domingo, 3 de março de 2024 VALE DO RIO TIJUCAS E COSTA ESMERALDA

Separação iminente

Postado em 28 de fevereiro de 2024
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
Foto: Arquivo Pessoal

Embora publicamente o discurso seja de união e engajamento, tanto o ex-prefeito Elmis Mannrich quanto o vereador Fernando Fagundes sabem que o MDB tijuquense, neste momento, tem espaço para apenas um deles.

Ainda que haja um fio de esperança no diretório e na militância por uma conciliação, as conversas entre os dois pré-candidatos do partido ao Executivo municipal têm sido cada vez mais francas e reveladoras. Fatalmente, a não ser por uma hecatombe, Fagundes deve migrar para o PL na janela de março.

Mannrich não concorda com a saída, e teria orientado o parlamentar a desistir da ideia – para que mantivesse o capital eleitoral e evitasse as cobranças da massa emedebista na sequência da carreira política.

CIRCUNSTÂNCIA
As condições são claras: ou o ex-prefeito recua, retira a pré-candidatura e, como presidente do MDB municipal, fica na coordenação de campanha, ou teria o vereador como concorrente natural pelo PL na disputa majoritária de outubro. Esta seria, neste momento, a única hipótese de acordo entre ambos.

PRECAUÇÃO
Fagundes aguarda apenas uma garantia do governador Jorginho Mello (PL) de que será o candidato a prefeito nestas eleições, independentemente dos planos da regência local do partido – que já avalizou a pré-candidatura do empresário Thiago Peixoto dos Anjos –, para confirmar a transferência.

Um primeiro contato já foi feito, com o endosso, principalmente, do deputado estadual Carlos Humberto Metzner Silva (PL) e autorização do secretário de Estado da Infraestrutura, Jerry Comper (MDB), duas das figuras a quem o vereador dedica maior consideração e compromisso.

INEDITISMO
Caso se estabeleça finalmente nas fileiras liberalistas, Fagundes provocaria, ainda, duas marcas históricas na política tijuquense: a representação inédita do PL na Câmara Municipal, com dois vereadores; e a ausência, pela primeira vez, de vereadores do MDB no Legislativo municipal.

O segundo parlamentar emedebista, Esaú Bayer, tem deixado claro, sobretudo nas reuniões do partido, que acompanharia o colega em qualquer situação, ou mesmo em outra legenda.

INTERNAMENTE
Neste cenário e diante do desajuste entre duas figuras exponenciais da atualidade no MDB, o vice-presidente municipal do partido, Davi Melo Filho, popular Galo Velho, convocou uma audiência definitiva com Mannrich para tratar especificamente das consequências dessa divisão.

Com ele, apenas para registro, uma breve lista de emedebistas que, assim como Bayer, o genro, migrariam com Fagundes para onde quer que o vereador fosse.

Chapa pronta?

Postado em 15 de fevereiro de 2024
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
Foto: Arquivo Pessoal

Engana-se quem pensa que o ex-prefeito Gian Francesco Voltolini (PP), de Nova Trento, esteja alheio aos bastidores políticos da Terra de Santa Paulina. Muito pelo contrário, aliás. O líder dos progressistas neotrentinos vem se movimentando no bloco oposicionista e participando das reuniões do grupo.

Tanto que, nos últimos dias, uma fotografia do ex-mandatário, abraçado ao pré-candidato a prefeito Maxiliano de Oliveira (PL) circulou nos grupos de conversas da cidade, dando margem para que os mais entusiasmados garantissem que no retrato estaria a chapa para o pleito de outubro.

Consultado pelo Blog, Voltolini não confirmou, mas também não negou o movimento. Limitou-se, inclusive, a declarar que existem algumas conversas em andamento, mas que a decisão deve ficar para o futuro. “Vamos ver lá na frente”, disse.

O entrave, segundo se especula, seria um impedimento judicial, causado por um processo que o ex-mandatário responde. Entretanto, o progressista garante que não há qualquer empecilho. “Somente a esposa”, brinca.

