quinta-feira, 30 de maio de 2024 VALE DO RIO TIJUCAS E COSTA ESMERALDA

Rodízio voluntário

Postado em 4 de julho de 2023
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
Foto: Divulgação

O sistema de rodízio implementado pelo vereador Maickon Campos Sgrott (PP), de Tijucas, permitiu que o suplente Rogério Freitas (PP) assumisse, ontem (3), a cadeira no Poder Legislativo municipal. Esta é a quarta vez que o ex-presidente da Câmara se licencia da função, permitindo a participação de correligionário na legislatura.

A intenção de Sgrott é permitir que os colegas apresentem suas propostas e ideias. Além de Freitas, Júlio Bucoski, Leonel João David e Tânia Roncálio já participaram do sistema, todos por um mês. A expectativa é de que, ao término do mandato, oito suplentes tenham a chance de representar seus eleitores na Câmara.

Com a iniciativa, Sgrott abdica do cargo e, evidentemente, dos vencimentos de vereador. Ao assumir a função, Rogério de Freitas classificou o ato do colega como uma “demonstração de união, parceria e liderança”.

Desobediência

Postado em 29 de maio de 2023
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
Paulinho da Ambulância | Foto: Divulgação

A executiva do MDB em São João Batista marcou reunião para as 9h de hoje, às pressas. O motivo do encontro seria a quebra do acordo de rodízio na Câmara Municipal para suplentes do partido. As discussões teriam como pivô o vereador em exercício Paulo Sérgio Venera, popular Paulinho da Ambulância (MDB), que se nega a renunciar o posto em favor do próximo substituto, Jean Kayser (MDB).

O tratado dava conta do ingresso dos cinco suplentes do MDB no Legislativo batistense, na cadeira do titular Anderson Duarte (MDB), que foi nomeado na diretoria executiva do Sisam (Serviço de Infraestrutura, Saneamento e Abastecimento de Água Municipal) no início de março. Na ocasião, foi convencionado que cada um permaneceria no cargo por 90 dias. O prazo venceu e a primeira troca deveria ser realizada imediatamente.

O prefeito Pedro Alfredo Ramos (MDB), que se mantem afastado para um tratamento de saúde, vem, desde que foi informado do descumprimento do trato, manifestando indignação com a postura do correligionário. Ele ameaça, inclusive, pedir a expulsão de Paulinho das fileiras do partido.

À mesa, na assembleia de logo mais, devem estar, além de Kayser, presidente municipal do MDB, os vereadores Milson da Silva (MDB) e Teodoro Marcelo Adão (MDB), líder do governo na Câmara, mais Duarte, titular da cadeira no Legislativo, que, na pior das hipóteses, poderia reassumir o posto.

Rodízio e recepção

Postado em 16 de novembro de 2021
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Os rodízios de vereadores do PP nas Câmaras do Vale do Rio Tijucas continuam. Resultado das reuniões do Grupo de Articulação que o partido vem propondo mensalmente na região. São João Batista deu o exemplo, e Tijucas seguiu. Os progressistas de Nova Trento também se espelharem na ideia e fizeram o mesmo.

Na encantadora Terra de Santa Paulina, o ex-presidente municipal da legenda Jucelino Marino Chini se afastou por 30 dias para dar vez à suplente Paula Simone Bertotti Tacques, que já assumiu a cadeira. Paulinha, como se identificou na urna, ficou na segunda suplência do PP nas eleições de 2020, com 187 votos.

SEM AMARRAS

Talvez não se imaginasse, porém, que entre as primeiras ações como vereadora, Paula Simone fosse visitar o prefeito Tiago Dalsasso (MDB) no paço municipal. O chefe do Executivo neotrentino, entretanto, apesar da rivalidade partidária, recepcionou a parlamentar em exercício e se permitiu ser fotografado com ela.

Segunda de oito

Postado em 5 de novembro de 2021
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
Foto: Divulgação

O vereador Maickon Campos Sgrott (PP), de Tijucas, cedeu, ontem, a cadeira que ocupa na Câmara Municipal para o suplente Leonel João David (PP), que passa a exercer a vereança por 30 dias. O parlamentar, filho do ex-prefeito Uilson Sgrott, tomou como exemplo o rodízio praticado por progressistas no Legislativo de São João Batista e já prometeu aos correligionários que vai repetir a ação por pelo menos oito vezes durante o mandato; mas estima que vá chegar a dez.

 

A operação, no entanto, não segue a ordem de suplências. David obteve a sétima maior votação entre os candidatos do PP nas eleições de 2020, mas é o segundo que assume a vaga de Sgrott no parlamento tijuquense. Antes, o terceiro suplente Júlio César Bucoski (PP) já havia experimentado a vereança por um mês. A sugestão foi apresentada, também, aos outros dois vereadores do partido na Câmara, Ecio Helio de MeloCláudio de Oliveira.

