domingo, 14 de julho de 2024 VALE DO RIO TIJUCAS E COSTA ESMERALDA

Retorno

Postado em 9 de julho de 2024
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
Foto: Arquivo Pessoal

Passados 50 dias do diagnóstico de câncer na região do pescoço, o prefeito Paulo Henrique Dalago Muller (PSD), de Bombinhas, está de volta ao comando do Executivo municipal, depois de passar por um procedimento cirúrgico.

Paulinho ficou afastado das funções por 12 dias. Neste período, o vice-prefeito Alexandre da Silva (PSD) assumiu a função. Nesta segunda-feira (8), o mandatário reassumiu a prefeitura e foi recebido por parte da equipe da gestão.

“Estou de volta com o coração cheio de gratidão e determinação. Foram 12 dias desafiadores, mas voltei com ainda mais vontade de melhorar nossas vidas. Agradeço imensamente pelo apoio e carinho que recebi”, escreveu Paulinho nas redes sociais.

Afastamento

Postado em 27 de junho de 2024
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
Foto: Arquivo Pessoal

Diagnosticado com um câncer na região do pescoço, o prefeito Paulo Henrique Dalago Muller (PSD), de Bombinhas, deve se licenciar do cargo a partir desta quinta-feira (27), para a realização de um procedimento cirúrgico. 

Paulinho ficará afastado por 10 dias e transmitirá a chefia do Executivo municipal ao vice-prefeito Alexandre da Silva. Em comunicado, o mandatário afirmou que “ficará em recuperação” durante o período. 

Pré-candidata

Postado em 21 de junho de 2024
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
Foto: Luan Lucas

Embora contasse com certo favoritismo, a vereadora Isabela Camile da Silva dos Santos, de Bombinhas, ainda precisava vencer uma disputa interna para que pudesse, em outubro, representar o PL na corrida pela prefeitura.

A parlamentar de primeiro mandato tinha como concorrente direto o presidente da executiva local, Mário Cesar Pera, que também se apresentava como postulante ao cargo máximo do município.

Entretanto, tratativas entre PL e MDB – que devem formar chapa nas eleições municipais -, resultaram na definição e o nome da vereadora passa a ser o único indicado pelo partido do governador Jorginho Mello à pré-candidatura.

“Houve uma reunião entre as executivas do PL e do MDB. Nós, enquanto PL, chegamos a um consenso. O Mário Pera, na política, é uma pessoa muito estratégica e que representa a população. É o nosso presidente. Sempre discutimos e construímos juntos. Nos colocamos à disposição, mas, conversando e ouvindo a população, chegamos ao consenso”, explicou a vereadora, em entrevista ao programa LINHA DE FRENTE, ontem.

PREPARAÇÃO

Representante da oposição ao governo Paulo Henrique Dalago Muller (PSD), Isabela Camile garante que vem se preparando para o enfrentamento ao atual adjunto bombinense, Alexandre da Silva (PSD), que deve ser oficializado como candidato governista à sucessão.

“Sempre me preparei. Acredito que não teria como não ser ele. Não há outra liderança. Tenho certeza que, além do amadurecimento e todo o trabalho de fiscalização que tenho feito dentro da Câmara, eu aguardo por esse enfrentamento”, pontuou.

Troca de benesses

Postado em 11 de junho de 2024
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
Foto: Agência AL

A deputada estadual Ana Paula da Silva (PODE) teria cogitado se afastar da Assembleia Legislativa por “um período longo”. O plano teria sido exposto em conversa informal, na presença de lideranças de São João Batista e com vistas, inclusive, no processo eleitoral da Capital Catarinense do Calçado.

Com a licença do posto, Paulinha poderia se dedicar ao companheiro, prefeito Paulo Henrique Dalago Müller (PSD), de Bombinhas, que passa por um problema de saúde, e, por tabela, incentivar o suplente de deputado estadual Daniel Netto Cândido (ex-PODE, agora no PSD) a requerer a cadeira no Legislativo. A manobra tiraria o ex-prefeito e ex-secretário adjunto de Estado da disputa local e abriria espaço para a oposição.

