domingo, 12 de julho de 2020 VALE DO RIO TIJUCAS E COSTA ESMERALDA

Vida saudável

Postado em 10 de maio de 2016
Foto: Léo Nunes

Felizes com a expansão da Container Suplementos e Produtos Naturais – agora no encontro das avenidas Bayer Filho e Hercílio Luz, no pátio do Posto do Chiquinho, na região central de Tijucas –, Aline Pacheco e Daniel Luz posam para a foto, com o novo cenário ao fundo, prontos para servir.

Até quando?

Postado em 10 de maio de 2016

A respeitada Revista Exame publicou, em 2014, um ranking dos municípios mais violentos do país. Embora pequena, Tijucas era a quarta colocada em Santa Catarina. Foram consideradas, para o estudo, as taxas de assassinatos nas cidades com mais de 10 mil habitantes em todo o território brasileiro.

Antes e depois dessa publicação, entidades de classe e lideranças políticas locais realizaram seguidas romarias à porta da Secretaria Estadual de Segurança Pública, e tiveram audiências pessoais com o secretário César Grubba. De lá para cá, nada mudou. O mesmo – e irrisório – contingente policial segue à disposição dos tijuquenses; os homicídios continuam quebrando lamentáveis recordes de tempos em tempos na cidade; e quase nenhum desses crimes tem resolução.

Tristes de nós, que estamos à mercê dessa revoltante estatística. Pior para famílias como a do jovem Bruno Pereira, vitimado pela covardia de um marginal ontem, sem direito à defesa e com mil sonhos por realizar. Até quando, autoridades? Até quando?

Salvação

Postado em 10 de maio de 2016

Secretária de Educação do município desde 2011, a professora Lorena de Oliveira Silva conta, de certo, com grande prestígio junto ao prefeito Valério Tomazi (PMDB). São dela os créditos pela manutenção, por enquanto, da irmã do comerciante Murilo Furtado – membro votante do diretório do PMDB de Tijucas e provável eleitor de Elmis Mannrich na pré-convenção do partido –, professora Marília Furtado Medeiros, na lista de comissionados municipais.

Na sequência das prenunciadas demissões de cargos de confiança, Marília era nome certo no rol de dispensas. O comando da pasta de Educação interveio, e o prefeito, ao que parece, acatou as argumentações.

À disposição

Postado em 9 de maio de 2016

Tudo indica que a coalizão L.I.M.P.E. – que reúne PSDB, PT e parte do PP, além de outras agremiações menores em Tijucas – deva lançar, na chapa majoritária, nomes que não apresentem histórico de frequência em cargos políticos.

Desponta como cavalo azarão, sobretudo se consideradas as bolsas de apostas tradicionais na Capital do Vale, o auditor do Tribunal de Contas do Estado, Marcelo Henrique Pereira, que concorreu à vereança em 2012 valendo-se da alcunha “Professor Marcelo”. Deve ser o dele um dos nomes do PSDB numa pré-seleção do grupo. Para os congêneres, sua desenvoltura em áreas técnicas poderia simbolizar austeridade e ética no paço municipal.

SC Trade Show

Postado em 9 de maio de 2016

Fabricantes de calçados de São João Batista lançam, entre hoje e quarta-feira (11), as tendências e coleções do período Primavera/Verão 2016/2017 no Infinity Blue Resort, em Balneário Camboriú. A 22ª edição da Rodada de Negócios da Moda em Santa Catarina reunirá os principais fabricantes de calçados e acessórios do estado. Cerca de 60 marcas, a maior parte da Capital Catarinense do Calçado, vão expor para aproximadamente 400 lojistas convidados pela organização do evento.

Feira nacional de negócios, a SC Trade Show faz parte de um conjunto de ações desenvolvidas pelo SincaSJB (Sindicato das Indústrias de Calçados de São João Batista) com parceria do Sebrae.

Grandes amigos

Postado em 9 de maio de 2016
Foto: Divulgação

O advogado Marcio Rosa surge como alternativa no PSD de Tijucas para a disputa majoritária deste ano. E, pela clara demonstração de carinho, parece que o cacique do partido, engenheiro Sérgio “Coisa Querida” Cardoso, não se opõe à ideia. A relação entre ambos, atualmente, é assim: apenas beijos, sem tapas.

