sexta-feira, 12 de abril de 2024 VALE DO RIO TIJUCAS E COSTA ESMERALDA

Separação litigiosa

Postado em 3 de abril de 2024
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
Foto: Reprodução | MDB Porto Belo

A decisão do presidente da Câmara Municipal de Porto Belo, vereador Magno Muñoz, de se desfiliar do MDB, surpreendeu e irritou a executiva local da legenda.

Ontem, o partido publicou uma nota oficial que condena o ato e, nas entrelinhas, sugere que o parlamentar tenha sido ingrato. O boletim, inclusive, frisa que Muñoz foi “eleito pelo MDB e por quociente eleitoral” e que “em 2016 (quando se candidatou pela primeira vez ao Legislativo) não obteve êxito e foi convidado a participar da administração municipal como secretário de Assistência Social”.

Na justificativa, o vereador, que tem o desejo manifesto de se candidatar à prefeitura no futuro, citou a falta de espaço e de perspectiva no MDB portobelense. Condições que a publicação oficial do partido também contesta: “não lhe faltaram oportunidades, e sua saída foi uma decisão pessoal”.

Baixas certas

Postado em 2 de abril de 2024
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
Foto: Prefeitura de Canelinha

Os efeitos das saídas provocadas pela chegada do prazo de desincompatibilização já podem ser sentidos em Canelinha. O prefeito Diogo Francisco Alves Maciel (PL) já sabe que perderá três de seus secretários, além de outros servidores do segundo escalão.

No primeiro, as baixas confirmadas são as dos secretários Martinho Luiz Tomazzia (PL), de Agricultura, e Daniel José Pereira (PL), de Assistência Social, e o coordenador da Comutran (Coordenadoria Municipal de Trânsito), Sílvio Reis (PL).

Pelo menos outros cinco nomes que integram o segundo escalão já se despediram das funções ou se preparam para esvaziar as gavetas. Entre eles, a coordenadora de Cultura, Janaira Reis (PSD), o diretor da Comissão Municipal de Esportes, José Calbuch Júnior (PSD), o diretor da Intendência do Moura, Clodoaldo Mafra (PL), o chefe de departamento da Secretaria de Obras, Valdeci Nunes Filho (PSD) e o coordenador de Transportes, Jackson Miguel Machado (PL).

CONVERSAS ABERTAS

Com exclusividade ao Blog, o mandatário canelinhense revelou, ainda, que outras situações estão sob análise. Uma delas, aliás, é a da secretária de Saúde, Vanilda Rebelo (PL), que já se manifestou publicamente sobre a vontade de concorrer no pleito que se aproxima. Reuniões para tratar o tema estão marcadas para os próximos dias.

Balanço positivo

Postado em 27 de março de 2024
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
Foto: Arquivo Pessoal

O roteiro de visitas no Congresso Nacional, cumprido pelo prefeito Tiago Dalsasso (MDB), de Nova Trento, nesta semana, foi, segundo ele mesmo, bastante positivo. O mandatário celebrou, logo no retorno, as boas notícias recebidas durante a viagem à Capital Federal.

Chamou atenção, aliás, a audiência de Dalsasso com o senador Esperidião Amin (PP), que, por lógica, legenda partidária e convicção, seria um apoiador do grupo de oposição na Terra de Santa Paulina. Mas, o posicionamento ficou em segundo plano.

“Agenda cheia, buscando recursos para a conclusão de projetos. Faz parte! Defesa Civil, Saúde, Educação e Assistência Social foram pautas levantadas. Volto otimista e cheio de vontade”, resumiu o prefeito.

Afunilamento

Postado em 21 de fevereiro de 2024
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
Foto: Arquivo Pessoal

A velha guarda cola-branca de Tijucas se reuniu novamente na semana passada para tratar do futuro eleitoral do grupo. E, desta vez, com um dos pré-candidatos a prefeito governistas na lista de presenças.

Ainda sem a participação do prefeito Eloi Mariano Rocha (PSD), empresários, apoiadores e investidores das campanhas colas-brancas convocaram o vice-prefeito Sérgio “Coisa Querida” Cardoso (PSD) para a roda de discussões. E a decisão sobre a sucessão municipal, pelo menos para eles, parece estar tomada.

Uma pesquisa de intenções de votos teria sido apresentada e pautado o debate sobre as possibilidades do pleito. No levantamento, e a partir das observações do grupo, Cardoso teria as melhores chances de manutenção da prefeitura nas eleições que se aproximam. A preferência tem sido manifestada por figuras decisivas, como o ex-prefeito Uilson Sgrott, o médico Rogério de Souza, o administrador João Marini e o empresário Geremias Teles Silva.

DESDOBRAMENTO

Se por orientação ou coincidência, Mariano Rocha passou os dias seguintes com o adjunto a tiracolo, em visitas à rede municipal de ensino, na entrega de um veículo para a Secretaria de Assistência Social e em atos no gabinete.

Empossado

Postado em 31 de janeiro de 2024
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
Foto: Solon Soares | Agência AL

O ex-prefeito de São João Batista, Daniel Netto Cândido (PODE), já pode, enfim, ser chamado de deputado estadual. O batistense tomou posse no cargo, substituindo o titular Camilo Martins (PODE), durante esta segunda-feira (30), na Assembleia Legislativa de Santa Catarina.

Neste primeiro dia, o deputado suplente participou da assinatura do termo de posse, junto ao presidente da Alesc, Mauro de Nadal (MDB), atendeu amigos e à impresa presente. Entretanto, o primeiro ato oficial acontece no próximo dia 07, às 14h, no Plenário Osni Régis.

