quarta-feira, 23 de outubro de 2019 VALE DO RIO TIJUCAS E COSTA ESMERALDA

In loco

Postado em 7 de outubro de 2019
Foto: Divulgação

Propositor da audiência pública, em maio, com mais de 500 presentes, que chamou a atenção do governo estadual para a urgência de recuperação da SC-108, entre São João Batista e Major Gercino, o deputado estadual Altair Silva (PP) visitou, semana passada, as obras, que já estão em curso.

A famigerada “cratera de Tigipió” (foto), que se abriu há quase dois anos, no quilômetro 166, é o ponto mais crítico. Silva, que é majorense de natureza, acredita que a revitalização da rodovia esteja concluída antes do fim do ano.

Beira-Rio garantida

Postado em 3 de outubro de 2019

O governador Carlos Moisés da Silva (PSL) vem a Tijucas amanhã para oficializar a destinação de R$ 8,23 milhões ao município. O recurso deve garantir o asfaltamento da Avenida Beira-Rio — entre a Ponte Sobre o Rio Tijucas, na divisa dos bairros Centro e Praça, e a Ponte Sobre o Rio Oliveira, no acesso à SC-410, no Joáia. A obra ainda não foi licitada, mas, se houver necessidade, o município deve assumir a contrapartida.

Inicialmente, a recepção ao chefe do Executivo estadual estava prevista para o gabinete do prefeito Elói Mariano Rocha (PSD), em cerimonial interno, na prefeitura. Mas, por conta da repercussão e, inclusive, porque autoridades diversas solicitaram participação, o evento foi transferido para o Anfiteatro Leda Regina de Souza, às 9h, com portas abertas à comunidade.

Moisés compreendeu e considerou que a Beira-Rio é um importante corredor entre a BR-101 e o Vale do Rio Tijucas, e que não seria justo o município arcar com todas as despesas da obra.

As negociações, segundo a comunicação oficial, foram conduzidas por Mariano Rocha e governo estadual, com participação decisiva do secretário de Administração e Finanças, Rosenildo de Amorim, em seguidas incursões à Casa Civil.

Tributo à boemia

Postado em 24 de setembro de 2019

Personagens marcantes da boemia tijuquense — alguns saudosos e outros em plena atividade — estão na voz de Janet Machnacz, no saxofone de Joel Brito e na poesia sublime do ex-prefeito Ênio Laus, de Canelinha, que compôs, com inspiração celestial, o samba “Aline e o Seu Violão”. Figuras ilustres e entidades dos folguedos da Capital do Vale, como o Café no Bule de Kaio BerlinckPerrengaCidoca, a farra do boi no Sul do Rio, o BarTuel do saudoso Batuel de Oliveira, as peripécias de Carlos PortellaBayer Neto, Vilson LemosGuilherme VarelaWalter Gomes e cia, e até o Kaya na Kana do Janga Moraes e as andanças do Davi “Galo Velho” Melo formam o enredo da obra, com arranjos irrepreensíveis e acompanhamento do maestro Nicolau Varela. Ouça e se deleite:

Ênio Laus, a propósito, que está prestes a completar 85 anos muito bem vividos, deve receber uma merecida e faustuosa homenagem, em novembro, ao som de Janet & Joel Brito e, claro, de “Aline e o Seu Violão”.

Ponte Gentil Silva

Postado em 18 de setembro de 2019

Se os tijuquenses comemoram a reedificação da Ponte Bulcão Viana — do romantismo à necessidade, do brio histórico e sentimental à essencial travessia Centro-interior —, a população de São João Batista celebra, igualmente ou mais, o anúncio da construção da terceira ponte. O prefeito Daniel Netto Cândido (PSD) tratou a assinatura do contrato com a empresa de engenharia, ontem, na prefeitura, como “um momento histórico para a cidade”. A comunidade batistense aguarda a obra há décadas.