Barbas de molho

Postado em 6 de maio de 2016

Fontes fidedignas, todas amplamente relacionadas na administração municipal de Tijucas, garantem que a próxima barca parte nos próximos momentos. Nela, segundo as bolsas de apostas, estarão as professoras Marília Furtado Medeiros – irmã do comerciante Murilo Furtado – e Síntia Lopes Silva – mulher do diretor do Sindicato dos Bancários de Brusque, Adriano Silva, o Guinho –, além dos jovens Daniel Piva Júnior – filho do ex-vereador Daniel Piva – Sérgio de Souza Ramos – filho do aposentado Aldo Manoel Ramos, popular Aldinho do Sul do Rio – e de Vilson Pedro Felipe, o Biriba, lotado na Secretaria de Obras, Transportes e Serviços Públicos, atualmente em férias.

No caso das professoras, ambas com cargos técnicos na Secretaria de Educação, somente as comissões seriam subtraídas. E elas, já que são efetivas, postas em sala de aula e, em outra conjectura, direcionadas a escolas do interior do município.

Ferro frio

Postado em 6 de maio de 2016

Deputado federal, nome forte do PMDB em Santa Catarina e amigo em comum de Elmis Mannrich e Valério Tomazi, o neotrentino Rogério “Peninha” Mendonça esteve na prefeitura de Tijucas hoje pela manhã, em audiência com o chefe do Executivo municipal. Veio às pressas, atendendo ao chamado da cúpula local do partido, com a intenção de conter o ímpeto do prefeito.

A conversa não durou muito. Tomazi disse apenas que está decidido a cumprir os avisos que distribuiu antes da pré-convenção; e que nem o presidente nacional do PMDB pode fazê-lo mudar de ideia. “Sou prefeito até 31 de dezembro, e depois não sou mais nada. Até lá, a coisa é do meu jeito”, finalizou o mandatário, enquanto conduzia o deputado até a saída do gabinete.

Sete, por hoje

Postado em 5 de maio de 2016

A profecia começou a ser cumprida no fim da tarde. Passava das 16h quando a secretária de Finanças do município, Rosângela de Fátima Leal da Veiga, recebeu a secretária de Administração, Michele Peixer Pereira dos Santos, que, aos prantos, comunicou a primeira demissão do dia. “Vou matar este vagabundo”, bradava pelos corredores da prefeitura, inconformada, depois do anúncio, a gestora exonerada. O blog, a propósito, antecipou essa dispensa na nota “Tesoura afiada“, de segunda-feira (2).

Quase ao mesmo tempo, Edson Dias, ex-cunhado do presidente municipal do PMDB, Elmis Mannrich, também recebeu a carta de exoneração. A partir daí, coube ao chefe do Departamento Pessoal da prefeitura, Sebastião Silva, o Tião, a tarefa de comunicar as demissões aos servidores comissionados que preferiram acompanhar o ex-prefeito nas contendas internas do partido. Responsável pela frota municipal, Carlos Alberto da Silva, o Calinho da Nita, caiu em seguida; e depois veio a demissão de Ironildo da Silva, o Biga.

Da Secretaria de Obras, Transportes e Serviços Públicos, saiu Helio Dias. Lotada na Secretaria de Educação, Karolina Kruscinski Marcolla não recebeu a carta de demissão porque está cumprindo folga, mas o ofício está assinado pelo prefeito Valério Tomazi. Por fim, Jardel da Silva também perdeu o emprego na sequência.

De acordo com fontes ligadas à administração municipal, os cortes na relação de comissionados não cessam por aqui. Há indícios de que, neste primeiro momento, os demitidos sejam 18. Na primeira levada, foram sete. E a angústia só aumenta.

Da água para o vinho

Postado em 5 de maio de 2016

Nas mãos de Juarez Soares, Edenilson Devitte e Wilson Desidério, o PR de Tijucas frequentava as bases da oposição, como partícipe constante do movimento L.I.M.P.E., liderado por PSDB, PT e parte do PP. Tomado de rompante pelo vereador Paulo Sartori, o partido pode, agora, ser mais um a serviço do ex-prefeito Elmis Mannrich (PMDB) nas eleições deste ano.

Sartori e Mannrich estiveram juntos ontem, no Bar do Buchecha, em Nova Descoberta, tratando do assunto. Passarinho transparente garante que o acordo está muito bem encaminhado.