Onde há fumaça…

Postado em 1 de fevereiro de 2024
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
Foto: Arquivo Pessoal

O status da relação entre PL e PP passou ao próximo nível em São João Batista. As principais lideranças dos dois partidos se reuniram ontem no Centro Administrativo do Estado para assumir o “namoro”.

Sentados à mesa, estavam o presidente do PL batistense Felipe Lemos, o ex-prefeito Aderbal Manoel dos Santos, maior expoente do PP na Capital Catarinense do Calçado, e o braço direito do governador Jorginho Mello (PL) e presidente do PL de Florianópolis, Heleno Orlandino.

O interesse na construção de um projeto conjunto, segundo apuração do Blog, tem sido mútuo e conta com o aval da cúpula liberalista estadual. Lemos acredita que uma composição com o PP, legenda tradicional e de grande apelo eleitoral no município, engrandeceria o projeto, tanto na aliança majoritária quanto na proporcional.

Prefeito de 2005 a 2012, Santos, por sua vez, entende que o jovem empreendedor, estreante na política, além de apresentar a novidade ao pleito, ajudaria na oxigenação do PP, que já não administra São João Batista há 11 anos, quando, justamente, ele deixou a prefeitura.

ABERTO AO DEBATE

Consultado pelo Blog, Felipe Lemos confirmou a aproximação com o PP e revelou que “as conversas evoluíram bastante nos últimos dias”. Entretanto, pondera que se mantém aberto ao diálogo com todas as correntes possíveis e que, em princípio, deve seguir avaliando o cenário.

“Nós do PL vemos com bons olhos uma aliança com o PP. É uma das grandes forças de São João Batista e tem o ex-prefeito Aderbal, que é meu amigo pessoal, como grande liderança. Mas, tenho dito que nossa construção nos deu credibilidade para conversar com todos os grupos. Nós não abrimos mão das nossas convicções e ideais. Vamos seguir debatendo e pensando em uma São João Batista melhor”, justifica.

Vereador presidente

Postado em 22 de janeiro de 2024
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
Foto: Divulgação

Os pedetistas de Tijucas estão sob nova direção. Segundo lugar na disputa majoritária de 2020 no município, o partido anunciou, hoje, a formação da nova executiva. O vereador Cláudio Eduardo de Souza, mais votado no último pleito ao parlamento, passa a presidir a legenda na Capital do Vale.

A suplente de vereadora Consuelo Azevedo assume a vice-presidência, enquanto Matheus Henrique Silva Peixer, Juliano de Oliveira e Nelson Zunino Duarte respondem como secretário geral, tesoureiro e membro, respectivamente.

Ao Blog, o novo presidente afirmou que vem mantendo conversas com todos os partidos, pensando no pleito de outubro. Mas garante que o grupo estará na oposição do governo do prefeito Eloi Mariano Rocha (PSD).

“Nosso compromisso é o de nos unirmos aos projetos que estejam em caminhos opostos ao da atual administração. O povo quer e precisa dessa mudança. Estamos dispostos a lutar por isso”, diz.

MDB

Especula-se há algum tempo que Cláudio do Jornal estaria cotado às fileiras do MDB. Entretanto, o plano, por ora, segundo ele, é de fortalecer o PDT e, no futuro, analisar o cenário e definir o melhor caminho.

“O grupo todo entende que estaremos unidos a um projeto de oposição à atual administração, o que nos aproxima de todas as siglas que pensem da mesma maneira, inclusive o MDB”, explica.

EXECUTIVO OU LEGISLATIVO?

A participação do parlamentar no pleito, neste momento, ainda não está definida. Consultado, o pedetista explicou que está à disposição do grupo para a disputa majoritária. Entretanto, dependeria da adesão dos correligionários.

“Teremos uma reunião entre os filiados para confirmar a possibilidade. Se entenderem que meu nome é o ideal para essa missão, vou com tudo”, disse.