A proposta não passa de confabulação, uma vez que para a parlamentar, e com a retirada de Cândido, o vereador Elisandro dos Santos (PODE) seria a alternativa articulada na corrida à prefeitura de São João Batista. Diferentemente do que pensam figuras de comando no bloco oposicionista, que trabalham mais especificamente com os nomes dos ex-vereadores Fábio Norberto Sturmer (PP) e Juliano Peixer (UNIÃO), e do empreendedor Felipe Lemos (PL).

Diagnóstico

Postado em 27 de maio de 2024
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
Foto: Arquivo Pessoal

O prefeito Paulo Henrique Dalago Muller (PSD), de Bombinhas, foi diagnosticado com um câncer na região do pescoço. Um laudo médico apontou um tumor maligno na tireoide, conforme comunicado emitido pelo próprio mandatário, através das suas redes sociais.

Dalago Muller explicou que realizou uma série de exames e afirmou que deverá ser submetido a uma cirurgia nas próximas semanas. Entretanto, o bombinense garante que se mantém tranquilo e pronto para enfrentar a doença.

“Minha vida sempre foi pautada por muitos desafios. Sempre enfrentei todos com muita coragem e de cabeça em pé. Com Deus ao meu lado, venci todos. Este que se coloca a minha frente, não será diferente. Será uma batalha, mas como sei que Deus e muitas pessoas estão ao meu lado, a cura virá”, escreveu.

Mais tarde, Paulinho publicou um vídeo agradecendo pelas mensagens recebidas desde o comunicado. “Estou bem, minha cabeça está boa. É mais um desafio que vou superar, com a ajuda e torcida de todos. Vocês vão se incomodar muito comigo e ainda terão que me aturar”, brincou.

Filho adotivo

Postado em 8 de maio de 2024
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
Foto: Arquivo | Redes Sociais

A situação de calamidade pública vivida em Eldorado do Sul, cidade amplamente atingida pelas águas do Rio Jacuí e do Lago Guaíba, no Rio Grande do Sul, sensibilizou a deputada estadual Ana Paula da Silva (PODE) e o prefeito de Bombinhas, Paulo Henrique Dalago Muller (PSD).

O casal fez contato direto com o prefeito eldoradense, Ernani de Freitas (PDT), comprometendo-se em ajudar na reconstrução da cidade. A intenção dos bombinenses é “adotar” o município e concentrar os esforços em diferentes frentes de trabalho.

Caminhões carregados de mantimentos básicos e mais urgentes para o momento, como água, colchões e materiais de limpeza, serão enviados ainda nesta semana. Além disso, o mandatário prometeu encaminhar profissionais da Saúde, maquinários e outros servidores para ajudar na mão-de-obra.

“Depois da ligação, tive vontade de chorar. Mas, como agora é hora de mostrar força e união, e como bombinenses, catarinenses e humanos que somos, vamos reconstruir essa cidade”, escreveu o prefeito.

EM TEMPO: Dentre as quase 400 cidades afetadas pela maior catástrofe climática da história do Rio Grande do Sul, a cidade de Eldorado do Sul aparece como uma das mais devastadas. O município tem 40 mil habitantes e tem praticamente 100% do território submerso, o que provocou a evacuação total do município.

Destravado 

Postado em 29 de novembro de 2023
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
Foto: Arquivo Pessoal

Os problemas com as intermináveis filas na rodovia BR-101, especialmente no trecho entre Porto Belo e Barra Velha, podem ser minimizados a partir de dezembro, anunciou, ontem, o prefeito de Bombinhas e presidente da Amfri (Associação dos Municípios da Foz do Rio Itajaí), Paulo Henrique Dalago Muller (PSD). 

De Brasília, na sede da ANTT (Agência Nacional de Transportes Terrestres), Paulinho confirmou que neste último mês de 2023, a Arteris/Autopista Litoral Sul, empresa que administra a rodovia na região, iniciará os testes para a liberação do acostamento como terceira faixa, em determinados horários, às sextas, sábados e domingos. 

