domingo, 3 de março de 2024 VALE DO RIO TIJUCAS E COSTA ESMERALDA

Elegância

Postado em 15 de fevereiro de 2024
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
Foto: Bruno Collaço | Agência AL

A rivalidade histórica entre os grupos dos deputados estaduais Altair Silva (PP) e Daniel Netto Cândido (PODE), em São João Batista, ficou de lado, durante a cerimônia de posse do ex-mandatário batistense, nesta semana, na Assembleia Legislativa.

Silva foi um dos parlamentares que usou a tribuna para desejar boas-vindas ao novo colega. “Parabenizar pelo seu discurso. Agora, o Vale do Rio Tijucas tem dois deputados estaduais, já que eu tive o privilégio de nascer em Major Gercino e de ser criado em São João Batista”, disse o progressista.

“A política é uma missão, um trabalho, um desafio. Que bom que tem pessoas que tem paixão pela política. Que sua estadia aqui seja muito produtiva e estamos aqui para te ajudar. É uma alegria tê-lo aqui no parlamento”, completou o majorense.

Ao Blog, Cândido revelou que sempre nutriu uma boa relação com o parlamentar. “O Altair sempre foi um queridão. É um político exemplar. Tem uma capacidade de aglutinar e unir imensa. Nunca fomos adversários, sempre debatemos e buscamos aparar as arestas. Ele foi muito respeitoso comigo em São João Batista. Em nenhum momento me expôs ou constrangeu. Ele é um político com P maiúsculo”, afirmou.

 

Passagem promíscua

Postado em 9 de fevereiro de 2024
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Que os 30 dias do ex-prefeito de São João Batista, Daniel Netto Cândido (PODE), na Assembleia Legislativa, sejam totalmente contrários ao que desejou o deputado estadual Ivan Naatz (PL), durante as boas-vindas ao batistense no parlamento, nesta semana.

Naatz se dirigiu à tribuna do plenário para, em poucas palavras, desejar sucesso ao mais novo colega. Entretanto, erroneamente, sugeriu que o parlamentar tivesse uma “passagem promíscua” pela casa. A palavra promiscuidade, em qualquer dicionário, apresenta a seguinte explicação:

“O que não tem ordem, o que é libertino ou indistinto. Promiscuidade é o que se destaca pela imoralidade, pela prática de maus costumes, sejam eles na vida particular ou na vida pública”.

Evidentemente, o deputado estadual percebeu a falha e, prontamente, abriu um sorriso amarelo e seguiu desejando sucesso ao recém-empossado colega de parlamento.

View this post on Instagram

A post shared by Blog do Léo Nunes (@blogdoleonunes)

Projeto definido

Postado em 24 de novembro de 2023
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
Foto: Luiz Junior | Linha de Frente

Mesmo que conquiste, judicialmente, a permissão para assumir uma vaga na Assembleia Legislativa de Santa Catarina, o ex-prefeito de Governador Celso Ramos, Juliano Duarte Campos (PSD), deve seguir no projeto de retorno à prefeitura gancheira.

Duarte Campos vem questionando os números do quociente eleitoral, com intuito de revisar o resultado das eleições gerais de 2022. Entretanto, em entrevista ao LINHA DE FRENTE, o ex-mandatário foi claro: “Eu tenho um projeto político que se sobressai a outras possibilidades. Se o partido quiser e o povo assim entender, eu deixarei de ser deputado para voltar a ser prefeito da cidade”, garantiu.

O processo, aliás, segue em tramitação no Tribunal Superior Eleitoral. “Se tivéssemos o resultado da ação, mudariam três deputados estaduais e dois deputados federais em Santa Catarina”, explica. “A esperança é a última que morre”, completa.

TROCA DE PARTIDO

Recentemente, Juliano Campos trocou o PSB pelo PSD, retornando ao partido em que foi reeleito prefeito, em 2016. A volta, ainda, levou em consideração a relação de “amizade e lealdade” com o deputado estadual Júlio Garcia, o presidente estadual da legenda, Eron Giordani, e o prefeito de Chapecó e importante liderança do partido, João Rodrigues.

Outro patamar

Postado em 3 de outubro de 2023
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
Foto: Arquivo Pessoal

O ex-prefeito de São João Batista e suplente de deputado estadual Daniel Netto Cândido (PODE) conta os dias para o fim do prazo de desincompatibilizações. Não porque pretenda deixar a assessoria da bancada do PODEMOS na Assembleia Legislativa para concorrer a qualquer cargo nas eleições municipais, mas porque um dos titulares do partido no parlamento catarinense, o deputado estadual Lucas Neves (PODE), deve deixar o posto para disputar a prefeitura de Lages em 2024.

Com o afastamento, previsto para o início de abril próximo, o batistense herdaria automaticamente a vaga na Alesc por pelo menos seis meses.

PLANOS
Daniel Cândido, ao contrário do que se especula, sequer considera se candidatar novamente à prefeitura de São João Batista – onde esteve por oito anos, entre 2013 e 2020. Ele quer estadualizar cada vez mais o nome para que em 2026, nas próximas eleições gerais, tenha maior sucesso no pleito estadual.

ALTERNATIVA
A gente próxima, o ex-prefeito revela, ainda, que poderia concorrer a uma cadeira na Câmara Federal em 2026.
Cândido projeta uma disputa ainda mais acirrada na esfera local, com lideranças destacadas na região – a exemplo, especialmente, do prefeito de Canelinha, Diogo Francisco Alves Maciel (PL) -, e, para não dividir o eleitorado, entende que, caso seja bem-sucedido na passagem pela Alesc, adquira condições para pleitear uma vaga no Congresso Nacional.

