sexta-feira, 13 de dezembro de 2019 VALE DO RIO TIJUCAS E COSTA ESMERALDA

Recuo

Postado em 26 de novembro de 2019

O desconforto criado na administração municipal com a declaração do chefe do departamento de Estrada de Rodagem, Renato Sartori, de que haveria “laranjas” no setor, teve desdobramentos hoje.

Sartori publicou um pedido de desculpas ao prefeito Eloi Mariano Rocha (PSD) e ao secretário de Obras, Transportes e Serviços Públicos do município de Tijucas, vice-prefeito Adalto Gomes (PL). Na postagem, o servidor em cargo comissionado admitiu o erro. “Me expressei mal. Tinha gente se metendo no meu trabalho e só queria cuidar do meu espaço”, escreveu.

Camarão e Facebook

Postado em 17 de setembro de 2019

Bastou a vereadora Rosaura de Oliveira Rodrigues (PT) escrever, nas redes sociais, que “Foi-se o tempo em que o Festival do Camarão era gratuito” para que respostas imediatas, no mesmo canal, tanto do prefeito Emerson Stein (MDB) quanto do vice-prefeito Elias Cabral (PL) surgissem na timeline.

O adjunto publicou que o comentário da parlamentar oposicionista foi “para rir” e ratificou que “não será cobrado nem um centavo para entrar”; enquanto o chefe do Executivo portobelense, em vídeo, lembrou que “o festival dobrou de tamanho” e que as vendas se limitam apenas aos camarotes e área vip — por iniciativa da produtora, parceira do evento —, “que são uma novidade”.

QUEM DIZ O QUE QUER…

Stein aproveitou o ensejo, ainda, para alfinetar os adversários. “A vereadora esqueceu de dizer que pagamos R$ 500 mil de INSS da gestão anterior, mais R$ 150 mil do asfalto não concluído no Alto Perequê, os R$ 300 mil de contrapartida da Ironildo Conceição dos Santos, e não disse também, na publicação, que pagamos mais de R$ 1,2 milhão de vale alimentação que o governo passado ficou devendo aos servidores. Chega de mentiras! Vamos falar a verdade!”, esbravejou o prefeito.

Na jugular

Postado em 22 de janeiro de 2019

Pseudo presidente do PSL em Tijucas – a comissão provisória do partido no município foi extinta em dezembro –, o servidor público municipal Renato Sartori fez um apelo, ontem, aos vereadores, no Facebook, para que intervenham na aquisição de um veículo para o Departamento de Estrada de Rodagem, da Secretaria Municipal de Obras, Transportes e Serviços Públicos, onde está lotado. “Estou sem caminhonete e não consigo visitar as obras do interior”, escreveu. O comentário foi publicado na postagem do vereador Ecio Helio de Melo (PP) sobre a entrega, pelo senador eleito Esperidião Amin (PP), de uma Mitsubishi/L200 Triton Sport, avaliada em mais de R$ 160 mil, para a Secretaria de Saúde do município; e provocou uma resposta imediata.

O gerente administrativo do Samae (Serviço Autônomo Municipal de Água e Esgoto) e presidente do PSB em Tijucas, Fabiano Saramento, decidiu alfinetar Sartori: “como agora você tem acesso direto com o governador, peça a ele umas duas ou três caminhonetes. É hora d’ele retribuir”. Pois, então?!

Fake news

Postado em 30 de outubro de 2018

O prefeito de São João Batista, Daniel Netto Cândido (PSD), se diz vítima das famigeradas fake news nestas eleições. Ele usou o Facebook, domingo (28), para pedir que as pessoas “não participem dessa corrente do mal”. Segundo o mandatário batistense, alguns perfis falsos foram criados na rede social unicamente para “espalhar notícias mentirosas sobre a gestão” da Capital Catarinense do Calçado.

Na publicação, Cândido não especifica quais são as fake news que atormentaram, recentemente, o governo de São João Batista; mas o Blog, que tem fontes de A a Z, apurou. Uma das postagens perniciosas informava que servidores comissionados do município estavam sofrendo perseguição e sendo exonerados porque não aceitavam declarar apoio ao candidato a governador Gelson Merisio (PSD), para quem o prefeito fez campanha. E, de fato, não é fato. Não há registros, pelo menos oficiais, de demissões na administração batistense nas últimas semanas.

Honra apartidária

Postado em 3 de novembro de 2017

Do ex-prefeito e ex-deputado estadual Lauro Vieira de Brito, membro da executiva dirigente do PMDB em Tijucas e em Santa Catarina, no Facebook, esta semana:

“Três chapas disputam a preferência das lideranças nacionais do PMDB (para o pleito da presidência da República nas eleições de 2018). Os baianos lançaram Geddel Vieira Lima para presidente, e procuram outro nome no Nordeste para completar a chapa. Os cariocas batem o pé, e querem Eduardo Cunha para presidente e Sérgio Cabral para vice. Por outro lado, um grupo de nacionalistas quer uma chapa que una todos os emedebistas do país e lançaram Romero Jucá do Norte e Eliseu Padilha do Sul.

Assim sendo, acho que esses honrados, honestos e dignos políticos merecem o voto do povo brasileiro. E eu, como bom emedebista, se pudesse, votaria em todos eles… para que, no mínimo, passassem 30 anos na cadeia”

De fato, e concordante ao texto, dignidade e decência independem de preferências partidárias. Não à toa, Vieira de Brito é, para grande parte dos tijuquenses, o melhor gestor público que passou pelo comando do município.

Toma lá, dá cá

Postado em 23 de janeiro de 2017

Desabafo do ex-vereador Tannay Vaz Júnior (PT), postado no Facebook e repercutido pelo blog, desapareceu. As críticas, supostamente direcionadas ao vice-prefeito Adalto Gomes e ao advogado Roberto Vailati – figuras centrais do PT em Tijucas –, foram eliminadas da página pessoal do autor horas depois de publicadas.

Passarinho transparente conta que Vaz Júnior recebeu um telefonema do presidente municipal do partido, que, furioso, citou Volnei Morastoni, Paulo Eccel e Evaldo Guerreiro, todos ex-patrões do reclamante e baluartes do PT nas esferas estadual e municipal. Um lembrete de que a sigla sempre acolheu o ex-vereador também não faltou nesse puxão de orelha.