domingo, 3 de março de 2024 VALE DO RIO TIJUCAS E COSTA ESMERALDA

Cláudio do PDT

Postado em 9 de fevereiro de 2024
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
Foto: Luan Lucas

O vereador mais votado do último pleito e novo presidente do PDT em Tijucas, Cláudio Eduardo de Souza, assumiu, em entrevista ao programa LINHA DE FRENTE, ontem, a pré-candidatura a prefeito nestas eleições. A predisposição, entretanto, foi provocada a partir da saída do candidato lançado pela legenda em 2020, Thiago Peixoto dos Anjos, que migrou para o PL.

Souza explicou que, antes da desfiliação do empresário, aparecia apenas como uma possibilidade – depois de ser lembrado em uma pesquisa espontânea. Entretanto, com a ida de Peixoto dos Anjos ao PL, sua pré-candidatura ganhou força.

“Hoje sou pré-candidato a prefeito pelo PDT. [Foi decidido] Com a saída do Thiago. Meu nome aparecia nas pesquisas. Algumas nem colocavam o nome, mas aparecia na espontânea. Por conta disso, as lideranças dos grupos de oposição começaram: ‘vem conversar também’. Até então, era isso”, disse.

Embora esteja disposto a concorrer na majoritária, o jornalista garante que pretende seguir o seu “propósito”, guiado pela fé que sempre o acompanhou. “Se eu precisar ser candidato a vereador novamente, eu vou entender e não vou ter uma frustração. Mas, hoje, eu estou pré-candidato a prefeito pelo PDT. Se precisar que eu recue, por alguma situação, eu vou recuar. Mas, se eu tiver a possibilidade e, com a fé que eu tenho, o homem [Deus] disser ‘és tu que vais fazer a diferença na vida do povo, Ele vai abrir essa porta e em 2025 eu vou estar lá”, completou.

CONJUNTURA

Existe, atualmente, uma clara aproximação dos pedetistas com o MDB local. O nome do parlamentar, inclusive, foi especulado como um possível reforço para a legenda que mais vezes administrou a cidade e que tentará, em outubro, retornar à prefeitura. Entretanto, Souza explica que a boa relação se justifica por terem as mesmas intenções.

“Com base no que o MDB acredita, hoje, em relação ao atual governo, à estrutura administrativa… tanto o PDT se vê no projeto do MDB, como o MDB é bem-vindo ao projeto do PDT. Nós temos conversado bastante. Outras lideranças do PDT têm conversado com pessoas do MDB, para que possamos reforçar esse projeto, para apresentar essa alternativa pra Tijucas, para os eleitores e para aqueles que não querem a continuação do que está hoje na prefeitura”, explicou.

Transferência

Postado em 6 de fevereiro de 2024
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
Foto: Câmara de SJB

O vereador Gustavo Grimm (CIDA), membro do movimento apelidado de “Centrinho”, anunciou, ontem, durante a sessão ordinária da Câmara de Vereadores batistense, que pretende se filiar ao Partido Liberal (PL), em março, durante a janela de transferências partidárias.

“Quero anunciar minha ida ao PL. Sou um cristão de direita, que acredita sim nestes princípios. Quero fazer parte deste grupo. Conversei com o Novo, mas, sozinho, não construímos nada. Esse grupo não busca nada pessoal, mas sim coletivo. Nosso propósito é São João Batista”, afirmou.

Grimm aproveitou a oportunidade para lançar oficialmente a sua pré-candidatura a prefeito. “Me lanço como pré-candidato a prefeito, concorrendo junto com o Felipe Lemos. É o povo, através a pesquisa, que vai decidir isso. Lá, ninguém é maior que ninguém”, completa.

EXPECTATIVA

Os Liberais batistenses, ainda, trabalham para agregar outros dois vereadores e membros do “Centrinho”: Elisandro dos Santos (PP) e Mário Antônio Garcia Teixeira (UNIÃO). As conversas, segundo fontes do Blog, já estariam bastante adiantadas e a oficialização pode ocorrer em breve.

Na moita

Postado em 29 de janeiro de 2024
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
Foto: Arquivo Pessoal

A procrastinação do prefeito Eloi Mariano Rocha (PSD) quanto a indicação de um nome para a disputa da sucessão municipal tem, a cada dia sem respostas, incomodado mais a velha guarda cola-branca de Tijucas. Figuras históricas e decisivas do grupo – que, inclusive, optaram por ele em tempo hábil naquela fatídica concorrência interna de 2016, contra o ex-vereador Antônio Zeferino Amorim – têm questionado a hesitação do mandatário tijuquense e vêm tomando as rédeas do processo.

Dois apoiadores da gestão, a propósito, estiveram recentemente na prefeitura para cobrar um posicionamento de Mariano Rocha. O resultado do cara-a-cara foi exposto na quarta-feira (24), sem a presença do chefe do Executivo municipal ou de qualquer pré-candidato governista, mas com personagens cabais do movimento em volta da mesa. De acordo com fontes precisas do Blog, a base de apoio já definiu algumas estratégias e agendou outra reunião para esta semana.

Laços estreitos

Postado em 14 de dezembro de 2023
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
Foto: Arquivo Pessoal

O prefeito de Nova Trento, Tiago Dalsasso (MDB), fez questão de enaltecer e reconhecer a importância da aproximação com o Governo do Estado, sobretudo com o governador Jorginho Mello (PL) e o secretário da Infraestrutura e Mobilidade, Jerry Comper.

A proximidade com o deputado estadual licenciado não é uma novidade, aliás, já que Comper e Dalsasso nutrem uma relação de amizade. Já com Mello, os laços ficaram mais estreitos ao longo dos últimos meses. “O senhor não promete, o senhor faz”, escreveu o neotrentino ao chefe do Executivo estadual.

A mensagem, a propósito, foi escrita justamente no anúncio da assinatura da adesão de Nova Trento ao programa de transferências de recursos, destinados para obras de pavimentação asfáltica, drenagem pluvial, implantação de passeios e sinalização viária, em especial, no bairro Espraiado.

“Hoje é um dia muito especial, para mim e para o Moacir. É mais infraestrutura para o nosso município, para nossos cidadãos, para nossos visitantes… Enfim, é mais um passo para o asfalto do bairro Espraiado e demais ruas do nosso município”, complementou Dalsasso.

Bandeira hasteada

Postado em 21 de outubro de 2020
  •  
  •  
  • 96
  •  
  •  

A candidata a vereadora Vanessa Renata Machado (MDB), estreante na política aos 40 anos, tem um propósito: tirar do papel o “Projeto Preta Ana Silvério”, que pretende estimular mulheres de Tijucas, especialmente vítimas de violência doméstica, a serem independentes. Empresária, negra e mãe de três filhos, ela desenvolveu a proposta — em homenagem à amiga Ana Cleia Silvério, assassinada em 2019 — há cerca de nove meses, mesmo antes de decidir se aventurar na política.

Eleita ou não, governo ou oposição, Vanessa quer formar manicures, cabeleireiras, artesãs e costureiras e dar atendimento psicológico e médico às mulheres tijuquenses. E viu no processo eleitoral o caminho mais curto para alcançar esse objetivo.

APOIO

“As barreiras da subrepresentatividade, do racismo e do machismo precisam ser quebradas”, diz a candidata. E já tem apoios dos mais surpreendentes. Tanto que o presidente de um partido de coligação adversária, negro, identificado com a luta da empresária, decidiu, mesmo com correligionários envolvidos no pleito, apostar na campanha de Vanessa.