Resultado positivo

Postado em 30 de setembro de 2023
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
Foto: Arquivo Pessoal

A recente aprovação do projeto do Marco Temporal, no Senado Federal, foi bastante celebrado pelo deputado estadual Altair Silva (Progressistas). O parlamentar, natural de Major Gercino, acompanhou atentamente à votação e comemorou o resultado favorável às demarcações de terras indígenas.

Silva, que ocupa a presidência da Comissão de Agricultura na Assembleia Legislativa e é defensor convicto do agronegócio, acredita que o projeto, caso se torne Lei, dará segurança jurídica e de direito de prioridade aos produtores rurais de todo o Brasil.

O deputado ainda frisou a importância de reconhecer as comunidades indígenas, que necessitam e reivindicam por políticas públicas, sobretudo na área da saúde. “Foi uma luta, um trabalho árduo, mas que venceu o direito à propriedade, à trabalhar e ao reconhecimento de comunidades indígenas”, celebrou.

Motta em Tijucas

Postado em 12 de setembro de 2023
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
Foto: Arquivo Pessoal

O deputado estadual Mário Motta (PSD) visitou, ontem (11), a Escola de Educação Básica Deputado Valério Gomes, no bairro Praça, em Tijucas. A visita foi acompanhada pelo vereador Cláudio Eduardo de Souza (PDT) que, a propósito, leciona na unidade.

Estreante na Assembleia Legislativa, o ex-apresentador do Jornal do Almoço, da NSC TV, ocupa a vice-presidência da Comissão de Educação no parlamento catarinense. Além disso, vem desenvolvendo o projeto Educação Nota 10.

Ciente da condição, o parlamentar tijuquense aproveitou para pedir um auxílio ao deputado para a sonhada reforma da escola. Nos últimos anos, várias reivindicações foram feitas pela comunidade estudantil que convive com uma estrutura antiga e limitada, em um dos mais populosos bairros do município.

Satisfação à classe

Postado em 8 de maio de 2023
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
Foto: Divulgação/SAR

Ex-secretário de Estado da Agricultura, o deputado estadual Altair Silva (PP), natural de Major Gercino e radicado no Oeste catarinense, onde administra empresas do setor agrícola, segue como forte representante, na Assembleia Legislativa, da classe a que pertence. Ele é o proponente da criação, e, portanto, o coordenador da Frente Parlamentar da Suinocultura na Alesc, que será lançada oficialmente nesta quarta-feira (10) no Palácio Barriga Verde.

De acordo com o gabinete do parlamentar, o objetivo da frente é a busca de soluções para os problemas que os suinocultores catarinense e que toda a cadeia produtiva enfrentam no dia a dia. A cerimônia tem início às 17h, com transmissão em tempo real no canal “Assembleiasc” do YouTube.

 

LIDERANÇA

Santa Catarina é o maior produtor e exportador de carne suína do Brasil, com acesso aos mercados mais competitivos do mundo. O estado conta com oito mil suinocultores, sendo que 15% trabalham de forma independente, ou seja, não participam do sistema de integração com as agroindústrias.

Compromissos

Postado em 24 de abril de 2023
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
Foto: Arquivo pessoal

Candidato a deputado estadual nas eleições de 2022, o ex-prefeito Daniel Netto Cândido (PODE), de São João Batista, está mais próximo do Legislativo catarinense. E por duas razões, a propósito.

Desde a semana retrasada, conforme a portaria 1393, Cândido vem exercendo o cargo de provimento em comissão de secretário parlamentar na Alesc, com atividade externa.

A nomeação no quadro pessoal do parlamento foi o primeiro dos compromissos do Podemos com o ex-mandatário batistense. O outro seria a experiência como deputado estadual por alguns meses na cadeira de um dos titulares do partido, a ser providenciada em breve.

Prazo prorrogado

Postado em 17 de abril de 2023
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
Foto: Divulgação

Hoje, apenas 21,8% dos produtores rurais catarinenses têm habilitação para emitir notas fiscais eletrônicas ao comprador. E o Confaz (Conselho Nacional de Políticas Fazendárias), em contrariedade ao que já havia anunciado, determinou que a obrigatoriedade da NFP-e passa a valer somente em 2024, a partir de 1º de maio. Antes, a adequação seria realizada em 1º de julho deste ano.

O deputado estadual Altair Silva (PP), de Major Gercino, ex-secretário de Estado da Agricultura e atual presidente da Comissão de Agricultura na Alesc, comemorou a prorrogação do prazo.

“É uma excelente notícia! Os agricultores terão mais tempo para se adaptar”, pontuou o parlamentar, que na semana passada havia convidado a equipe da Secretaria de Estado da Fazenda para falar sobre o assunto na Comissão de Agricultura.

Contraste

Postado em 13 de janeiro de 2023
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
Foto: Divulgação

No contraponto à nota “Treeleição”, de hoje no Blog, o ex-prefeito de Porto Belo e suplente de deputado estadual Emerson Stein (MDB) garante que se existe uma consulta sobre sua condição de elegibilidade para o pleito de 2024 na Justiça Eleitoral, não partiu dele. “Não é o momento. Estou focado apenas na possibilidade de assumir uma cadeira na Assembleia Legislativa e contribuir com Porto Belo, nossa região e Santa Catarina”, pontua.

A propósito da relação com o sucessor Joel Orlando Lucinda (MDB), ele reitera, ainda, que qualquer ação administrativa ou política tomada no paço se deve única e exclusivamente ao atual governo. “Só espero respeito com a nossa história e com as pessoas que contribuíram com nosso trabalho”, diz, antes de reconhecer que o prefeito tem o direito absoluto de pretender a reeleição.