terça-feira, 23 de abril de 2024 VALE DO RIO TIJUCAS E COSTA ESMERALDA

Em linha reta

Postado em 1 de abril de 2024
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
Foto: Reprodução/Redes Sociais

As crenças ideológicas estão acima de qualquer projeto político ou pessoal que o empresário Felipe Lemos possa ter. O posicionamento do líder do PL municipal e pré-candidato a prefeito de São João Batista foi mais uma vez sublinhado no fim de semana, durante a estada do ex-presidente Jair Bolsonaro em Balneário Camboriú.

Lemos, que sempre defendeu a direita conservadora e a postura de Bolsonaro mesmo que não participasse do movimento político, continua, agora como presidente de partido e postulante à prefeitura, seguindo os passos do maior expoente liberalista em território brasileiro. E desta vez, na cidade litorânea, não foi diferente.

“Sempre defenderei aquilo que acredito e confio. Por Deus, pela minha família, pela nossa pátria e pela liberdade”, escreveu o batistense nas redes sociais assim que postou, orgulhoso, fotos e vídeos do ato.

Ex-inimigo

Postado em 11 de março de 2024
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
Foto: Arquivo Pessoal

O empresário, ex-secretário municipal e ex-vereador Sidney Machado (PL), popular Ney da Tijusat, mudou de alvo. Antes crítico incisivo das ações do governo municipal, sobretudo do prefeito Eloi Mariano Rocha (PSD), ele trocou os julgamentos locais pela disputa nacional entre movimentos de esquerda e direita.

A atenuação aos atos de Mariano Rocha, entretanto, pode ter como pano de fundo a aproximação com líderes do PP, um dos partidos aliados da gestão, e a expectativa de uma filiação à legenda nesta janela. As tratativas envolvem, ainda, uma possível candidatura à Câmara Municipal nestas eleições pelo grupo governista.

Como argumento basal da mudança, a propósito, Machado se apoiaria na questão ideológica, na falta de espaço no PL e no fato de que o PP foi, por muito tempo, a bandeira partidária do ídolo e ex-presidente Jair Bolsonaro.

Sinais

Postado em 31 de julho de 2023
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
Foto: Arquivo Pessoal

O convite, pessoal e intransferível, para que o vice-prefeito de Nova Trento, Moacir Dalla Brida (PL), participasse, sexta-feira passada , do almoço com o governador Jorginho Mello (PL) e o ex-presidente da República, Jair Bolsonaro (PL), em São José, corrobora a nota “Partido de todos”, que o Blog publicou com exclusividade.

A executiva estadual do partido, que tem Jorginho na presidência, mostrou, mais uma vez, que decidiu manter a aliança com o MDB no município.

A garantia foi dada ao prefeito Tiago Dalsasso (MDB), dias atrás, durante o encontro com o governador na apresentação do programa Santa Catarina Levada a Sério + Perto de Você. O secretário de Estado da Infraestrutura e Habitação, Jerry Comper (MDB), com quem o mandatário neotrentino tem relação estreita, participou da articulação. A coordenação do partido no Vale do Rio Tijucas já foi informada sobre a posição da cúpula estadual do PL sobre o impasse em Nova Trento.

CONTRAPONTO

Independentemente dos sinais, o presidente da comissão provisória do partido no município, Wesley Duarte Arantes, rechaça as informações apuradas pelo Blog e garante que “não existe uma conversa ou interesse em manter o ‘casamento’ entre PL e MDB”.

A representação da legenda na Terra de Santa Paulina trabalha nas trincheiras da oposição, e na esperança de contar com o ex-vereador Maxiliano de Oliveira (PP) para a disputa da prefeitura em 2024.

Contraponto

Postado em 5 de outubro de 2021
  •  
  •  
  • 3
  •  
  •  

O ex-vereador Heriberto Eurides de Souza, candidato a prefeito de São João Batista em 2020 pelo CIDADANIA, mostra ao Blog matéria do NSC Total para dizer que o deputado federal Gilson Marques (NOVO-SC), que palestrou na Câmara Municipal no fim de setembro, não quer a destituição do presidente Jair Bolsonaro (sem partido), conforme teria ficado implícito na nota “Mancada“, de semana passada. De acordo com o texto do colunista Evandro de Assis, o parlamentar “não engrossa a defesa do impeachment, feita pelo NOVO em julho” e diz que a posição do partido “não passa de um tuíte”.

Bolsonarista convicto, Betinho, a propósito, foi um dos que mais questionaram Marques a respeito do assunto durante a palestra. Mas, segundo outros presentes na plateia, o deputado não quis se estender no tema e, sempre que pôde, desconversou.

Tradição familiar

Postado em 10 de junho de 2021
  •  
  •  
  • 4
  •  
  •  

A ministra Isabel Gallotti, do STJ (Superior Tribunal de Justiça), integra a galeria de nomes sob exame do presidente Jair Bolsonaro e pode vir a ser a terceira mulher no STF (Supremo Tribunal Federal), na vaga do ministro Marco Aurélio Mello, prestes a se aposentar.

