domingo, 7 de junho de 2020 VALE DO RIO TIJUCAS E COSTA ESMERALDA

Já são 11, quase 12

Postado em 21 de maio de 2016

Ontem no fim da tarde, quando a semana parecia terminar tranquila no paço municipal, três cartas de dispensa foram assinadas pelo prefeito Valério Tomazi (PMDB) e reacenderam a fogueira que já ardia tímida em restos de lenha chamuscada.

Além do ex-secretário Nelso Vicentini, foram exonerados também os comissionados Vilson Pedro Felipe, o Biriba, e Alexandre Steil, ambos lotados na Secretaria de Obras, Transportes e Serviços Públicos de Tijucas.

O chefe do Executivo municipal segue cumprindo os avisos que distribuiu às vésperas da pré-convenção, mas em doses homeopáticas. Além dos cortes, ele também promove o terror; e permite que a angústia e a incerteza continuem sendo o clima típico da época em cada canto da estrutura pública municipal.

Passarinho transparente, que até o momento não errou nada sobre esse assunto, diz que a professora Giane Fernandes, atual diretora da EEB Santa Terezinha, é a próxima na lista de dispensas. Um comunicado, inclusive, já teria sido direcionado à educadora.

Nona queda

Postado em 20 de maio de 2016

Secretário de Agricultura, Pesca e Meio Ambiente na segunda gestão de Elmis Mannrich (PMDB), e, mais recentemente, secretário interino da pasta – que ficou vaga com a saída de Odirlei Resini (PMDB) para a disputa das eleições proporcionais deste ano –, Nelso Vicentini recebeu, agora há pouco, a carta de exoneração.

Coincidências à parte, é a nona baixa no quadro de servidores comissionados do município desde que o prefeito Valério Tomazi (PMDB) perdeu a disputa interna com Mannrich na pré-convenção do partido. Vicentini, nem se precisa dizer, é aliado do ex-prefeito.

Bicicleta

Postado em 20 de maio de 2016

Com apenas 16 anos, Victor Hugo Kurtz, de São João Batista, já é pentacampeão brasileiro e heptacampeão catarinense de BMX; credenciais mais que justas para ostentar cotação máxima para os Jogos Olímpicos de 2020, em Tóquio.

O atleta, que tem apoio da FUBE (Fundação Batistense de Esportes) e da administração municipal, embarcou hoje para Bogotá, capital da Colômbia, onde participa do Campeonato Mundial UCI BMX 2016 – Red Bull Bike.

No vermelho

Postado em 20 de maio de 2016

Se o ex-prefeito Elmis Mannrich (PMDB) estiver com a razão, caem por terra todas as retóricas de saneamento das finanças da prefeitura de Tijucas aplicadas insistentemente pelos defensores do prefeito Valério Tomazi (PMDB) em justificativa à ausência de obras relevantes na cidade.

“Deixei menos de R$ 3,5 milhões em compromissos do município quando saí. No último levantamento, feito pela ex-secretária Rosângela de Fátima Leal da Veiga a pedido do prefeito, meses atrás, o débito da prefeitura já passava dos R$ 10 milhões”, revela o presidente do PMDB municipal. Pois, então?!

Número três

Postado em 20 de maio de 2016

As habituais candidaturas de situação e oposição podem ter companhia nestas eleições, em Canelinha. Hoje, seis partidos reúnem-se na Câmara Municipal para a possível formalização da terceira via.

Se vai vingar, só o tempo dirá; mas DEM, PDT, PR, PRB, PSB e REDE estão dispostos a lançar uma chapa concorrente a Eloir João Reis (PSDB) e Moacir Montibeller (PMDB) no pleito majoritário que se avizinha. Tudo depende da assembleia de logo mais.

Parabéns a você

Postado em 20 de maio de 2016
Foto: Léo Nunes

De bem com a vida, Wilsinho Furtado, o aniversariante de ontem, recebeu amigos e convidados especiais, em casa, em Tijucas, com festa das grandes, para celebrar a conquista da nova idade.

Na foto, emoldurando o anfitrião, estão Alexandre “Fylho” Nascimento, André “Azul” Lídio e Gerson Marcelino.

Sem saída

Postado em 19 de maio de 2016

Não afirmo e nem confirmo, mas, segundo fonte fidedigna, houvesse o que houvesse na pré-convenção do PMDB de Tijucas, Elmis Mannrich seria o candidato do partido na eleição majoritária deste ano. Ao prefeito Valério Tomazi, restava aceitar a derrota. Por votação no diretório, ou por intervenção da executiva estadual.

Afiança o informante, certo do que diz, que havia uma manobra na gaveta, pronta para ser usada em caso de zebra nas prévias. A direção estadual do partido – que tem Mannrich como um dos seus membros – já conhecia o caminho, e intercederia se necessário. Hum…

Conformado

Postado em 19 de maio de 2016

Não tem jeito. O prefeito de Canelinha, Antônio da Silva (PP), terá que engolir o vice, Eloir João Reis, popular Lico (PSDB), como protagonista nos palanques situacionistas.

Ao mandatário canelinhense, bastou se conformar; ainda que tenha esperneado, lançado alternativas diversas, filiado potenciais candidatos à prefeitura ao PP, e lutado com todas as forças contra a popularidade do adjunto. As pesquisas pré-eleitorais foram determinantes. Lico lidera todas, muito à frente de qualquer opção governista. O representante da situação no pleito majoritário que se avizinha está definido.

Chapa pura?

Postado em 18 de maio de 2016

Eleitores, seguidores, fãs e admiradores do vereador Edson José Souza (PMDB) não têm dúvidas. Para eles, o parlamentar, há cinco legislaturas consecutivas na Câmara Municipal, já é o candidato a vice-prefeito na chapa encabeçada por Elmis Mannrich (PMDB).

De fato, existe um movimento interno pela formação da dupla. Mannrich, sóbrio, não dá pistas. Mas, segundo fontes do blog, a negociação é antiga. Começou antes da pré-convenção do PMDB, quando os dois votos do vereador ainda não tinham dono. Agora, portanto, se sabe: caíram na conta do ex-prefeito.

De outro ângulo

Postado em 18 de maio de 2016

Com luxuosa contribuição do jornalista Jonas Hames, o blog, que é democrático e jamais será o dono da verdade absoluta, incrementa a nota “Farinha pouca, meu pirão primeiro” e informa que em Nova Trento as divergências, de fato, são entre o prefeito Gian Francesco Voltolini (PP) e seu antecessor, Orivan Jarbas Orsi (PSDB).

“A relação entre Gian e o vice, Josemar, é boa”, garante Hames, antes de inteirar que o adjunto, inclusive, defende o projeto de reeleição do prefeito, e sequer tem participado das reuniões do PSDB na cidade. Orsi, por sua vez, não abre mão da candidatura tucana; e teria deixado isso claro ao chefe do Executivo neotrentino domingo (15), no encontro das bases.