“Vamos ter uma solução. Esse destravamento vai diminuir, com toda certeza, os congestionamentos que deixam todo mundo fora do sério. Não é só a mobilidade, mas também uma questão de saúde”, celebrou o mandatário bombinense. 

Malas prontas

Postado em 25 de outubro de 2023
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
Foto: Divulgação

A ex-prefeita de Bombinhas e deputada estadual Ana Paula da Silva não vai permanecer por muito mais tempo no PODEMOS. Ela deve usar a próxima janela de transferências partidárias, em abril, para assinar a filiação ao PSD.

Do mesmo grupo, o companheiro e prefeito Paulo Henrique Dalago Muller, que se reelegeu no DEM, já migrou para o PSD; e o vice-prefeito e pré-candidato à sucessão municipal Alexandre da Silva, que estava no PDT, revelou, em recente entrevista ao programa LINHA DE FRENTE, na TV Vip, que vai seguir o mesmo caminho.

Paulinha tem muita proximidade com o colega de parlamento Júlio Garcia (PSD) – uma das figuras mais importantes da atualidade na política catarinense –, relação que teve peso fundamental na decisão. A adesão tem sido especialmente comemorada nas internas do partido, no Estado e na região.

Postulante à sucessão

Postado em 20 de outubro de 2023
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
Foto: Luan Lucas

Não há no horizonte do vice-prefeito Alexandre da Silva (PDT), de Bombinhas, qualquer razão que o faça abdicar de concorrer ao cargo de prefeito, em 2024. O ex-secretário de Saúde bombinense, inclusive, é apontado como a única opção do grupo governista para a sucessão de Paulo Henrique Dalago Muller (PSD).

O próprio adjunto revelou, ontem, em entrevista ao programa LINHA DE FRENTE, que as motivações são várias. Entre elas, está o desejo de dar continuidade a um governo exitoso – iniciado com Ana Paula da Silva (PODE), em 2013 -, além dos números positivos levantados em pesquisas de avaliação popular.

“Quem vai ter coragem de mudar esse modelo de gestão de Bombinhas que se iniciou lá em 2013? Bombinhas teve uma transformação. As entregas e melhorias estão lá pra todo mundo ver”, afirmou Silva.

Faz o 55

Ainda filiado ao PDT, Alexandre da Silva está com as malas prontas para desembarcar no PSD. O partido, que recentemente contou com a adesão do prefeito, vem se estruturando para a disputa das eleições municipais.

“Está bem encaminhado com o PSD, onde o prefeito Paulinho já está. O caminho provavelmente será esse. Temos alguns partidos na caminhada, conversamos com todos, mas eu devo seguir no PSD”, confirmou.

Sem estragos

Postado em 9 de outubro de 2023
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
Foto: Arquivo Pessoal

O angustiante fim de semana em Santa Catarina foi de muito trabalho para o prefeito Paulo Henrique Dalago Muller (sem partido), de Bombinhas. O mandatário, desde o início das previsões de fortes chuvas, mobilizou toda a equipe da prefeitura para monitorar pontos críticos.

Paulinho, inclusive, visitou pessoalmente cada um deles. O intuito era, justamente, identificar os graus de riscos nas áreas mapeadas. O balanço final foi positivo. Para o prefeito, comparada com outras cidades catarinenses, Bombinhas “passou ilesa”.

A avaliação foi de que os investimentos em sistemas de drenagem e saneamento foram fundamentais para a diminuição do problema. “Com um nível de chuva bastante elevado, não tivemos nenhuma ocorrência grave, por causa dos investimentos, dos projetos e da preocupação com as pessoas”, afirmou o mandatário.

Sem estragos, o município, a partir de agora, estuda formas de contribuir com cidades que não tiveram a mesma sorte. “O foco agora é ajudar as mais de 60 cidades que estão em situação de emergência”, completou o prefeito.