A folclorizada terceira ponte, que margeou o anedotário da Capital Catarinense do Calçado, vai, enfim, deixar a lista de confabulações e promessas; e interligar Cardoso e Ribanceira para descentralizar o desenvolvimento e melhorar a mobilidade urbana. A administração municipal espera, agora, a emissão das licenças ambientais para, em seguida, formalizar a ordem de serviço.

NOME DEFINIDO

Além de apresentar a obra, Cândido antecipou, ainda, o nome oficial da ponte. O primeiro prefeito de São João Batista, Gentil Silva vai receber essa digna homenagem e ficar eternizado na travessia Cardoso-Ribanceira.

 

ERRATA
Blog havia informado, equivocadamente, que Gentil Silva — já falecido — presenciou o ato, no gabinete do prefeito Daniel Netto Cândido, ontem. Na verdade, quem esteve na cerimônia foi o filho do primeiro prefeito de São João Batista, Eurli Silva, o popular Irmão, acompanhado de familiares.

Varanda de solidariedade

Postado em 2 de setembro de 2019
Foto: Divulgação

Os espetáculos do Musical Anchieta, do Rio Grande do Sul, em prol do Lar Santa Maria da Paz em Tijucas, Balneário Camboriú e Florianópolis, em julho, renderam impressionantes R$ 50 mil. O cheque simbólico foi entregue ao presidente Luiz Carlos Santana Filho em jantar de gratidão às famílias acolhedoras dos artistas mirins, semana passada.

Com esse montante, a direção da entidade pretende iniciar a construção da projetada varanda inclusiva — para que os idosos assistidos tenham um ambiente de convivência e interajam mais com os familiares e a comunidade. A obra foi orçada em R$ 143 mil, e os administradores do Lar esperam que a solidariedade dos tijuquenses e moradores de cidades vizinhas continue sendo o combustível desta empreitada. Outros eventos do gênero devem surgir no calendário da instituição nos próximos meses. A expectativa é que o espaço seja inaugurado até dezembro.

Adeus, cratera

Postado em 16 de agosto de 2019

A brusquense Terraplanagem e Transportes Augusto Ltda. venceu o processo licitatório, ontem, na Secretaria de Estado da Infraestrutura, e vai, finalmente, cobrir a famigerada “cratera de Tigipió” — um buraco gigantesco na rodovia SC-108, entre São João Batista e Major Gercino, que se formou em 2017 e que, por conta da indiferença do governo com o problema, foi tema, inclusive, de audiência pública. O deputado estadual Altair Silva (PP), que é majorense, foi quem propôs e coordenou a reunião com mais de 500 presentes no salão comunitário da Capela de São Sebastião, em maio.

Os serviços, que devem iniciar em breve, envolvem, ainda, além da recuperação completa do trecho afetado, a terraplanagem, a drenagem e a sinalização do local. A obra foi orçada em quase R$ 2,8 milhões.

De pai para filho

Postado em 15 de julho de 2019

Há 25 anos, o médico Gilberto Cândido — que governou São João Batista nos anos 90 — inaugurava o Centro Cultural Batistense Professora Maria Roselene Duarte Clemes. Amanhã, o filho, Daniel Netto Cândido (PSD), entrega à comunidade a mais importante reforma que o espaço recebeu ao longo destas duas décadas.

Caso semelhante ocorreu em 2014, quando o filho revitalizou a Praça do Sapateiro, outra obra da gestão do pai. A solenidade de reinauguração do Centro Cultural acontece junto à premiação do 21º Jogo do Saber, às 19h30, e integra a programação dos 61 anos de emancipação política e administrativa da Capital Catarinense do Calçado.

Prenúncio do fim

Postado em 2 de julho de 2019

As fotos dos eventos sociais e institucionais não mostram, mas a parceria entre o prefeito Elói Mariano Rocha (PSD) e o vice-prefeito Adalto Gomes (PL), pelo menos no campo político, já não existe. O adjunto tijuquense, aliás, só não entregou o comando da Secretaria Municipal de Obras, Transportes e Serviços Públicos ainda porque aguarda a assinatura da ordem de serviço para o asfaltamento da Avenida Beira-Rio – e, obviamente, os créditos da obra. Mas o fim está cada vez mais próximo.

