quarta-feira, 4 de agosto de 2021 VALE DO RIO TIJUCAS E COSTA ESMERALDA

Cobertor curto

Postado em 12 de julho de 2021
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

O vereador governista Marcelo Teodoro Adão (MDB) não gostou de ter negados pela Secretaria Municipal de Assistência Social dois edredons que seriam encaminhados a famílias carentes de São João Batista. E fez questão de publicitar a insatisfação no encontro com a secretária Rúbia Alice Tamanini Duarte, na Câmara, durante a prestação de contas da pasta. “Fiquei decepcionado com a senhora. Fizeram pouco caso”, disse o parlamentar nas tribunas do Legislativo.

A secretária preferiu não se manifestar sobre o caso. Nem no embate com Adão, e nem depois. O que gerou desconforto no paço e motivou a intervenção do prefeito Pedro Alfredo Ramos (MDB). Ao Jornal Correio Catarinense, o chefe do Executivo batistense disse que “os dois erraram” e que convocaria ambos para uma conversa sobre o assunto e poria um ponto final na polêmica.

Reconhecimento

Postado em 9 de abril de 2021
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Os préstimos da ex-vereadora Rúbia Alice Tamanini Duarte (PSL) na Câmara Municipal continuam sendo reconhecidos. Ela compõe, desde ontem, uma seleta lista de nove catarinenses convidados a ministrar cursos de qualificação para parlamentares e assessores com intermédio da Escola do Legislativo, vinculada à Alesc (Assembleia Legislativa de Santa Catarina). Na região, entre Vale do Rio Tijucas e Costa Esmeralda, somente a batistense recebeu esse chamado.

O trabalho, porém, não impede que Rúbia siga no comando da Secretaria Municipal de Ação Social, cargo que assumiu no início de fevereiro. O curso, ministrado além do expediente do município, objetiva, sobretudo, a formação política dos agentes públicos, além do fortalecimento da administração pública e do aprimoramento na atuação parlamentar.

Honra ao mérito

Postado em 5 de fevereiro de 2021
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

A ex-vereadora Rúbia Alice Tamanini Duarte (PSL), que não se recandidatou ao Legislativo em 2020 — e, para grande parte dos batistenses, jamais poderia ter deixado a vida pública —, foi, enfim, contemplada no governo do prefeito Pedro Alfredo Ramos (MDB), em São João Batista. Ela assume, a partir de hoje, a Secretaria Municipal de Assistência Social.

O chamado foi feito ontem à tarde, o convite oficializado hoje pela manhã, e o anúncio, pelo próprio chefe do Executivo, em seguida. Rúbia substitui Elizabeth Lofhagen Severino, que comandou a pasta por apenas um mês e decidiu se dedicar à iniciativa privada, com a abertura de uma loja de cosméticos na cidade.

Desistências

Postado em 24 de setembro de 2020
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Braço direito do prefeito Daniel Netto Cândido (PSL) na Câmara de São João Batista, a vereadora Rúbia Tamanini Duarte (PSL) não vai concorrer à reeleição. Tinha situação confortável, e era nome praticamente certo para a próxima legislatura; mas declinou da disputa, surpreendentemente.

Cotada para a vice-prefeitura na chapa governista, que indicou o também vereador Almir Peixer (PSD) para a vaga, ela já havia liberado apoiadores e cabos eleitorais para acompanharem outro pré-candidato à vereança, de quem é muito próxima, e não quis voltar atrás. Preferiu manter a palavra e se afastar da concorrência.

TIJUCAS

Outra baixa na disputa, mas em Tijucas, é a do vereador Cláudio Tiago Izidoro (PP). Decidiu que não vai concorrer no pleito que se avizinha e que pretende, assim que terminar o mandato, se dedicar integralmente à carreira profissional, na construção civil e montagem industrial.

Ex-secretário de Obras, de Agricultura e diretor da Ditran (Diretoria de Transito e Transportes) em governos anteriores, Izidoro deve cumprir a campanha apenas como apoiador do projeto governista, com o prefeito Eloi Mariano Rocha (PSD) e o engenheiro Sérgio Fernandes Cardoso (PSD) na disputa majoritária.

“Não nascemos colados”

Postado em 28 de julho de 2020
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

O compromisso do prefeito Daniel Netto Cândido (PSL) com o MDB para o pleito majoritário de São João Batista não foi acordado com a líder do governo na Câmara, vereadora Rúbia Alice Tamanini Duarte (PSL). Em entrevista ao Linha de Frente, na VipSocial TV, quinta-feira (23), ela deu a entender que poderia seguir um caminho paralelo ao do chefe do Executivo municipal nestas eleições. “Não nascemos colados”, revelou, com exclusividade.

