quinta-feira, 2 de julho de 2020 VALE DO RIO TIJUCAS E COSTA ESMERALDA

Nota de repúdio

Postado em 20 de abril de 2020

Para a direção do PT tijuquense, o ex-vice-prefeito Roberto Vailati — que assumiu recentemente a presidência do PSB municipal — é, agora, alguém “que busca a captação dos votos advindos da política de ódio, com a propagação de mentiras e impropérios que visam a desconstrução de lideranças históricas da luta do povo pobre e trabalhador do país”. O partido repudiou a declaração do advogado, de que “o ex-presidente (Luiz Inácio) Lula (da Silva) mereceu estar preso”, semana passada, no programa Linha de Frente, na VipSocial TV.

Em nota, o PT diz que a posição de Vailati “reflete o interesse eleitoreiro, pessoal, a ingratidão e o oportunismo que caracterizam boa parte da classe política que prioriza a reprodução eleitoral ao invés dos anseios da municipalidade e do povo”.

Força policial

Postado em 17 de dezembro de 2019
Foto: Divulgação

Na mesma semana em que o comandante da Polícia Militar, subtenente Daniel José Pereira, disse publicamente que nunca viu um prefeito tão comprometido com o seu povo quanto o chefe do Executivo de São João Batista, Daniel Netto Cândido (PSD), a cúpula da Polícia Civil decidiu, também, homenagear o mandatário batistense.

Durante encontro com o delegado geral Paulo Norberto Koerich, com o delegado regional de Brusque, Fernando de Faveri, com o delegado da DP de São João Batista, Marcelo Arruda e com o agente Januario Mafezzoli, sexta-feira (13), Cândido recebeu uma placa de agradecimento pela “reforma da delegacia da comarca de São João Batista, e pela aquisição de novas viaturas para a Polícia Civil do município”.

Ineditismo

Postado em 10 de dezembro de 2019

“Em 37 anos na Polícia Militar, eu não vi um prefeito tão comprometido com o seu povo quanto o senhor. A gente vê obras por todos os lados na cidade. Isso aumenta a satisfação de viver e ser cidadão de São João Batista”, disse o sargento Daniel José Pereira, comandante da Polícia Militar na Capital Catarinense do Calçado, publicamente, ontem, durante a formatura do Proerd (Programa Educacional de Resistência às Drogas), para o prefeito Daniel Netto Cândido (PSD).

Coincidentemente, Cândido havia assinado, pouco antes, a ordem de serviço para a construção do novo Ginásio de Esportes Manoel Sertório Alves, o Manecão — outra das benfeitorias aguardadas na comunidade e duvidada nos setores de oposição. O complexo esportivo terá 2.211 metros quadrados e capacidade para 1.044 pessoas sentadas, além de quadra com dimensões oficiais.

Voto declarado

Postado em 6 de dezembro de 2019
Foto: Divulgação

As quatro décadas de militância no MDB deixaram de limitar a preferência eleitoral do transportador rodoviário Carlos Alberto da Silva (E), popular Carlinhos da Nita — que, em razão do amor ao Manda Brasa, é chamado intimamente de Periquito Doido. Hoje pela manhã, ele esteve no primeiro gabinete do paço tijuquense, acompanhado do empresário Eliel Hamilton Ventura, para declarar apoio irrestrito ao prefeito cola-branca e pré-candidato à reeleição Eloi Mariano Rocha (PSD) no pleito de 2020.

Questionado, principalmente por correligionários, Silva tem dito apenas que decidiu votar em pessoas, e não mais em siglas partidárias. “Se ele (Mariano Rocha) estiver no 55, no 17, no 15 ou no 80, eu voto. Meu voto é dele, não do partido”, reafirma.

 

Provocação

Postado em 21 de maio de 2019

Dona do decote mais polêmico dos últimos tempos, a ex-prefeita de Bombinhas e deputada estadual Ana Paula da Silva (PDT) preferiu ignorar a declaração do colega Jessé Lopes (PSL), dias atrás, na tribuna do Legislativo catarinense, de que “mulheres de saia ou decote provocam os estupradores”.

“Foi uma infelicidade da parte dele. E, francamente, nem quero dar ibope a esse tipo de comentário”, diz Paulinha, com exclusividade ao Blog.

Postura diferente, no entanto, teve a presidente do MDB Mulher em Santa Catarina e também deputada estadual Dirce Heiderscheidt, que emitiu nota de repúdio ao discurso do parlamentar peesselista. “É inadmissível que, nos dias atuais, enquanto tanto se discute feminicídio, assédio, violência contra a mulher e tantos outros desafios enfrentados por nós, um representante do povo, que deveria nos defender, vem a público afirmar que podemos ser culpadas por um crime tão brutal que fere e mata centenas de mulheres todos os dias no Brasil”, diz, no texto.

