postado em 27 de janeiro de 2020
  •  
  •  
  • 15
  •  
  •  

A pressão nos ombros do presidente do Samae (Serviço Autônomo Municipal de Água e Esgoto) de Tijucas, empresário Jilson José de Oliveira, é, neste momento, muito maior que nos dutos da rede de abastecimento. O prefeito Eloi Mariano Rocha (PSD) vem recebendo pedidos sistemáticos de apoiadores políticos pela troca no comando da autarquia; e, entre os conselheiros do chefe do Executivo, projeta-se o mês de março como dead line para a substituição. As constantes reclamações sobre a falta de água em alguns bairros do município são o motivo principal.

No fim de semana, durante uma série de eventos públicos na Praia do Pontal Norte, as discussões se intensificaram. Dos encontros, recheados de figuras do clero administrativo do município, surgiram rumores sobre um suposto convite ao ex-vice-prefeito Luiz Rogério da Silva para a presidência do Samae.

Questionado pelo Blog, Rogerinho garantiu que “são apenas especulações”.

Ação global

Postado em 11 de junho de 2019
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

No sábado (8), Dia Mundial dos Oceanos, a ONU (Organização das Nações Unidas) anunciou uma parceria com a Família Schürmann – que tem origens em Porto Belo e ficou famosa pelas viagens a bordo de um velejo mundo afora –, para que a próxima expedição, batizada de Voz dos Oceanos, de 18 meses, integre uma campanha mundial em atenção ao preocupante futuro da água no planeta.

De acordo com a proposta, os Schürmann contribuiriam com testemunhos e registros in loco do que está acontecendo nos mares do mundo.

Água do rio

Postado em 27 de março de 2019
  •  
  •  
  • 14
  •  
  •  

A qualidade da água do Rio Tijucas passou a ser analisada pela Secretaria de Estado do Desenvolvimento Econômico Sustentável – que contratou o Laboratório Beckhauser & Barros para avaliar os parâmetros de temperatura e nível de oxigênio, além dos indicadores químicos, como a quantidade de metais e nutrientes.

É a primeira vez que o governo estadual promove esse levantamento, muito semelhante ao teste de balneabilidade das praias, realizado em Santa Catarina há 30 anos. O contrato prevê que se sejam executados ciclos a cada 90 dias, que incluem a coleta de amostras, a análise e a posterior divulgação dos resultados.

Recordar é viver

Postado em 17 de janeiro de 2019
  •  
  •  
  • 113
  •  
  •  

No contraponto da nota “Em abundância“, de ontem, o presidente do MDB de Tijucas, vereador Fernando Fagundes, corrige o diretor do Samae (Serviço Autônomo Municipal de Água e Esgoto), Jilson José de Oliveira, e diz que a estrutura de abastecimento de água do município “não está 20 anos sem investimentos”.

De acordo com Fagundes, “após a instalação inicial feita pelo saudoso prefeito Bebeto (Carlos Humnerto Ternes, que governou o município entre 1997 e 2000), as administrações seguintes construíram, ainda, um reservatório de 1,8 mil metros cúbicos, uma ETA (Estação de Tratamento de Água) para atender Terra Nova, Campo Novo e Oliveira, um reservatório para Morretes, a travessia subaquática no Porto do Itinga, além da reforma do reservatório de Sul do Rio e de ter contemplado Santa Luzia e Timbé com água tratada, entre outras benfeitorias”. O emedebista termina a explanação com um recado: “lembrar também faz bem!”.

Em abundância

Postado em 16 de janeiro de 2019
  •  
  •  
  • 40
  •  
  •  

Não vai mais faltar água em Tijucas nos próximos 30 anos. Pelo menos é o que garante o presidente do Samae (Serviço Autônomo Municipal de Água e Esgoto), Jilson José de Oliveira. Ele pretende a construção de uma nova estação de tratamento, que deve ampliar a capacidade de abastecimento em 4 milhões de litros por dia. O processo licitatório foi aberto e o dinheiro está na conta – cerca de R$ 2 milhões, saldo das economias da autarquia em 2018. A obra deve ser entregue à comunidade em cinco meses.

Com o investimento, Oliveira quer eliminar qualquer possibilidade de escassez nos reservatórios, como ocorreu em dezembro e que gerou severas críticas à gestão do Samae. O presidente diz que sabia dos riscos de falta de água no verão e que tentou alertar a administração municipal sobre a urgência de ampliação da estrutura de abastecimento. “Temos um sistema defasado. Foi construído na gestão do saudoso Bebeto (Carlos Humberto Ternes, que governou o município entre 1997 e 2000) para durar 20 anos. E esse prazo já venceu. Precisamos aumentar. Guardamos o dinheiro em 2018 e agora vamos fazer bom uso”, conclui.

Torneira aberta

Postado em 19 de dezembro de 2018
  •  
  •  
  • 29
  •  
  •  
Foto: Divulgação

Vereadores, de situação e oposição, estiveram reunidos com o prefeito Elói Mariano Rocha (PSD) hoje pela manhã para se inteirar das ações da administração municipal em atenção ao problema da falta de água em Tijucas. Foram informados de que um reservatório desativado em 2016 voltou a operar no intento de suprir a demanda, que aumentou consideravelmente nos últimos anos.

CHAMA O VOLNEI

Em tempo: o engenheiro Volnei Beckhauser, que serviu o Samae (Serviço Autônomo Municipal de Água e Esgoto) nas gestões de Elmis Mannrich (MDB) e Valério Tomazi (MDB), e que havia sido exonerado em 2017, foi recontratado, em caráter de urgência, para ajudar na solução do problema.