segunda-feira, 21 de outubro de 2019 VALE DO RIO TIJUCAS E COSTA ESMERALDA

Reafirmação

Postado em 10 de setembro de 2019
Foto: Léo Nunes

O vereador Vilson Natálio Silvino fez suspense, mas, no fim, reassumiu, sem surpresas, a presidência do PP tijuquense por mais um mandato. A cerimônia de homologação da única chapa, por aclamação, ontem, na sede social do Jardim das Amendoeiras, contou com progressistas de Tijucas, Canelinha, São João Batista, Major Gercino e Nova Trento, e, destacadamente, com o prestigiado senador Esperidião Amin, acompanhado da mulher, a deputada federal Ângela Amin, e do filho, deputado estadual João Amin — seguramente, os maiores expoentes do partido no estado.

Nem somente, porém, os pepistas formaram o quórum do evento. Além do prefeito Elói Mariano Rocha (PSD) e do vice-prefeito Adalto Gomes (PL), que estiveram na mesa de honra, representantes de outras legendas — como o ex-prefeito Uilson Sgrott (DEM), os vereadores Rudnei de Amorim (DEM), Fabiano Morfelle (PDT) e Odirlei Resini (MDB), mais o empresário Thiago Peixoto dos Anjos, que deve concorrer à prefeitura em 2020 no PDT — ainda participaram do ato.

Figuras preminentes do partido, como o ex-prefeito Nilton de Brito, o empresário Helio Gama e o médico Rogério de Souza, evidentemente, também assinaram o protocolo na prestigiada convenção do PP tijuquense.

Rejeição aconselhada

Postado em 10 de julho de 2019

Mais um capítulo da saga do ex-prefeito Valério Tomazi (MDB) contra a malha do Tribunal de Contas vem à tona. A mudança de postura de parte dos vereadores governistas — que antes absolveriam o ex-mandatário tijuquense, e agora devem votar pela rejeição das contas de 2016 — tem a ver com a presença, ora informal, do empresário e ex-prefeito Uilson Sgrott (DEM) na sede do Legislativo municipal, quinta-feira (4).

Sgrott não esteve na Câmara apenas, como se supôs, para divulgar a programação da Festa de São Cristóvão. Antes da sessão, ele se reuniu com os parlamentares pró-governo como porta-voz do Conselho, o escrete cola-branca que participou da organização da campanha de 2016 e que continua orientando politicamente a administração municipal. Foi pedir aos confrades que votem conforme a recomendação do TCE, pela rejeição.

Na sexta-feira (5) pela manhã, o empresário encabeçou nova reunião com os vereadores situacionistas. Desta vez, no gabinete do prefeito Elói Mariano Rocha (PSD) — que juntou a orientação dos conselheiros com a notícia do envolvimento do ex-prefeito Elmis Mannrich (MDB) na articulação pró-Tomazi e decidiu liberar a bancada para votar como quisesse.

BIFURCAÇÃO

Quem, neste momento, está em sinuca de bico é o presidente do Legislativo tijuquense, vereador Vilson Natálio Silvino (PP). Se mantiver a decisão, acompanhar a orientação do Conselho e votar pela rejeição, vai, certamente, desagradar a colega e tutora Elizabete Mianes da Silva (PSD) — que articula a absolvição de Tomazi entre os governistas, assim como articulou a eleição da presidência da Câmara em favor do progressista.

Mas, se decidir salvar o ex-prefeito e contentar Bete, abespinha a congregação e, sobretudo, o amigo e mentor Helio Gama, que integra o grupo de conselheiros da administração municipal. Ou seja: se ficar o bicho pega, e se correr o bicho come.

O querer e o poder

Postado em 13 de março de 2019

Na reunião com o Conselho – escrete cola-branca que participou da organização da campanha de 2016, e que continua orientando politicamente a administração municipal –, em que anunciou a intenção de concorrer novamente à prefeitura de Tijucas em 2020, o prefeito Elói Mariano Rocha (PSD) deixou o caminho aberto para os demais interessados. “Me coloco à disposição, mas, se houver, aqui, mais alguém com o mesmo desejo, abro mão da candidatura e presto total apoio na campanha”, pontuou o chefe do Executivo tijuquense.

No grupo, formado por sugeridos postulantes ao cargo máximo do município em todas as eleições – tais como os empresários Geremias Teles Silva (DEM) e Helio Gama (PP), e o médico Rogério de Souza (PP) –, não houve manifestação. Ou quase. A exceção foi o ex-prefeito Uilson Sgrott (DEM), que ergueu a mão e se declarou: “Também quero ser o candidato em 2020”. Passarinho incolor diz que o silêncio, naquele momento, foi ensurdecedor. Pois, então?!

Além da transparência

Postado em 18 de fevereiro de 2019

Em atenção à nota “Transparência“, de semana passada no Blog, o ex-secretário municipal Helio Gama esclarece que não precisou pedir ao presidente da Câmara Municipal, vereador Vilson Natálio Silvino (PP), que mantivesse o painel de gastos do Legislativo exposto na fachada da Casa. “Já era a intenção dele. Me convidou para auxiliar no aprimoramento dessa transparência, e é nisso que iremos trabalhar”, diz.

Gama aproveita o ensejo para congratular o ex-presidente Juarez Soares (PPS) “por ter iniciado esse processo inédito”, bem como o atual comandante da mesa diretora da Câmara “pelo espírito público que está demonstrando, pois, ao contrário do que se vê por aí, além de dar continuidade a um bom projeto do antecessor, irá trabalhar para melhorá-lo”.

