quarta-feira, 21 de agosto de 2019 VALE DO RIO TIJUCAS E COSTA ESMERALDA

Ação global

Postado em 11 de junho de 2019

No sábado (8), Dia Mundial dos Oceanos, a ONU (Organização das Nações Unidas) anunciou uma parceria com a Família Schürmann – que tem origens em Porto Belo e ficou famosa pelas viagens a bordo de um velejo mundo afora –, para que a próxima expedição, batizada de Voz dos Oceanos, de 18 meses, integre uma campanha mundial em atenção ao preocupante futuro da água no planeta.

De acordo com a proposta, os Schürmann contribuiriam com testemunhos e registros in loco do que está acontecendo nos mares do mundo.

Projeto reeleição

Postado em 1 de março de 2019

O prefeito de Tijucas, Elói Mariano Rocha (PSD), anunciou, ontem, em reunião com o Conselho – escrete cola-branca que participou da organização da campanha de 2016, e que continua orientando politicamente a administração municipal –, que se dispõe à reeleição na concorrência municipal de 2020. O mandatário tijuquense, entretanto, deixou claro que o projeto não se trata de uma imposição, mas de sugestão. Os correligionários entenderam, unanimemente, que, diante da viabilidade da proposta, do trabalho que vem sendo realizado e das chances de sucesso, o chefe do Executivo deve ser o candidato no próximo pleito.

Uma das preocupações do grupo, a propósito, era a saúde de Mariano Rocha – que sofreu outro derrame em dezembro. O alcaide, porém, garantiu que tem energia suficiente para enfrentar o processo eleitoral de 2020 e um possível segundo mandato; e que está 80% recuperado do recente revés.

Preocupação

Postado em 1 de dezembro de 2017

Ambientalistas, que citam Tijucas como referência mundial de conservação e preservação, estão preocupados. Recorrem ao Blog para informar que alguns empresários e investidores, tijuquenses e forasteiros, estariam planejando articular mudanças no Plano Diretor com interesses escusos, voltados exclusivamente ao mercado da construção civil. E que, inclusive, autoridades locais estariam sendo aliciadas para encampar a proposta e aprovar as alterações.

A plácida Capital do Vale vem crescendo; abrigando alternativas pujantes na iniciativa privada e se emancipando no turismo de experiência  é, por exemplo, o que deve acontecer caso a cidade se transforme, de fato, num polo náutico internacional. E o desenvolvimento sustentável, justificam os defensores do meio ambiente, é primordial para que o município alcance esse patamar.

O crescimento desordenado das vizinhas Itapema e Balneário Camboriú são exemplos que, comprovadamente, caminham na contramão do futuro. Com a palavra, os vereadores.