Se assim for, segue impressionante tradição familiar, como filha, neta e bisneta de ministros da corte suprema tupiniquim. O pai da ministra Isabel, Octavio Gallotti, seu avô Luiz Gallotti e também o bisavô, Antônio Pires e Albuquerque, foram ministros. Todos nascidos em Tijucas.

Pré-candidatura

Postado em 14 de outubro de 2019
  •  
  •  
  • 14
  •  
  •  

O rol de pré-candidatos a prefeito em Tijucas continua aumentando. O empresário Osmar Vidal Rachadel Filho, o Mazinho da Borracharia, vem anunciando postulação ao cargo máximo do município nas eleições de 2020. Ele acaba de constituir razão social para o PRTB na Capital do Vale e já avisou: “estamos aptos a trabalhar na questão partidária”.

Mazinho frequentou as bases do PSL municipal, entre 2018 e o início deste ano — com envolvimento massivo nas campanhas locais dos então candidatos à presidência da República e ao governo estadual, Jair Bolsonaro e Carlos Moisés da Silva —, e, desde então, vem manifestando o desejo de participar ativamente do processo eleitoral de Tijucas e, sobretudo, de candidatura majoritária.

Vai e vem

Postado em 5 de agosto de 2019
  •  
  •  
  • 24
  •  
  •  

A pré-disposição seria do governo estadual, com anuência — e incentivo — do governador Carlos Moisés da Silva: o PSL tem que participar da gestão de Tijucas e seguir em aliança a Elói Mariano Rocha (PSD) para a concorrência municipal de 2020. O prefeito comprou a ideia e vem bancando internamente essa conjuntura.

Houve convites, inclusive, para que Mariano Rocha concorresse à reeleição no partido do governador. Mas essa hipótese já foi descartada; e o mandatário tijuquense articula, agora, diretamente com a cúpula peesselista e apoiadores locais, o ingresso do PSL no projeto político dos colas-brancas, com vistas nas eleições de 2020.

Alvo de cobiça, intrigas e polêmicas na Capital do Vale, a legenda do presidente Jair Bolsonaro está a cargo do psicólogo e ex-bombeiro militar Gerson Henrique Marcelino até 30 de setembro, mas, vencido o prazo, pode mudar de mãos novamente. A proposta dos governistas, discutida entre si e com a regência estadual, a princípio, não contemplaria o atual comando do partido no município.

Filho pródigo

Postado em 10 de julho de 2019
  •  
  •  
  • 19
  •  
  •  
Foto: Divulgação

Ontem, na saída do Congresso Nacional, em Brasília, o prefeito Daniel Netto Cândido (PSD), de São João Batista, topou com o deputado federal Eduardo Bolsonaro (PSL-SP) — filho do presidente Jair Bolsonaro (PSL) — e registrou a selfie.

E conversaram rapidamente sobre um amigo em comum: o deputado federal neotrentino Rogério “Peninha” Mendonça (MDB-SC), de quem Bolsonaro disse ser muito próximo, e para quem o mandatário batistense dedicou, com anuência da Câmara Municipal, em 2017, o título de Cidadão Honorário de São João Batista. O filho do presidente revelou a Cândido, ainda, que adora Santa Catarina e que gostaria, num futuro próximo, de viver em solo catarinense — onde, inclusive, vem frequentemente praticar tiro.

De olho em 2020

Postado em 29 de maio de 2019
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
Foto: Divulgação

Sob a batuta do recém-empossado presidente Gerson Henrique Marcelino, o PSL de Tijucas se reuniu ontem no salão de festas da Adec esteado num velho mantra: levar os 81% de votos conquistados por Jair Bolsonaro na Capital do Vale, assim como os 64% de Carlos Moisés da Silva, para o pleito municipal de 2020.

Tutelados por quatro deputados estaduais – Ana Caroline CampagnoloCarlos Henrique de (Sargento) LimaOnir (Coronel) Mocellin e Ricardo Alba –, os peeselistas trataram o encontro como “preparação para as próximas eleições”. De acordo com o comando do partido, o PSL deve apresentar candidatura majoritária em 2020 e vários postulantes à Câmara Municipal.

Confirmado

Postado em 27 de maio de 2019
  •  
  •  
  • 1
  •  
  •  

Candidato à presidência da República em 2018, o senador Alvaro Dias (PODE) respondeu ao convite da representação do Podemos em Tijucas e disse que vem, “com satisfação”, “assim que possível”, à Capital do Vale, na cerimônia de oficialização do partido.

O evento ainda não tem data, mas já conta com o principal: a confirmação da presença do ex-governador do Paraná, que, assim como Jair Bolsonaro (PSL) e João Amoêdo (NOVO), esteve entre as caras da “política anticorrupção” na recente eleição presidencial.

Dias tem uma propriedade em Camboriú, onde descansa ocasionalmente, e viria a Tijucas numa dessas passagens pela região.