A parlamentar falou, ainda, da concorrência na coalizão governista para a indicação do candidato a vice-prefeito, da mudança de partido e das possibilidades da eleição. “Me sinto muito preparada”, disse, para justificar o rótulo — já publicamente abdicado — de pré-candidata a vice-prefeita. Assista à íntegra do programa:

Programa de entrevistas no formato talk show com personalidades da política que tenham relação direta ou indireta com o Vale do Rio Tijucas e a Costa Esmeralda, o Linha de Frente vai ao ar semanalmente, todas as quintas-feiras, às 19h30, na VipSocial TV e com transmissões simultâneas nas redes FacebookYouTube e Instagram.

Panos quentes

Postado em 12 de junho de 2020
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Em grandes ondas, todos querem surfar. A pré-candidatura a vice na chapa governista para a concorrência majoritária de São João Batista se transformou no assunto do momento na cidade — sobretudo, com manifestações efusivas na Câmara Municipal. O discurso acalorado do vereador Almir “Déi do Gás” Peixer (PSD) nas tribunas do parlamento, segunda-feira (8), sobre a disposição de formar dupla com o vice-prefeito e pré-candidato Pedro Alfredo “Pedroca” Ramos (MDB), provocou reação diligente — e diplomática — da favorita ao posto, Rúbia Alice Tamanini Duarte (PSL).

No meio da semana, a professora, única mulher na atual legislatura, preferiu evitar ranhuras, abriu mão da vaga e pontuou que “Pedroca sempre teve preferência por Déi”. Nas internas situacionistas, o posicionamento da vereadora foi considerado um ato generoso.

O prefeito Daniel Netto Cândido (PSL), por sua vez, concordou com a correligionária e reforçou a ideia de grupo. “Não queremos gerar divisão”, acrescentou o chefe do Executivo batistense.

Assunto encerrado

Postado em 8 de junho de 2020
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
Foto: Divulgação

O chefe da Casa Civil estadual Amandio João da Silva Junior foi taxativo ao garantir que os R$ 8,3 milhões prometidos a Tijucas para o asfaltamento da Avenida Beira Rio entrariam em breve na conta do município. “Este assunto não volta mais para cá”, disse ele, hoje, no fim da tarde, em reunião com a comitiva tijuquense, em Florianópolis. O recurso deve ser disponibilizado até o fim do mês.

 

O prefeito Eloi Mariano Rocha (PSD) e o secretário de Administração e Finanças do município, Rosenildo de Amorim, tiveram, ainda, a companhia do engenheiro Sérgio Fernandes Cardoso — que mantém relação estreita com Silva Junior — como importante reforço no pedido. Braço do governo estadual no Vale do Rio Tijucas, o prefeito de São João Batista, Daniel Netto Cândido (PSL), também participou do ato, acompanhado da vereadora Rúbia Alice Tamanini Duarte (PSL).

Saldo positivo

Postado em 4 de fevereiro de 2020
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Professora de excelência, a vereadora Rúbia Alice Tamanini Duarte (PSD), enfim, respira aliviada. Acusada, no início do mandato, em 2017, de votar contra a categoria — e em favor da lei de criação dos monitores de classe —, ela colhe, agora, três anos depois, os frutos daquela difícil decisão.

A saúde financeira do município, inspirada por medidas como aquela, possibilitou que o governo de São João Batista conseguisse pagar, neste ano, pela primeira vez, o piso salarial dos professores. Pois, então?!

Cara e coragem

Postado em 11 de dezembro de 2019
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
Foto: Divulgação

Elas não foram agredidas. Mas poderiam ter sido, assim como ocorre com mais de 500 mulheres no Brasil a cada hora. Como forma de alertar para o problema, servidoras da prefeitura de São João Batista foram trabalhar, ontem, maquiadas como se tivessem sido vítimas de violência doméstica. A iniciativa faz alusão à campanha global “16 Dias de Ativismo pelo Fim da Violência contra as Mulheres”.

O município teve importantes avanços neste ano. Exemplo foi a criação da Lei Municipal 3.927/2019, de autoria dos vereadores Rúbia Alice Tamanini Duarte (PSD) e Ademir José Rover (PRB), que prevê o encaminhamento prioritário para atendimento psicológico de interessadas em sair desta realidade. A legislação prevê, ainda, a instituição de um programa de incentivo à contratação, por empresas batistenses, de mulheres em situação de violência doméstica.

Na foto, a responsável pela organização da iniciativa, jornalista Dirleni Dalbosco, coordenadora de Comunicação e Imprensa da prefeitura. A campanha teve apoio do salão de beleza A Favorita e da loja de cosméticos Dudalinda.

Independência

Postado em 30 de outubro de 2019
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
Foto: Dirleni Dalbosco

A vereadora Rúbia Alice Tamanini Duarte (PSD) apresentou o projeto, e o prefeito Daniel Netto Cândido (PSD) sancionou a Lei. Agora, em São João Batista, mulheres em situação de violência doméstica, e que dependem economicamente do cônjuge, têm prioridade no mercado de trabalho do município.

A norma prevê que um banco de empregos seja criado na Capital Catarinense do Calçado para a disponibilização das vagas e encaminhamento das vítimas às empresas contratantes — que farão as admissões livremente, baseadas nos seus critérios de qualificação.