domingo, 3 de março de 2024 VALE DO RIO TIJUCAS E COSTA ESMERALDA

Transferência

Postado em 6 de fevereiro de 2024
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
Foto: Câmara de SJB

O vereador Gustavo Grimm (CIDA), membro do movimento apelidado de “Centrinho”, anunciou, ontem, durante a sessão ordinária da Câmara de Vereadores batistense, que pretende se filiar ao Partido Liberal (PL), em março, durante a janela de transferências partidárias.

“Quero anunciar minha ida ao PL. Sou um cristão de direita, que acredita sim nestes princípios. Quero fazer parte deste grupo. Conversei com o Novo, mas, sozinho, não construímos nada. Esse grupo não busca nada pessoal, mas sim coletivo. Nosso propósito é São João Batista”, afirmou.

Grimm aproveitou a oportunidade para lançar oficialmente a sua pré-candidatura a prefeito. “Me lanço como pré-candidato a prefeito, concorrendo junto com o Felipe Lemos. É o povo, através a pesquisa, que vai decidir isso. Lá, ninguém é maior que ninguém”, completa.

EXPECTATIVA

Os Liberais batistenses, ainda, trabalham para agregar outros dois vereadores e membros do “Centrinho”: Elisandro dos Santos (PP) e Mário Antônio Garcia Teixeira (UNIÃO). As conversas, segundo fontes do Blog, já estariam bastante adiantadas e a oficialização pode ocorrer em breve.

Coração aberto

Postado em 31 de janeiro de 2024
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
Foto: Rádio Clube 88,5 FM

O prefeito Pedro Alfredo Ramos (MDB), de São João Batista, ainda não decidiu se concorrerá ou não, em outubro, à reeleição. O mandatário batistense, aliás, revelou nesta semana, em uma das raras entrevistas, as condições que definirão a candidatura ou a passagem de bastão.

Ao “Na Boca do Povo”, transmitido pela Rádio Clube 88,5 FM, Pedroca foi categórico: “Se um desses nomes for candidato, trabalho com o maior prazer para eles. Se não, não vou entregar para um candidato ruim”. A lista de opções, entretanto, é bastante grande e abrange, inclusive, adversários políticos.

“Tenho um compromisso com o Juliano Peixer. Ele é muito inteligente, politicamente sabe tudo. Seria um bom prefeito. Tenho o Alemão [Laudir José Kammer], da Via Scarpa, que seria um orgulho entregar a chave pra ele. Temos o Alyson [dos Santos], que confio muito. O próprio ex-prefeito [Daniel Netto Cândido], seria bom ele voltar também”, explicou.

Pedroca continua: “Tem o Felipe Lemos. Um guri novo, pra frente… mostrou sua capacidade. É valente, trabalha… começou do nada na política e já está sentado com o governador. Mário [Antônio Garcia Teixeira], Teodoro [Marcelo Adão], Elisandro [dos Santos], o Milson [da Silva]… todos pessoas boas.

PREDILETO

Publicamente, o prefeito classificou o radialista da Rádio Clube, Jonatam Cordeiro, como o seu predileto. “O meu preferido hoje, se chama Jonatam Cordeiro. Pra mim, seria um sonho te entregar a chave. Sei quem tu és. Estás 24h comigo em todas as situações dificeis de São João Batista. Pode ter certeza que eu estaria junto contigo, lutando contigo pra tu ser o prefeito”, disse, justamente ao apresentador do programa.

VICE ELOGIADO

“O Déi [Almir Peixer] tem um carisma, uma qualidade pra trabalhar… ele tem humildade, faz acontecer. Fala que tem vontade, mas não tem dinheiro. Eu digo: Déi, se tu tem vontade, luta por isso. Ele tem competência e mostrou pra cidade de São João Batista. Seria um bom canditado que eu trabalharia com o maior orgulho”, contou.

SAÚDE

O estresse constante do cargo é apontado pelo prefeito como o causador dos recentes problemas de saúde que vem enfrentando. A condição, inclusive, emociona o mandatário que, ao tratar do assunto, chora copiosamente.

“Não tá boa [a saúde]. Meus médicos dizem que o remédio não cura nunca o estresse. Eu sou forte, acredito que se eu não for candidato, não será pela doença. Mas porque vejo que tem tanta gente boa e com capacidade”, completou.

Movimento concluído

Postado em 21 de dezembro de 2023
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
Foto: Divulgação

O presidente do Poder Legislativo de São João Batista, Mário Antônio Garcia Teixeira (UNIÃO), confirmou a renúncia ao comando da Casa do Povo, para o ano que vem, na sessão ordinária da última segunda-feira (18).

Embora as eleições da Mesa Diretora da Câmara de Vereadores batistense sejam para o biênio, havia um acordo entre Garcia Teixeira e o então vice-presidente, Marcelo Xavier (PP), de passagem da presidência em 2024.