Transparência

Postado em 12 de fevereiro de 2019

Guru do vereador Juarez Soares (PPS) na gestão da Câmara Municipal em 2018, o ex-secretário de Administração e Finanças do município e empresário Helio Gama vem sendo consultado, também, pelo atual presidente, Vilson Natálio Silvino (PP). O modelo de transparência com os gastos do Legislativo tijuquense, neste 2019, deve ser o mesmo do ano anterior. As orientações, a propósito, são para que o painel de despesas continue sendo exposto na fachada da Casa do Povo.

Gama tem verdadeira obsessão pela perspicuidade no empenho dos recursos públicos e, inclusive, vem estimulando Silvino a cobrar do departamento de informática atualizações constantes no Portal da Transparência do Legislativo. Para ele, a boa gestão começa, prioritariamente, pela abertura das contas à população.

Amigo e advogado

Postado em 3 de setembro de 2018

O presidente da Câmara Municipal de Tijucas, vereador Juarez Soares (PPS), conquistou, recentemente, além de mais um amigo, também um atento defensor. Qualquer menção, positiva ou não, ao parlamentar tijuquense, nas redes sociais ou na mídia especializada, cai no filtro do ex-vereador Carlos Leal da Silva – popular Carlinhos Rebelo, filho do saudoso ex-prefeito João Rebelo da Silva –, que faz questão de rebater, debater e advogar em favor do comandante da mesa diretora do Legislativo municipal.

Nas publicações do Blog, Silva repete sistematicamente que Soares é um “bom menino, com princípios e condutas éticas, tanto no campo político quanto no pessoal”. O ex-vereador, atualmente no ramo da extração mineral, diz, ainda, que o presidente da Câmara tem “postura semelhante às de Helio Gama (ex-secretário de Administração e Finanças da atual administração municipal) e Sérgio Cardoso (diretor do Sebrae/SC, ativo, desde sempre, no processo político de Tijucas e região)”. Pois, então?!

A PROPÓSITO

No tocante à nota “Exceção da regra“, de quarta-feira (29) no Blog, Juarez Soares garante que não vai “trabalhar para, e tampouco votar em Rodrigo Minotto (PDT) para deputado estadual” – embora fotos do presidente da Câmara com o criciumense, em almoço oferecido em Tijucas para possíveis apoiadores, sigam, ainda, muito vivas nos recentes arquivos sociais.

Soares, diz um passarinho incolor, deve, portanto, apoiar um candidato ao parlamento catarinense sugerido por Carlinhos Rebelo nestas eleições. Faz sentido.

Roda de esperança

Postado em 11 de dezembro de 2017
Foto: Léo Nunes

Motores do desenvolvimento de Tijucas, o empresário Álvaro Ornelas, diretor geral do Tijucas Marine Center, mais o diretor de Administração e Finanças do Sebrae/SC, engenheiro Sérgio Fernandes Cardoso, e o ex-secretário municipal e empresário Helio Gama conversaram, sábado (9), durante o Festival Rio & Mar, sobre a proposta de transformar a Capital do Vale num polo náutico internacional.

Todos concordam que, se mantido o planejamento – de empreender um conglomerado de empresas de insumos náuticos, estaleiros, além de opções de lazer e turismo, educação e especialização profissional na cidade –, Tijucas entraria num patamar econômico e sustentável sequer imaginado. O projeto, baseado em estudos técnicos, garante que em cinco ou seis anos o município começa a colher os primeiros resultados.

Família reunida

Postado em 19 de outubro de 2017
Foto: Divulgação

O empresário Helio Gama, ex-secretário municipal de Administração e Finanças, mais o jovem Marcos Silvino, o deputado federal Esperidião Amin (PP-SC), o presidente do PP em Tijucas e vereador Vilson Natálio Silvino e a ex-prefeita de Florianópolis, Ângela Amin, segunda-feira (16), no encontro regional do partido, na Churrascaria Guarnieri Cunha, em Tijucas.

O evento deu, sobretudo, palanque ao deputado estadual João Amin (PP), que deve concorrer à reeleição com amplo apoio da cúpula progressista da Capital do Vale.

Progressistas

Postado em 7 de julho de 2017

Tudo certo para que, em agosto, o PP de Tijucas esteja sob nova direção. Presidente atual, o advogado André Dadam finda o mandato e abre espaço para o sucessor. As cotações estão altas, quase nos 100%, às voltas do vereador Vilson Natálio Silvino único progressista do município em cargo eletivo, e com claras pretensões futuras na política. O dono da Pisobello tem, sobretudo, apoio de líderes como o médico Rogério de Souza e o empresário Helio Gama para assumir o comando do partido.

Outra ala, porém, entende que o suplente de vereador Ecio Helio de Melo, o Ecinho, também esteja pronto para a presidência; mas as chances de um embate interno são pequenas, quase nulas, e deve haver consenso.

Recuperação

Postado em 19 de abril de 2017
Foto: Divulgação

Ex-secretário de Administração e Finanças do município de Tijucas, Helio Gama já convalesce da cirurgia no quadril, ocorrida anteontem. No boletim enviado aos amigos, ele diz que não sente incômodos e não precisa se manter sob medicação. As dores constantes motivaram o pedido de exoneração do cargo que ocupava desde 1º de janeiro na gestão do prefeito Elói Mariano Rocha (PSD).

Estima-se que o período de recuperação seja de três meses, mas não se tem confirmação, no entanto, se o retorno ao serviço público municipal esteja nos planos do empresário. “Prefiro manter o foco, única e exclusivamente, na resolução desse problema que estava me tirando, inclusive, o prazer de trabalhar”, conclui Gama.