Borbulhando

Postado em 6 de novembro de 2023
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
Foto: Redes Sociais

Os bastidores do Poder Legislativo de Tijucas prometem ser agitados, a partir desta semana. O motivo é o início das conversas para a definição do presidente da Câmara de Vereadores do ano que vem, justamente quando boa parte dos parlamentares passarão pelo crivo popular.

Fontes do Blog garantem que existem três interessados: Maurício Poli (PSB), Rudnei de Amorim (PSD) e Écio Hélio de Melo (PP). O último, aliás, colocou-se à disposição no ano passado. Tentou, inclusive, a benção do prefeito Eloi Mariano Rocha (PSD), mas sem sucesso.

Poli, o atual presidente, afirma que gostaria de continuar liderando os trabalhos da casa, mas que “não vai entrar em atritos”. Portanto, só seria reconduzido ao cargo caso fosse nome de consenso do grupo governista.

Amorim desponta como favorito e, segundo os pássaros incolores que sobrevoam diariamente o parlamento tijuquense, será o presidente de 2024, se assim desejar. Os diálogos começaram.

Representante oficial

Postado em 21 de setembro de 2023
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
Foto: Arquivo Pessoal

A deputada estadual Ana Paula da Silva (PODE) pode ser considerada, definitivamente, a madrinha dos pescadores de Santa Catarina. A bombinense, além de elaborar o programa SC + Pesca, oferecendo benefícios à comunidade pesqueira, vem participando ativamente da defesa de pautas da classe.

Nesta semana, Paulinha esteve em Brasília e se reuniu com o ministro da Pesca e Aquicultura, André de Paula, para discutir a necessidade da instalação de rastreadores em embarcações de pescadores artesanais.

Para a parlamentar catarinense, os trabalhadores não poderão arcar com o elevado custo, já que o equipamento passaria a ser exigido a partir de 2024. “Conversamos sobre o tema com muita profundidade. É desnecessário e caro. Se Deus quiser, vamos superar essa exigência antes da implementação”, pontuou.

Vivo da Silva

Postado em 15 de setembro de 2023
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
Foto: Arquivo Pessoal

Especula-se nas rodas de conversas de Tijucas que o prefeito Eloi Mariano Rocha (PSD) receberá, ao longo dos próximos dias, muitas visitas de correligionários. O intuito delas é para atestar se o mandatário está, de fato, vivo.

Isso porque, ontem, o jornalista Ânderson Silva publicou em sua coluna, no site NSC Total, um despacho do Tribunal de Justiça de Santa Catarina (TJ-SC), onde Mariano Rocha foi dado como morto. O desembargador Jaime Ramos, relator do processo, ainda pediu a comprovação da morte, por meio de um atestado de óbito.

Acontece que quem faleceu, na verdade, foi a ex-secretária de Educação, Ivânia Lemos Freitas, em 2021. Ela e o prefeito respondiam a uma ação de improbidade administrativa, aberta pelo Ministério Público de Santa Catarina, em 2002.

O órgão abriu o processo por suspeitas de desvio de merenda escolar, entre 1995 e 1996, para “fins de campanha nas eleições municipais, ocorridas em 1996”. Ivânia e Eloi comandaram a pasta, durante a gestão do prefeito Nilton de Brito – também falecido.

A dupla foi condenada em primeira instância a ressarcir os cofres municipais. Entretanto, ambos recorreram da decisão, apresentando diferentes contestações. O caso seria novamente julgado nesta semana, entretanto, foi retirado de pauta diante da notícia do falecimento da ex-secretária.

Hora do adeus

Postado em 28 de agosto de 2023
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
Foto: Divulgação

O vice-prefeito Moacir Dalla Brida, de Nova Trento, deixou as fileiras do Partido Liberal nesta segunda-feira (28). O adjunto neotrentino endereçou um ofício ao presidente estadual da legenda e governador do Estado, Jorginho Mello

Com exclusividade, o Blog teve acesso ao documento. Dalla Brida inicia o texto relembrando sua chegada ao “pequeno grupo”, na época, ainda PR. “Militei até os dias atuais, ganhando e perdendo eleições, mas sempre fiel ao partido, às causas e aos ideais republicanos que regem nosso estatuto”, escreveu. 

