quinta-feira, 22 de fevereiro de 2024 VALE DO RIO TIJUCAS E COSTA ESMERALDA

Compromisso rompido

Postado em 8 de fevereiro de 2024
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
Foto: Divulgação

A coalizão PSD/PL em Tijucas, costurada engenhosamente pelo vice-prefeito Sérgio “Coisa Querida” Cardoso (PSD) – e depois, com autoria despojada para o prefeito Eloi Mariano Rocha (PSD) –, quebrou na emenda.

A regência municipal do partido do governador Jorginho Mello cansou de esperar. Mariano Rocha, por acordo, entraria com a indicação do representante do grupo na concorrência majoritária de outubro para que o PL definisse o complemento da chapa. Mas a procrastinação do chefe do Executivo tijuquense acabou irritando os liberalistas – que argumentaram pressa na resolução de estratégias para o pleito, como, especialmente, a formação de uma nominata consistente de postulantes à Câmara Municipal.

Como contragolpe, e para mostrar descontentamento com a violação do tratado, a representação do PL local se reuniu ontem com a cúpula estadual do partido e definiu que deve concorrer à prefeitura de Tijucas nestas eleições. Há, entretanto, impasse na decisão entre o empresário Thiago Peixoto dos Anjos, segundo colocado no pleito de 2020, que chegou à legenda em dezembro, e o vereador Fernando Fagundes, que continua no MDB, mas com promessa de assinar filiação na janela de março.

EM CIMA DO MURO

Conforme noticiado anteriormente no Blog, a indecisão do prefeito sobre o candidato governista na concorrência majoritária tem frustrado, inclusive, apoiadores da gestão.

Seguidas reuniões do grupo, a propósito, têm sido realizadas sem a presença de Mariano Rocha para debater o assunto. Conselheiros da administração municipal, nestes encontros, teriam elencado prejuízos que a postergação das definições pudesse causar. E um deles seria o afastamento do PL, que vem se confirmando.

MEDIDA DESESPERADA

O prefeito tem encontro às pressas, hoje, com o braço direito do governador Jorginho Mello e presidente do PL em Florianópolis, Heleno Orlandino, para tentar minimizar os danos.

O proponente da reunião teria sido o deputado federal Darci de Matos (PSD), que deve participar das negociações. Entre eles, deve estar, ainda, o vereador Rudnei de Amorim, talvez a indicação de ordem de Mariano Rocha no ensaio de uma retomada da conjuntura.

Cadeira e partido

Postado em 9 de fevereiro de 2021
  •  
  •  
  • 7
  •  
  •  

Em atenção à nota “Chá de cadeira“, de semana passada no Blog, o ex-vereador Heriberto Eurides de Souza (CIDADANIA) garante que em momento algum tomou chá de cadeira do prefeito Pedro Alfredo Ramos (MDB), de São João Batista, quando tentou um encontro com o chefe do Executivo na prefeitura, em meados de janeiro. “Quando eu soube, pelo chefe de gabinete, que não seria atendido, não esperei sequer um minuto”, conta o segundo colocado na eleição majoritária da Capital Catarinense do Calçado em 2020.

NOVOS RUMOS

Betinho Souza, aliás, mesmo sem função pública, continua sendo notícia. Nos bastidores da política batistense, a migração do ex-vereador para o PSC — que apresentou na pastora evangélica Fernanda Adorne na corrida à prefeitura de 2020 — é dada como certa. De acordo com o jornalista Juliano César, do Correio Catarinense, a mudança de partido estaria encaminhada.

 

Contagem regressiva

Postado em 4 de novembro de 2020
  •  
  •  
  • 21
  •  
  •  
Foto: Reprodução/Facebook

A secretária de Educação de Canelinha, Rosângela Maria Leal Cordeiro, tem uma revelação a fazer. Nas redes sociais, ela vem promovendo uma contagem regressiva, postando imagens de algarismos em ordem decrescente há 14 dias. O fato, ainda em suspense, que tem provocado a curiosidade dos canelinhenses, deve ser divulgado amanhã.

As especulações são muitas, normalmente presumidas nos comentários das postagens. Desde suposições sobre a política da Cidade das Cerâmicas ao aniversário de casamento da secretária. Fontes do Blog, no entanto, garantem que o anúncio se refere a uma luta pessoal, que envolve um terreno da família e uma disputa judicial de usucapião. A espera, porém, está prestes a terminar. Quem viver, verá!

Condenação mantida

Postado em 7 de junho de 2019
  •  
  •  
  • 15
  •  
  •  

Os juízes do TRE (Tribunal Regional Eleitoral) decidiram, nesta manhã, manter a cassação dos vereadores e suplentes de São João Batista envolvidos na “Operação Ressonância” – que apurou um esquema de violação na fila de espera do SUS (Sistema Único de Saúde) para exames de ressonância e tomografia, por intermédio de procedimentos irregulares e cobrança de valores dos pacientes. Diante da condenação, Alécio Boratti (PP) e Carlos Francisco da Silva (PP) perdem o assento na Câmara Municipal e ficam inelegíveis por oito anos; e os suplentes Mário José Soares (PP) e Sebastião Formento Filho (PP), da mesma forma, perdem os direitos políticos.

A partir da publicação do acórdão, Nataniel “Chulipa” de Oliveira Valença (PP) e Tarciso Soares (PP) devem assumir as cadeiras do PP no Legislativo batistense.

TEM MAIS

Boratti é, também, motorista da Secretaria Municipal de Saúde com função efetiva, e ainda pode perder o emprego em outro processo, na vara criminal. De acordo com a acusação, ele teria usado o cargo, o veículo da frota oficial do município e o telefone para a prática do crime.

RECURSO

O advogado de defesa Nelson Zunino Neto diz, com exclusividade para o Blog, que o resultado era esperado e que vai recorrer ao TSE (Tribunal Superior Eleitoral).

Enfermidade social

Postado em 5 de setembro de 2017
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

O leitor Douglas Porcíncula, de Tijucas, mostra, indignado, a catastrófica situação do Hospital São José. De acordo com os relatos na gravação, a principal referência de saúde pública da Capital do Vale que atende, inclusive, pacientes de municípios vizinhos dispunha, hoje, de apenas uma médica para dezenas de pessoas que precisavam de cuidados e sofriam por horas nas filas de espera.

“É uma vergonha para Tijucas, uma cidade pequena, vereadores brigando. Temos que ver as melhorias. Se não houver melhorias, não adianta”, desabafa o autor do protesto.

Bebê à vista

Postado em 13 de julho de 2017
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
Foto: Mari Righez

O gestor comercial Leonel Almeida e a empresária Micheli Martinenghi, mais a pequena Pietra, todos de Tijucas, à espera de Benício, que chega em setembro.