Ao Blog, dias atrás, Xavier já confirmava que o movimento de fato aconteceria. O futuro ex-presidente se despediu da função fazendo um levantamento dos números e relembrando os trabalhos realizados ao longo do ano.

Na despedida, a propósito, Garcia Teixeira agradeceu aos envolvidos no acordo. Além de Xavier, participaram os vereadores Elisandro dos Santos (PP), Nelson Zunino Neto (PP), Mateus Galliani (PP) e Gustavo Grimm (CIDA), o empresário e ex-prefeito Aderbal Manoel dos Santos, e o empresário Alyson dos Santos.

Tudo certo

Postado em 12 de dezembro de 2023
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
Foto: Câmara de Vereadores de São João Batista

O compromisso assumido pelo presidente do Poder Legislativo de São João Batista, Mário Antônio Garcia Teixeira (UNIÃO), antes de ser eleito para o cargo, em dezembro de 2022, está prestes a ser cumprido.

Na época, para conquistar o comando da Casa do Povo, o “Centrinho” e o grupo dos Progressistas se reuniram e traçaram um plano para a eleição da Mesa Diretora. O nome de Garcia Teixeira, naquele momento, foi consenso no grupo.

No discurso do recém-eleito presidente, Mário Teixeira afirmou, publicamente, que renunciaria ao cargo, ao fim do primeiro ano, para que o vice-presidente, Marcelo Xavier (PP), assumisse a presidência da Casa, no último ano do mandato.

Neste sábado (9), durante um evento promovido pelo pré-candidato a prefeito de São João Batista, Fábio Norberto Sturmer (PP), Xavier confirmou, com exclusividade ao Blog, que está “tudo certo” e que, em 2024, presidirá o Legislativo municipal.

Resposta na Justiça

Postado em 29 de novembro de 2023
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
Foto: Divulgação

Representantes de todas as bancadas partidárias da Câmara de Vereadores de São João Batista estiveram juntos, nesta quarta-feira (29), no Ministério Público de Santa Catarina, para pedir agilidade nas investigações sobre possíveis irregularidades na prefeitura.

Estiveram presentes, no encontro, Edésio Pedrinho Tomasi e Juliano Santos, do PSD, Nelson Zunino Neto, do PP, Gustavo Grimm, do CIDADANIA, e o presidente do Poder Legislativo, Mário Antônio Garcia Teixeira (UNIÃO).

Chamou atenção, entretanto, a presença do vereador Teodoro Marcelo Adão, do MDB, que integra a base do prefeito Pedro Alfredo Ramos (MDB) e é o líder emedebista no parlamento municipal.

PEDIDOS

Segundo o Correio Catarinense, o grupo esteve reunido com o promotor de Justiça Márcio Vieira. Entre outras reivindicações, os batistenses pediram agilidade nas investigações das CPIs das Empreiteiras e dos Combustíveis, além da troca de informações e de documentos entre os parlamentares e o órgão.

O representante do MP-SC garantiu aos visitantes que dará prioridade aos inquéritos e celeridade a eventuais pedidos de busca e apreensão, e quebra de sigilo bancário ou telefônico.

Absolvido

Postado em 1 de agosto de 2023
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
Foto: TV Câmara | São João Batista

Pedra cantada pelo Blog, semana passada, o vice-prefeito Almir Peixer (MDB), de São João Batista, foi absolvido com maioria absoluta, nesta segunda-feira (31), na sessão de julgamento do processo de cassação, motivado pela polêmica dos empresários e do dinheiro no gabinete do prefeito em exercício.

A comissão criada para investigar a denúncia produziu um parecer, de 12 páginas, entregue e lido pelo presidente da Câmara, Mário Antônio Garcia Teixeira (UNIÃO). Os parlamentares que formavam o grupo optaram pela improcedência da acusação e, consequentemente, contrários à cassação.

Para ocorrer a perda do mandato, eram necessários oito votos favoráveis à procedência da quebra de decoro. Entretanto, somente Gustavo Grimm (CIDA) votou pela cassação, enquanto os outros 10 parlamentares, incluindo o presidente do Poder Legislativo, foram contrários.

Ausência

Registra-se, aliás, a ausência do vice-prefeito Almir Peixer no plenário da Casa do Povo, durante a sessão que definiria seu futuro. Havia, inclusive, um período de fala livre na audiência destinado ao acusado ou à defesa. Sem representante legal, o tempo não foi utilizado.

Evento cancelado

Postado em 13 de julho de 2023
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
Foto: Luan Lucas

Por pouco, São João Batista não foi governada, por 30 dias, pelo presidente do Poder Legislativo, Mário Antônio Garcia Teixeira (UNIÃO). Era, pelo menos, o plano do prefeito Pedro Alfredo Ramos (MDB), como forma de homenagem ao pai do vereador, Aurino Argemiro Teixeira, que foi vice-prefeito de 1989 a 1992 e de 1997 a 2000.