PAUTAS DA REGIÃO

Em um bate-papo com a Agência AL, canal oficial da Alesc, Netto Cândido explicou as metas para os 30 dias como deputado estadual. “As pautas das regiões e municípios que represento, além das áreas que atuo. Fui secretário de Estado da Assistência Social e tenho essa como uma grande bandeira. Vamos ouvir a comunidade e as lideranças, para que possamos encaminhar as demandas ao governo do Estado”, disse.

LINHA DE FRENTE

O mais novo deputado catarinense, a propósito, é o convidado desta quinta-feira (1º), do programa LINHA DE FRENTE, apresentado pelo colunista e transmitido em todos as plataformas da TV Vip, do VipSocial.

Doce apoio

Postado em 19 de dezembro de 2023
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
Foto: Arquivo Pessoal

Será apreciado pela Câmara de Vereadores de Canelinha, logo mais, um projeto de Lei de autoria do Poder Executivo que pretende contribuir financeiramente com melhorias habitacionais do município, garantindo habitabilidade, segurança, salubridade e acessibilidade em moradias de famílias de baixa renda.

O “Doce Lar” concederá R$ 2.000,00 ao cidadão que comprovar a necessidade. A quantia, entretanto, só poderá ser usada para a compra de produtos no próprio comércio canelinhense ou, em caso de contratação de mão de obra.

Segundo o prefeito Diogo Francisco Alves Maciel (PL), mais de 300 pessoas estão cadastradas para receber auxílios da Assistência Social. “Essas pessoas precisam do nosso apoio. Além de ajudá-las a ter uma moradia mais digna e segura, o Doce Lar ajudará a movimentar a economia local. É certamente um dos maiores projetos já desenvolvidos em Canelinha”, afirmou o mandatário.

Lideranças canelinhenses alinhadas ao governo têm pedido, em encontros públicos ou nas redes sociais, que o projeto seja votado ainda em 2023, mais precisamente, na última sessão do Legislativo, marcada para hoje. A primeira-dama Elaine Busnardi, a propósito, é uma das “garotas-propagandas” do Doce Lar.

Rusgas

Postado em 22 de novembro de 2023
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
Foto: Arquivo

Os novos alagamentos provocados pelas chuvas dos últimos dias provocaram, além de incontáveis problemas para os moradores de São João Batista, a queda da secretária de Assistência Social, Naldir da Silva Alexandre.

A agora ex-servidora enviou uma carta à prefeitura, na manhã desta segunda-feira (20), anunciando o pedido de exoneração. No documento, justifica que a decisão foi tomada por “razões pessoais”, mas sem detalhá-las.

Nos bastidores, há quem diga que havia um desgaste entre a secretária e o prefeito Pedro Alfredo Ramos (MDB). Um novo desentendimento teria ocorrido, após os últimos temporais, e provocado a saída. Pois então?!

Interino no Linha de Frente 

Postado em 9 de março de 2023
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
Foto: Arquivo | Linha de Frente

O prefeito interino Antônio Carlos Machado Júnior (Republicanos), de Canelinha, será o entrevistado desta quinta-feira (9) do programa LINHA DE FRENTE, apresentado semanalmente pelo colunista, direto dos estúdios da TV Razão. 

Na pauta da entrevista, estão temas como a gestão ao longo dos dois últimos anos, o período na chefia do Executivo municipal, o comando e a saída da secretaria de Assistência Social, a relação com Diogo Francisco Alves Maciel (Republicanos) e os planos para o futuro. 

O Linha de Frente vai ao ar a partir das 19h30, ao vivo, em todas as plataformas do Jornal Razão. Comentários, opiniões e sugestões de perguntas são sempre bem-vindos, desde que com parcimônia e elegância.

Pontapé inicial

Postado em 6 de fevereiro de 2023
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
Foto: Divulgação

Conforme antecipado pelo Blog semanas atrás, o vereador de Canelinha, Vagner Simas (UB), foi nomeado secretário de Assistência Social nesta segunda-feira (06). A pasta era comandada desde o início do governo pelo vice-prefeito Antônio Carlos Machado Júnior (REPUBLICANOS). 

Inicialmente, o adjunto tiraria férias de 30 dias para, no mês seguinte, assumir o Executivo durante o período de descanso do prefeito Diogo Francisco Alves Maciel (REPUBLICANOS). Mas, em nota, Machado Júnior afirmou que assumiria o “posto integral de vice-prefeito”. 

O Blog apurou que a manutenção de Simas na Assistência Social não está descartada, dependendo exclusivamente de seu desempenho. Em publicação divulgada nos canais da prefeitura, o novo secretário falou em “continuidade” e “aprimoramento” do trabalho executado nos últimos dois anos. 

Desde que a decisão havia sido tomada, ele era visto nos corredores da prefeitura e da sede da secretaria que comanda a partir de hoje. O intuito era estar atualizado com as demandas e necessidades, além de conhecer a equipe.

Novos ares

Postado em 25 de janeiro de 2023
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
Foto: Redes Sociais

Alinhado ao governo, o vereador Vagner Simas (UB) terá um novo desafio: comandar a Secretaria Municipal de Assistência Social de Canelinha. O parlamentar assume a pasta — atualmente gerida pelo vice-prefeito Antônio Carlos Machado Júnior (REPUBLICANOS) — a partir de fevereiro.

A ideia é que Simas ocupe o cargo por 60 dias. No primeiro mês, cobrindo as férias do titular que, por sua vez, terá a incumbência de assumir o Executivo em março, quando o prefeito Diogo Francisco Alves Maciel (REPUBLICANOS) cumprirá o seu período de descanso.

Fontes do Blog garantem que a manutenção do vereador na secretaria não está descartada e vai depender prioritariamente do seu desempenho na função. Enquanto isso, com o movimento, a vereadora suplente e irmã do prefeito, Caroline Alves Maciel Moskorz (UB), retorna à Câmara de Vereadores.