O querer e o poder

Postado em 13 de março de 2019

Na reunião com o Conselho – escrete cola-branca que participou da organização da campanha de 2016, e que continua orientando politicamente a administração municipal –, em que anunciou a intenção de concorrer novamente à prefeitura de Tijucas em 2020, o prefeito Elói Mariano Rocha (PSD) deixou o caminho aberto para os demais interessados. “Me coloco à disposição, mas, se houver, aqui, mais alguém com o mesmo desejo, abro mão da candidatura e presto total apoio na campanha”, pontuou o chefe do Executivo tijuquense.

No grupo, formado por sugeridos postulantes ao cargo máximo do município em todas as eleições – tais como os empresários Geremias Teles Silva (DEM) e Helio Gama (PP), e o médico Rogério de Souza (PP) –, não houve manifestação. Ou quase. A exceção foi o ex-prefeito Uilson Sgrott (DEM), que ergueu a mão e se declarou: “Também quero ser o candidato em 2020”. Passarinho incolor diz que o silêncio, naquele momento, foi ensurdecedor. Pois, então?!

Isenções de gaveta

Postado em 20 de fevereiro de 2019

A deputada estadual Ana Paula da Silva (PDT) começa a provar que não é apenas um rosto bonito e um decote controverso. Ontem, na sessão em que o secretário de Estado da Fazenda, Paulo Eli, tentou explicar o impacto dos benefícios fiscais impostos nos decretos 1.866/18 e 1.867/18 – assinados pelo então governador Eduardo Pinho Moreira (MDB) no apagar das luzes, em dezembro, que aumentam a cobrança de ICMS de produtos catarinenses –, a ex-prefeita de Bombinhas foi para o choque.

Ela destacou negativamente um trecho da fala do secretário, em que ele admite desconhecer todas as concessões oferecidas nos decretos – embora comandasse a mesma pasta no fim do governo de Pinho Moreira – e que “há isenções de gaveta”. A percepção de Paulinha foi avalizada pelo presidente Júlio Garcia (PSD), que chamou a atenção dos colegas para “a gravidade da declaração” de Eli.

Romantismo

Postado em 7 de julho de 2017

Declaração de encher os olhos, hoje, no Facebook, do vereador Esaú Bayer (PMDB) para a colega de Legislativo e noiva Fernanda Melo (PMDB), que celebra nova idade. “Que esse seja o primeiro de todos os próximos aniversários que quero passar ao seu lado”, escreveu o parlamentar, entre outras frases apaixonadas.

Bayer e Fernanda são estreantes na vereança, representam a ansiada renovação, e têm outra singularidade: formam o primeiro casal, adequada e publicamente estabelecido, a frequentar uma mesma legislatura na história de Tijucas. Recentemente, descobriram-se grávidos, para alegria conjunta do ex-secretário municipal Davi “Galo Velho” Melo Filho e do ex-vereador Edson Bayer.

Sem ninho

Postado em 22 de julho de 2016

“Gosto muito do Adalto, mas vou ficar neutro. Me aposentei. Não quero mais saber de política”, revelou o ex-vereador Antônio Zeferino Amorim, o Tonho Polícia (PSD), ontem, com exclusividade ao blog, em referência à nota “Volta ao ninho“.

Amorim chegou a ser considerado favorito para representar o PSD na corrida pela prefeitura de Tijucas nestas eleições, mas sucumbiu às resistências internas e à disputa com o professor Elói Mariano Rocha, e se revestiu de mágoas contra o grupo. Ontem, porém, na reunião que praticamente chancelou a pré-candidatura do amigo Adalto Gomes (PT) a vice-prefeito na chapa encabeçada pelo PSD, ele ensaiou uma meia-volta; mas, em princípio, não passou de mero cumprimento de protocolo.

Tiro de meta

Postado em 5 de julho de 2016

Em resposta à nota “Escanteio“, publicada ontem no blog, o presidente municipal do PT e pré-candidato à prefeitura de Tijucas, Adalto Gomes, esclarece que:

  1. Todos os presidentes dos partidos integrados à coalizão L.I.M.P.E. deram suas palavras de honra, antes da votação interna do movimento, que apoiariam a candidatura eleita em assembleia, fosse qual fosse o resultado;
  2. Os membros do PEN (presidente e vice-presidente) haviam adiantado que escolheriam Adalto Gomes na eleição interna;
  3. O empresário Elson Junckes (PSDB), que concorria internamente pelo direito à candidatura, reiterou apoio ao eleito Adalto Gomes com a frase “sou homem de palavra”;
  4. O ex-vereador e presidente do PT municipal continua como pré-candidato à prefeitura de Tijucas com o apoio do PEN, do PRB e em busca de outras composições.

Durante a declaração, que chegou ao blog de modo oficial, Gomes se referiu ao movimento como “SUJO” – que é, obviamente, um trocadilho com a sigla da coalizão. A relação, em princípio, azedou de vez.