sábado, 10 de dezembro de 2022 VALE DO RIO TIJUCAS E COSTA ESMERALDA

Portas abertas

Postado em 23 de novembro de 2022
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Quem imaginou que a dispensa da secretária de Administração do município de Porto Belo, Eliane Tomaz, quinta-feira (17), pelo prefeito Joel Orlando Lucinda (MDB), abreviaria a passagem da tijuquense pelo serviço público, enganou-se. A professora, também ex-secretária de Obras na gestão de Valério Tomazi (MDB) em Tijucas, vem sendo assediada por prefeitos da região desde que voltou ao mercado.

Uma das interessadas nos préstimos de Eliane seria a prefeita de Itapema, Nilza Simas (PSD). Mas as conversas, segundo fontes fidedignas do Blog, estariam mais adiantadas com o governo de Nova Trento, do jovem prefeito Tiago Dalsasso (MDB), que sempre elogiou a metodologia de trabalho da ex-secretária ainda na administração portobelense.

Assediado

Postado em 25 de junho de 2021
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Anteontem, antes de jantar com o governador Carlos Moisés da Silva (PSL) na Casa d’Agronômica, o vice-prefeito de Canelinha, Antonio Carlos Machado Junior (PSL), precisou passar na Casa Civil do Estado. Recebeu o chamado durante a tarde, no mesmo dia, mas não foi informado do assunto. Especula-se que o teor da reunião, no domínio da cúpula do PSL estadual, tenha a ver com o partido e as eleições de 2022.

Machado Junior vem sendo incentivado por líderes peesselistas de Santa Catarina a se candidatar no próximo pleito. Consultado, ele diz que “por enquanto, não está nos planos”; mas revela que o assédio tem sido recorrente. Segundo o adjunto canelinhense, o comando do partido faz questão de lembrar, sempre, nesses contatos, de que “vice-prefeito não precisa se licenciar do cargo para ser candidato a deputado”.

Absolvição

Postado em 10 de maio de 2019
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Transitou em julgado ontem, enfim, o processo contra o empresário Luiz Augusto Zucolotto Ferraz, o popular Gutto Ferraz, de Itapema, acusado de assédio por um modelo que agenciava. A ação tramitou por cinco anos e terminou com ganho de causa para o scouter e absolvição integral das acusações.

Desligado da GF ModelsDavid Salomão passou a divulgar nas redes sociais partes de conversas com Ferraz que sugeriam tentativas de manter relação consigo e com outros modelos da agência. Coube ao escritório Pellizzari Advogados a desconstrução dos argumentos e a comprovação da inocência do empresário.

Na época das denúncias, o caso ganhou proporção de escândalo na mídia regional. O agente e os advogados estudam, agora, uma representação contra Salomão por danos morais.