ERRATA
Blog errou ao informar que Leonel João David é o primeiro a tomar assento no Legislativo tijuquense na vaga de Maickon Campos Sgrott. A nota foi corrigida, e, conforme já consta no texto, o terceiro suplente Júlio César Bucoski foi quem estreou o rodízio.

Sem vacina

Postado em 29 de outubro de 2021
  •  
  •  
  • 23
  •  
  •  

A vereadora em exercício Luciane Reitz Coelho (PP), de São João Batista, não foi autorizada a entrar na Câmara dos Deputados, em Brasília, nesta semana. Ela integrou a comitiva de parlamentares do Progressistas do Vale do Rio Tijucas que foi à capital em busca de recursos para a região, e ficou impedida de acessar o prédio do Legislativo federal porque não havia sido vacinada contra a Covid-19.

Luciane, aliás, que cumpre 30 dias na vereança — na vaga do titular Elisandro dos Santos (PP) — em sistema de rodízio do partido na Câmara Municipal, poderia nem ter viajado. O lugar, por direito, seria do vereador Nelson Zunino Neto (PP), que cedeu a vez para a correligionária.

Estudo híbrido

Postado em 13 de janeiro de 2021
  •  
  •  
  • 41
  •  
  •  

Um modelo híbrido para o início do ano letivo, com parte das atividades de forma presencial, seguindo as recomendações sanitárias para diminuir as probabilidades de contágio por Covid-19, foi avaliado por secretários de Educação de Tijucas, Canelinha, São João Batista e Nova Trento ontem. No plano, ainda em discussão, as atividades presenciais seguirão um sistema de rodízio enquanto a região permanecer com risco potencial grave. Ou seja, para obedecer a capacidade de atendimento permitida, os estudantes terão uma semana com aulas presenciais seguida de outra com tarefas escolares para casa.

As aulas à distância, tanto online quanto em retiradas de materiais impressos na escola, assim como já vinha ocorrendo na região, também estão sob avaliação e podem ser mantidas.

Pacto pedetista

Postado em 5 de novembro de 2019
  •  
  •  
  • 2
  •  
  •  
Foto: Divulgação

Conforme prenunciado no Blog, o suplente de vereador Vagner Felizardo (segundo, à direita) tomou assento na Câmara Municipal de Tijucas, ontem — na cadeira do PDT e do titular Fabiano Morfelle (quarto) —, para satisfação do presidente municipal da legenda, João Luiz Lopes, do vogal e conselheiro do partido Antonio Luiz Dias e do pré-candidato brizolista à prefeitura Thiago Peixoto dos Anjos.

Felizardo é o terceiro suplente do PDT a experimentar a vereança nesta legislatura; e fica no cargo por 30 dias. A próxima, segundo o pacto pedetista, é a auxiliar de enfermagem Michele de Camargo.

Rodízio

Postado em 4 de novembro de 2019
  •  
  •  
  • 15
  •  
  •  

Terceiro suplente do PDT, o representante comercial Vagner Felizardo — que somou 230 votos nas eleições de 2016 — assume hoje, logo mais, a cadeira do correligionário Fabiano Morfelle no parlamento tijuquense. O rodízio do partido na Câmara, que já prestigiou a professora Consuelo Azevedo e o presidente municipal da legenda, João Luiz Lopes, é uma das diretrizes dos brizolistas na Capital do Vale e vem sendo cumprido à risca.

A assistente de enfermagem Michele de Camargo (PDT), que alcançou a marca de 195 votos na eleição passada, é a próxima da lista, e quem deve, muito em breve, experimentar a vereança.

Dentro e fora

Postado em 14 de maio de 2019
  •  
  •  
  • 5
  •  
  •  

Bastou coordenar, satisfatoriamente e com pronto atendimento do governo estadual, a audiência pública sobre a famigerada “cratera de Tigipió”, semana passada, para o deputado estadual Altair Silva (PP) – que representa Major Gercino e São João Batista na Assembleia Legislativa – pedir afastamento do cargo.

Nos próximos 60 dias, Silva não vai frequentar o parlamento catarinense. Não tem problemas de saúde e nem qualquer outro impedimento. Apenas, entrou no questionável “rodízio” que os partidos costumam promover nos Legislativos.

Para justificar, o parlamentar disse, em nota, que está retribuindo um gesto que recebeu no passado – quando suplente, entre 2015 e 2018, assumiu uma das cadeiras do PP na Alesc por seis vezes, durante as licenças dos titulares. “Acredito que é assim que o partido cresce e que o espírito de grupo se fortalece, até porque ninguém chegou aqui sozinho”, pontuou.