Na sexta-feira (28), Gomes se reuniu com apoiadores e definiu um prazo: 120 dias para entregar o cargo e abandonar o governo. Correligionários do vice-prefeito insistem na indicação de um substituto, mesmo com a inevitável ruptura.

EXECUTIVO E LEGISLATIVO

O conflito chegou, sobretudo, à Câmara Municipal. Vereadores governistas já não defendem o secretário e vice-prefeito quando o tema “obras” vem à pauta; e se juntam aos oposicionistas para culpar o ex-petista por qualquer ingerência na infraestrutura do município. Gomes vem sendo fritado, e tanto no Executivo quanto no Legislativo virou persona non grata.

SUBSTITUTO

No ninho cola-branca, conselheiros de Mariano Rocha já tramam a troca de comando na pasta de Obras. As investidas começaram na primeira quinzena de junho, durante os encontros de celebração dos 159 anos de Tijucas. O eloquente vereador Rudnei de Amorim (DEM) – coincidentemente ou não, um dos críticos mais incisivos do vice-prefeito na Câmara – é quem teria a preferência de figuras clássicas do Conselho, como os empresários Geremias Teles SilvaUilson Sgrott, para assumir o posto.

Todos por um

Postado em 7 de maio de 2019

A classe política de São João Batista deu exemplo, ontem, de civilidade e respeito ao bem comum. Entre cerca de 500 presentes na audiência pública sobre a famigerada “cratera de Tigipió”, estiveram os quatro últimos prefeitos da Capital Catarinense do Calçado. Oposição e situação se uniram e cobraram uma solução do governo estadual para a Rodovia SC-108.

Jair Sebastião “Nonga” de Amorim (ex-MDB), Aderbal Manoel dos Santos (PP), Vilmar Francisco Machado (PP) e Daniel Netto Cândido (PSD) atenderam ao chamado do deputado estadual Altair Silva (PP) e dividiram o mesmo espaço, no salão comunitário da Capela de São Sebastião, no distrito de Tigipió.

Restou a promessa: a obra de recuperação da estrada, no trecho onde há dois anos houve um deslizamento, deve iniciar em 90 dias. De acordo com o levantamento do governo, serão investidos R$ 2,7 milhões no local.

Sobre a cratera

Postado em 15 de abril de 2019

A situação crítica da SC-108, entre os municípios de São João Batista e Major Gercino, é tema de audiência pública solicitada pelo deputado estadual Altair Silva (PP). O problema é antigo e a cada enxurrada a situação só piora. Segundo os moradores, com as recentes chuvas, o asfalto apresentou novas rachaduras e quedas de barreiras. Há pelo menos um ano e meio que a população aguarda uma solução, principalmente para o ponto mais atingido, no quilometro 166, onde uma cratera se formou às margens do Rio Tijucas.

A audiência, realizada pela Assembleia Legislativa, por meio da Comissão de Transportes e Desenvolvimento Urbano, está marcada para 6 de maio próximo, às 19 horas, no salão comunitário da Capela de São Sebastião, no distrito de Tigipió, na Capital Catarinense do Calçado.

COBRANÇA

Diversos encontros foram realizados neste ano com o secretário de Infraestrutura, Carlos Hassler, e com o secretário adjunto da pasta, Pedro Luiz Stonoga, para cobrar a realização da obra. Os pedidos também foram estendidos ao secretário de Estado da Casa Civil, Douglas Borba, e ao governador Carlos Moisés da Silva (PSL).

Na legislatura passada, aliás, Altair Silva, que é natural de Major Gercino e tem relação estreita com São João Batista, conversou com o então governador Raimundo Colombo (PSD) e solicitou melhorias na rodovia. Por meio de indicações e cobranças ao governo estadual, o projeto foi realizado, mas a obra não saiu do papel.