terça-feira, 20 de outubro de 2020 VALE DO RIO TIJUCAS E COSTA ESMERALDA

Revezamento

Postado em 14 de outubro de 2020

Mais um capítulo na novela que enreda a cadeira do vereador licenciado Odirlei Resini (MDB) na Câmara Municipal de Tijucas. Novo despacho do TJSC (Tribunal de Justiça de Santa Catarina) decreta a nulidade do ato que nomeou e empossou Cláudio Tiago Izidoro (PP) na vaga e a consequente nomeação e posse de Oscar Luiz Lopes (MDB). A decisão atenta, ainda, para “risco de dano grave ou de difícil reparação se mantido o atual quadro no Legislativo tijuquense”.

Portanto, de acordo com o mais recente entendimento, a cadeira pertence ao MDB e não a Izidoro — que era filiado à legenda em 2016, alcançou votação superior à de Lopes, mas que, em seguida, deixou as fileiras emedebistas e em março se transferiu para o PP. Desde que Resini se licenciou da vereança para servir à Secretaria Municipal de Agricultura, Pesca e Meio Ambiente, os suplentes vêm se revezando na vaga; não por acordo entre si, mas por deliberações judiciais que ora contemplam uma parte e depois outra.

Desistências

Postado em 24 de setembro de 2020

Braço direito do prefeito Daniel Netto Cândido (PSL) na Câmara de São João Batista, a vereadora Rúbia Tamanini Duarte (PSL) não vai concorrer à reeleição. Tinha situação confortável, e era nome praticamente certo para a próxima legislatura; mas declinou da disputa, surpreendentemente.

Cotada para a vice-prefeitura na chapa governista, que indicou o também vereador Almir Peixer (PSD) para a vaga, ela já havia liberado apoiadores e cabos eleitorais para acompanharem outro pré-candidato à vereança, de quem é muito próxima, e não quis voltar atrás. Preferiu manter a palavra e se afastar da concorrência.

TIJUCAS

Outra baixa na disputa, mas em Tijucas, é a do vereador Cláudio Tiago Izidoro (PP). Decidiu que não vai concorrer no pleito que se avizinha e que pretende, assim que terminar o mandato, se dedicar integralmente à carreira profissional, na construção civil e montagem industrial.

Ex-secretário de Obras, de Agricultura e diretor da Ditran (Diretoria de Transito e Transportes) em governos anteriores, Izidoro deve cumprir a campanha apenas como apoiador do projeto governista, com o prefeito Eloi Mariano Rocha (PSD) e o engenheiro Sérgio Fernandes Cardoso (PSD) na disputa majoritária.

Vai e vem

Postado em 3 de agosto de 2020

A cadeira do vereador licenciado Odirlei Resini (MDB), atual secretário de Agricultura, Pesca e Meio Ambiente do município, volta, a partir de hoje, a ser ocupada pelo suplente Cláudio Tiago Izidoro (PP) na Câmara. Por liminar do desembargador Sérgio Bassch Luz, da 2ª Câmara de Direito Público do TJSC (Tribunal de Justiça de Santa Catarina), o segundo suplente do MDB, Oscar Luiz Lopes, mantinha o posto de vereador desde 14 de julho. Agora, o juiz substituto Luiz Fernando Pereira de Oliveira, da 2ª Vara Cível da Comarca de Tijucas, assinou mandado de segurança revertendo a decisão.

O imbróglio envolve uma discussão antiga: do direito à vaga para o partido ou para o candidato que obteve mais votos na eleição de 2016. De acordo com o mandado de segurança, publicado ontem, “não há prova pré-constituída nos autos ou mesmo notícia de que o empossado Cláudio Tiago Izidoro, primeiro suplente diplomado, tenha sido removido pela Justiça Especializada da lista de suplentes” e “até que haja pronunciamento da Justiça Eleitoral a respeito, eventualmente alterando a ordem dos suplentes, a denegação da segurança é medida que se impõe”.

A representação municipal do MDB foi intimada a apresentar contrarrazões para requerer, mais uma vez, a cadeira em questão. O prazo vence amanhã.

Cadeira sem dono

Postado em 14 de julho de 2020

A vaga aberta na Câmara Municipal de Tijucas com a nomeação do vereador Odirlei Resini (MDB, mas alinhado politicamente com a administração) para o comando da Secretaria de Agricultura, Pesca e Meio Ambiente pertence ao primeiro suplente Cláudio Tiago Izidoro (ex-MDB, agora no PP) ou ao partido? De acordo com uma recente liminar, o MDB tem direito à cadeira; e o segundo suplente Oscar Luiz Lopes (MDB) deve assumir o posto no parlamento tijuquense nesta quinta-feira (16).

Izidoro, por sua vez, recorreu da decisão. Mas, neste momento, está impedido de participar das sessões. O grupo político do prefeito Eloi Mariano Rocha (PSD) estuda, agora, a possibilidade de regresso de Resini para a Câmara e o consequente barramento de Lopes e do MDB no Legislativo municipal.

Novo secretário

Postado em 20 de maio de 2020
Foto: PMT/Divulgação

Pedra cantada no Blog deu bingo. Conforme antecipado na nota “Vai e volta“, o vereador Odirlei Resini (MDB) assumiu, agora pela manhã, o comando da Secretaria Municipal de Agricultura, Pesca e Meio Ambiente. A alocação do parlamentar no colegiado municipal contempla, ainda, o suplente Cláudio Tiago Izidoro (PP), que volta à Câmara para preencher a vaga aberta.