O neotrentino segue a carta citando os trabalhos prestados ao chefe do Executivo catarinense, quando disputou o Senado, em 2018, e o Governo do Estado, em 2022. “Sinto orgulho de viver esse momento e poder dizer que tenho um governador do meu partido”, afirma. 

Sublinha, ainda, a construção da chapa com o MDB de Tiago Dalsasso, vitoriosa nas eleições municipais de 2020. “Sinto-me com dever cumprido. Honrei meu partido e meu padrinho político, o governador Jorginho Mello”, explica, em relato com traços de emoção. 

Na quinta e última estrofe, Dalla Brida anuncia a despedida do PL. Pondera que esta é uma “decisão que jamais gostaria de tomar”, mas que a toma de “consciência tranquila”. Diz, inclusive, que os movimentos da comissão provisória que assumiu a legenda em Nova Trento pesaram para o adeus. 

“Sou vice-prefeito e a Comissão Provisória que assumiu o partido tem me excluído das reuniões, dos movimentos e tem lançado por conta um candidato a prefeito. Isso me entristece muito, pois sempre penso que o diálogo deve permanecer”, lamenta. 

Futuro

Na mesma carta, Moacir Dalla Brida garante que seu futuro ainda é incerto. “Não sei meu destino político no ano que vem. Desejo sucesso aos que permanecem no PL e torço para que saibam honrar com trabalho o que durante anos conquistamos”, finaliza. 

O Blog apurou que existem conversas, ainda em fases iniciais, com o PSD. A legenda já possui certa aproximação com o governo, o que, em tese, facilitaria o entrosamento. Entretanto, por ora, o adjunto neotrentino deverá continuar sem partido.

Churrasco e política

Postado em 24 de março de 2023
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
Foto: Divulgação

Os olhares mais atentos aos movimentos da política tijuquense estiveram voltados, ontem à noite (23), para a residência do vereador Rudnei de Amorim (PSD), que recepcionou os demais parlamentares da base governista e o prefeito Eloi Mariano Rocha (PSD).

Evidentemente, as conversas giraram em torno da indicação do chefe do Executivo tijuquense à sucessão, no pleito de 2024. Entre os seis nomes citados por Mariano Rocha, horas antes, no LINHA DE FRENTE (conforme mencionado na nota “Quem será o sucessor?”), quatro estavam presentes.

Além do anfitrião, Maickon Campos Sgrott (PP), Maurício Poli (PSB) e Izineide Paloschi participaram do churrasco. Além deles, Écio Hélio de Melo (PP), Cláudio de Oliveira (PP), Ezequiel de Amorim (PSD), Paulo César Pereira (PSD) e Claudemir Correia (PSD) também compareceram.

Conforme apurado pelo Blog, o grupo pretende seguir as estratégias estabelecidas pelo prefeito. A intenção é de que um nome seja definido em consenso, com todos juntos, unidos e remando para o mesmo lado, independentemente dos desejos pessoais.

Chapa feminina

Postado em 3 de setembro de 2020
  •  
  •  
  • 68
  •  
  •  
Foto: Divulgação

Presidente do MDB tijuquense e pré-candidata a prefeita, a vereadora Fernanda Melo Bayer deve formar chapa, nestas eleições, com a empresária Gislaine Devitte (CIDA). As conversas, que teriam iniciado na cúpula estadual dos partidos, com envolvimento pessoal do ex-governador Eduardo Pinho Moreira (PPS) e da deputada federal Carmen Zanotto (CIDA), seguiram em ritmo acelerado, hoje pela manhã, na Capital do Vale.

Estreante na política, Gislaine deve ser anunciada nos próximos momentos como companheira de chapa da vereadora emedebista para a concorrência majoritária.