Pedroca cogitou a possibilidade como um presente ao ex-vice-prefeito, que vem enfrentando sérios problemas de saúde. O mandatário batistense entende que o Aurino Teixeira deu grande contribuição ao município, sobretudo à população através de causas sociais, em detrimento, inclusive, a projetos e negócios pessoais.

Por tantos feitos, ver o filho ocupar a cadeira da prefeitura seria uma forma de reconhecer e agradecer o empenho. Entretanto, a ideia não foi e nem deve ser colocada em prática, conforme apurado com exclusividade pelo Blog.

Presente de grego

O prefeito – único arquiteto do projeto -, pesou os prós e contras da ideia. Intimamente, chegou a conclusão de que poderia atrapalhar a carreira política de Mário Teixeira. Pedroca entendeu que entregaria a administração em um momento de sérias dificuldades, sobretudo financeiras, impedindo qualquer movimento do interino.

A falta de ações colocaria o vereador em situação delicada perante à comunidade, sofrendo pressões e críticas desnecessárias para o momento. “Para vir aqui dar apenas bom dia, sentar na cadeira e não fazer nada, não adianta”, explicou o prefeito.

Negativa do partido

Lideranças do MDB, inclusive, souberam da possibilidade e, rapidamente, procuraram o mandatário e externaram suas opiniões, todas contrárias à homenagem. Segundo um pássaro incolor, frases como “de jeito nenhum” e outras similares foram ditas na reunião.

Trégua

Postado em 1 de fevereiro de 2022
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Depois da troca de farpas entre a procuradora geral do município de São João Batista, Neiva Cordeiro, e o vereador Gustavo Grimm (CIDADANIA), o prefeito Pedro Alfredo Ramos (MDB) entrou em cena e, sábado (29), em live de meia hora no Facebook, reafirmou a confiança na equipe e desafiou o parlamentar a provar as acusações que fez, sob pena de assumir as consequências. O teor da intriga passa por um suposto pedido ou oferta de benesses em troca da regularização de uma questão imobiliária, de 2017, o que gerou ampla repercussão na cidade. O enredo envolve ainda o ex-vereador e advogado Leôncio Cypriani (PSD), atualmente assessor jurídico do governo de Nova Trento.

A exaltação dos ânimos teve, agora, intervenção do empresário Alyson dos Santos, ex-progressista e irmão do ex-prefeito Aderbal Manoel dos Santos (PP). Ele esteve com Pedroca ontem para pedir uma trégua em relação ao vereador. O acordo foi o de que Grimm não tocaria mais no assunto, e, em troca, o chefe do Executivo batistense também esqueceria a questão, mantendo, assim, ampla maioria no parlamento da Capital Catarinense do Calçado.

PANOS QUENTES

Fontes do paço municipal garantem ao Blog que hoje, na primeira sessão do ano, a bancada governista viria fortemente armada contra Grimm na tribuna da Casa do Povo. E que a visita do caçula dos irmãos Santos ao mandatário batistense teria sido providencial para o, agora ordenado, livramento do vereador dos ataques situacionistas.

POR VIABILIDADE

Alyson dos Santos teria um objetivo primordial para se envolver nessa contenda: a manutenção do propalado Centrinho na Câmara. O trio formado por dissidentes de partidos de oposição e situação, e do qual Gustavo Grimm participa com Elisandro dos Santos (PP) e Mário Teixeira (PSL), ficou fragilizado com o imbróglio e perdeu força nos pleitos com a gestão do município.

O empresário teria esperanças de que, no futuro, com o grupo consolidado politicamente, seria capaz, em aliança com o primo e compadre Heriberto Eurides de Souza (PSC) — ex-vereador e candidato a prefeito nas eleições de 2020 —, de criar uma terceira via forte e coesa para desbancar os tradicionais MDB e PP no processo eleitoral de São João Batista.

Praça de graça

Postado em 30 de novembro de 2021
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
Foto: Divulgação

Sensibilizados por uma apresentação dos vereadores Elisandro dos Santos (PP), Mário Antônio Garcia Teixeira (PSL) e Gustavo Grimm (CIDADANIA), de São João Batista, a direção da Cerâmica Portobello, de Tijucas, decidiu custear a revitalização da Praça Valério Gomes, na Capital Catarinense do Calçado. Os parlamentares juntaram farto material histórico sobre o ex-prefeito e ex-deputado estadual Valério Teodoro Gomes, pai do fundador do Grupo PortobelloCésar Bastos Gomes, e avô do presidente do Conselho de Administração, César Bastos Gomes Júnior, e convenceram o comando da empresa a investir na obra que homenageia o patriarca da família.

 

Além de financiarem a proposta, os diretores dispuseram profissionais de arquitetura e engenharia do grupo para, a partir desta semana, contribuírem com o Poder Público batistense em melhorias no projeto e execução do serviço. A revitalização da Praça Valério Gomes foi inicialmente orçada em R$ 415 mil.