Resini garante que foi pego de surpresa, e que o convite do prefeito Eloi Mariano Rocha (PSD) foi oficializado apenas ontem. No comunicado oficial, a prefeitura diz que a nomeação do vereador na regência da pasta “atende à solicitação dos agricultores”.

Vai e volta

Postado em 12 de maio de 2020

Com a volta do ex-secretário de Desenvolvimento do município Jean Carlos de Sieno dos Santos (PP) para a Câmara Municipal de Tijucas — para concorrer outra vez ao Legislativo nestas eleições —, Cláudio Tiago Izidoro (PP) passou novamente para a suplência. Mas não por muito tempo. Há uma força-tarefa em curso para que o ex-emedebista seja reconduzido ao parlamento tijuquense nas próximas semanas. A manobra, porém, dependeria do poderio econômico do município.

Decidido a não disputar o próximo pleito, o vereador Odirlei Resini (MDB) seria realocado no comando da Secretaria Municipal de Agricultura, Pesca e Meio Ambiente; e, com a vaga aberta na Casa do Povo, Izidoro voltaria à vereança. A ideia do prefeito Eloi Mariano Rocha (PSD), em suma, seria prestigiar tanto um quanto outro — ambos dissidentes do MDB que abraçaram a proposta governista.

Progressistas reforçados

Postado em 3 de abril de 2020

A representação do PP tijuquense ganhou reforços para a disputa proporcional deste ano. Os vereadores Juarez Soares (ex-CIDA) e Cláudio Tiago Izidoro (ex-MDB) acabam de assinar filiação ao partido do presidente da Câmara, Vilson Natálio Silvino.

Além deles, o filho do ex-prefeito Uilson Sgrott (DEM), empresário Maickon Campos Sgrott, que deve concorrer a uma cadeira no Legislativo municipal nestas eleições, também ingressou nas fileiras progressistas nesta janela.

Filme repetido

Postado em 6 de março de 2020
Foto: Divulgação

O engenheiro Sérgio “Coisa Querida” Fernandes Cardoso passou a ser visto com mais frequência no cotidiano tijuquense. Ontem à noite esteve no Benquisto Hamburgueria & Pub acompanhado de amigos e correligionários, como o comerciante Esi “Chico” Melo, o vereador Cláudio Tiago Izidoro (sem partido), o empresário Geremias Teles Silva e o secretário de Agricultura, Pesca e Meio Ambiente de Tijucas, José Leal Silva Junior.

E como acontece ocasionalmente, sempre em período pré-eleitoral, o nome do ex-diretor do Sebrae vem sendo novamente especulado entre os colas-brancas para o pleito municipal da Capital do Vale.

VICE IDEAL

Agora aposentado, Coisa Querida tem viagem marcada para Portugal nos próximos dias. Ele fica em solo lusitano por três meses, para cursar especializações em gestão empresarial e técnica.

Enquanto isso, o staff do prefeito e pré-candidato à reeleição Eloi Mariano Rocha (PSD) conjetura a formação da chapa governista com o engenheiro. Há rumores, inclusive, sobre uma força-tarefa para filiação de Cardoso no PSL e, consequentemente, o cumprimento do tratado com o governador Carlos Moisés da Silva — para que os peesselistas participem ativamente do processo eleitoral no grupo situacionista.

Segue o líder

Postado em 28 de fevereiro de 2020

Pergunta: o que têm em comum o secretário municipal de Desenvolvimento Econômico de Tijucas, Jean Carlos de Sieno dos Santos (PSC), e os vereadores Cláudio Tiago Izidoro (sem partido) e Odirlei Resini (MDB)? Resposta: eles aguardam orientação do prefeito Eloi Mariano Rocha (PSD) sobre a filiação partidária que devem assumir para o pleito proporcional.

Sieno dos Santos aceitou se transferir para o PSD, já tem a ficha de filiação em mãos, e só não assinou ainda porque correria o risco de perder o mandato — de vereador, para o qual foi reeleito em 2016 — caso antecipasse a mudança. Izidoro e Resini também estão inclinados ao PSD, mas devem definir os rumos e metas apenas no fechamento da janela, em março, sob supervisão de Mariano Rocha e de acordo com as conjunturas.

Reforço

Postado em 14 de janeiro de 2020

Nome à frente do PP em Tijucas, o vereador Vilson Natálio Silvino — que cumpre o segundo mandato consecutivo na presidência do Legislativo municipal neste ano — quer ver o partido no pelotão de frente da eleição proporcional que se aproxima. E convidou, pessoalmente, três colegas parlamentares para encorparem a nominata de candidatos à Câmara Municipal no pleito de outubro.

Silvino pretende, e não esconde, que os vereadores Odirlei Resini (MDB), Cláudio Tiago Izidoro (sem partido) e Maria Edésia da Silva Vargas (PT) migrem para o PP na próxima janela de transferências partidárias. Outro que vem recebendo investidas sistemáticas do progressista é o secretário de Desenvolvimento Econômico, Jean Carlos de Sieno dos Santos, que já anunciou a desfiliação do PSC.